O meia espanhol  José Maria Callejón assinou contrato com o Nápoli nesta quinta-feira, 11 de Julho.

O atleta de 26 anos estava atuando pelo Real Madri e foi vendido por um valor aproximado de R$29 milhões para o time italiano. O contrato com o vice-campeão italiano tem duração de quatro temporadas.

A noticia da transferência do jogador foi informada pelos dois clubes ao mesmo tempo. Ontem, Callejón tinha passado por exames médicos no centro de treinamento do Nápoli.

As negociações tomaram força quando a equipe italiana começou a correr atrás de jogadores que pudessem incrementar o ataque, visto a saída de Cavani (jogador uruguaio contratado pelo Paris Saint-Germain).

Quem incentivou o contato com o craque, foi Rafa Benitez, novo treinador do Nápoli e conterrâneo de Callejón. O negócio foi bom para a diretoria do Real Madrid que conseguiu angariar pela venda da sua cria para o Nápoles, exatamente o dobro do valor da recompra do jogador para o Espanyol, visto que em 2008 quando ele foi cedido a esse time o contrato tinha uma cláusula de recompra.

Callejón defendeu o time do Real Madrid 77 vezes e fez 20 gols nessas partidas.

Por Melina Menezes.


Mais um jogador brasileiro vai fazer carreira no Exterior. Dessa vez, quem sai é o arqueiro do Santos, Rafael. Os pontos que estavam pendentes em sua negociação com o Napoli (da Itália) foram acertados e o goleiro já deve viajar para a Europa e se apresentar a seu novo clube.

Quem confirmou essa informação foi Odílio Rodrigues, vice-presidente do Peixe e comandante em exercício.

De acordo com o mandatário do clube paulista, o entrave burocrático que impedia a ida de Rafael foi resolvido, com revisão do contrato e a assinatura do clube. Assim, o arqueiro está liberado para defender o gol do vice-campeão italiano, com as despesas de viagem custeadas pelo próprio Napoli.

Na imprensa da terra do macarrão, circulava a notícia de que outro nome poderia constar na lista de jogadores do Napoli. Esse arqueiro seria Júlio César, que está atualmente no Queens Park Rangers (clube rebaixado na Inglaterra). Porém, o acordo com Rafael foi selado, acabando com outras possibilidades na posição.

Dá-se conta de que Inter de Milão e Roma também queriam levar o ex-arqueiro santista, mas pela quantia de 5 milhões de euros (aproximadamente R$ 14 milhões), quem levou a melhor foi o Napoli, que agora contará com as defesas do goleiro brasileiro.

Por Natália Mayrink De Lazzari


O goleiro do Santos, Rafael Cabral, vem chamando a atenção de alguns clubes da Europa, e desta vez quem mostrou-se interessado no santista foi o Napoli, da Itália, que formalizou proposta de 5 milhões de euros pelo jogador, entrando na briga diretamente com a rival Roma.

Paulo Affonso, agente de Rafael, afirmou que tanto o Napoli, quanto a Roma, enviaram propostas ao time brasileiro, reiterando que Rafael não tem pressa para decidir seu futuro; em 2011, outro time italiano quis contar com Rafael, na época o Palermo enviou proposta à baixada no valor de 4 milhões de euros, mas não obteve êxito.

A ideia da diretoria napolitana é trazer juventude ao elenco, principalmente no gol, posição em que as opções (goleiros) já têm idade avançada: Morgan de Santics, 36; Roberto Colombino, 37; e Antonio Rosati, na iminência de completar 30; na Roma os goleiros do elenco são os seguintes: Bogdan Lobont, 35; Mauro Goicoechea, 25; e Tomas, 19.

Caso concretize a venda de Rafael, o Santos receberia 70% do valor, o goleiro ficaria com 15% e a Teísa, grupo de investidores, ficaria com o restante; o camisa 1 tem contrato com o Peixe até setembro de 2014, mas caso não renove e nem seja negociado, em março do próximo ano já pode assinar um pré-contrato com outro clube.

Por Vinicius Cunha


O rei das pedaladas, Robinho, há 3 anos no Milan, afirmou recentemente que está contente no clube, planejando, inclusive, uma futura renovação de seu contrato por mais sete anos, contudo o jogador parece não estar com o mesmo pensamento da diretoria, que cogita colocá-lo como moeda de troca para a temporada 13/14.

O "sonho de consumo" do time italiano para a próxima temporada é o argentino Lavezzi, atualmente no PSG, e assim o Milan poderia incluir na negociação o meia Boateng e o brasileiro Robinho, que também tem sido sondado no Santos e no Atlético-MG.

Quem também pode deixar o time de Milão é um dos destaques da temporada, o egípcio El Shaarawy, que vem sendo sondado por vários clubes do velho continente, inclusive um dos rivais da primeira divisão, o Napoli.

A imprensa italiana tem postado fotos e vídeos de Lavezzi em Milão, nos últimos dias, o que ajuda a manter a especulação de uma futura negociação. O atacante argentino, por sua vez, desmentiu as notícias e afirmou que suas visitas à Itália são "apenas" para fazer compras.

Além da possível transferência, a polêmica imprensa italiana vem publicando regularmente a insatisfação de Lavezzi, Ibrahimovic e Thiago Silva no PSG.

Resta esperar o fim da temporada para ver quem está certo: o jogador ou a imprensa.

Por Vinicius Cunha





CONTINUE NAVEGANDO: