A situação para o Vasco não está nada boa neste Brasileirão 2013. A equipe carioca tem somente 32 pontos, e encabeça a zona de rebaixamento deste campeonato. A situação do Criciúma também é bem sinistra: tem somente 29 pontos, e possui grandes chances de ser um dos times que irá visitar a série B no ano de 2014.

Escalação de Vasco x Criciúma

VASCO: Diogo, Fagner, Renato, Cris, Henrique, Francismar, Pedro Ken, Filipe Soutto, Jhon, Marlone e André.

CRICIÚMA: Galatto, Marlon, Fábio Ferreira, Mateus, Sueliton, Ricardinho, Elton, Serginho, Daniel, Wellington, Lins.

Foto: Marcelo Sadio
Foto: Marcelo Sadio

Para o Vasco, não tem outra alternativa senão vencer. Se ganhar, estará fora da zona de rebaixamento, já que o Coritiba será o dono da vez. 🙂 O coxa tem feito péssima campanha depois da 20ª rodada, e desde então está decadente.

O Criciúma também não está em bons lençóis. Com 29 pontinhos, está mais do que na hora de pedir um arrego da zona de rebaixamento. Para isso, terá ainda que remar muito. Se ganhar, vai a 32 pontos, e ficará com a mesma pontuação do Vasco.

Dados do Jogo e Trio de Arbitragem

  • Local: Estádio Heriberto Hülse
  • Horário: 16h
  • Árbitro: André Luiz de Freitas Castro
  • Bandeirinhas: Cristhian Passos Sorence e Guilherme Dias Camilo

Transmissão do jogo entre Criciúma x Vasco

O jogo não será transmitido por canais abertos; tão somente pelo Premiere Futebol Clube.

Para tentar outras opções de exibição, clique aqui e busque.

33


Portuguesa x VascoPortuguesa e Vasco se enfrentam na noite desta quarta-feira (dia 11 de setembro) pela 20ª Rodada do Brasileirão 2013. A partida será realizada às 21:50, no estádio do Canindé, em São Paulo (SP).

A Portuguesa, atual 17ª colocada com 19 pontos, vem de derrota fora de casa para o Grêmio. A Lusa não vem fazendo uma boa companha neste Brasileirão e precisa de uma vitória na noite de hoje para tentar sair da Zona de Rebaixamento.

Já o Vasco, atual 10º colocado com 24 pontos, vem de um empate sem gols com o Atlético-PR. A equipe carioca segue no meio da classificação e para almejar voos maiores também precisa de um resultado positivo na noite de hoje.

Entre os desfalques das equipes estão:

  • Portuguesa: Valdomiro, Bruninho, Bruno Henrique, Washington, Lima, Henrique, Diego Viana, Romão e Muralha.
  • Vasco: Fagner, Rodolfo, Sandro Silva, Guiñazu e Bernardo.

Para a partida de hoje, a Portuguesa deve utilizar o esquema 4-4-2, com Lauro; Luis Ricardo, Moisés Moura, Diego Augusto e Rogério; Ferdinando, Willian Arão (Carlos Alberto), Correa e Souza; Diogo e Gilberto.

Já o Vasco deverá jogar também na formação 4-4-2, com Diogo Silva; Nei, Cris, Jomar e Yotún; Abuda, Fillipe Soutto, Wendel (Juninho) e Marlone; Willie e André.

O jogo de hoje terá transmissão ao vivo pelos canais Globo e Premiere FC3. Quem quiser também pode acompanhar o lance a lance no site do GloboEsporte.com.


Vasco e Fluminense fizeram uma ótima partida na reabertura do Maracanã para jogos nacionais. O placar de 3 a 1 para o time da Cruz de Malta demonstrou que o Vasco ainda tem chances no Brasileirão, enquanto o Fluminense ainda não se encontrou no campeonato.

O Vasco estava melhor, principalmente com o retorno de Juninho, que fez um ótimo trabalho no jogo. Contudo, foi o Fluminense quem começou atacando. Logo aos 2 minutos, Rafael Sóbis chutou forte, mas Rafael Vaz estava atento e defendeu. Os jogadores do Vasco estavam mais tranquilos e organizaram bem os ataques.

O primeiro gol saiu dos pés de Juninho, após um cruzamento de Pedro Ken: 1 a 0 para o Vasco e o jogo ficou quentíssimo. Fred foi expulso ainda aos 15 minutos do primeiro tempo, depois de dar uma cotovelada em Renato Silva. Com um jogador a mais ficou mais fácil para o time Cruz Maltino, porém, a equipe não demonstrou melhora significativa.

O segundo tempo começou agitado e no primeiro minuto o Vasco ampliou com André, que deu um lindo toque por cima do goleiro Cavalieri e ampliou. Só que o Flu não estava morto na partida e após uma cobrança de escanteio, Carlinhos diminuiu deixando o placar em 2 a 1. Após o gol, o Fluminense foi para o tudo ou nada e acabou deixando espaços abertos para o Vasco marcar o terceiro com Tenório, de cabeça. O que deu números finais ao jogo no Maracanã.

Por Robson Quirino de Moraes


No último sábado, dia 8 de junho, Vasco e Bahia se enfrentaram pela 5ª rodada do Brasileirão, em jogo que terminou empatado em 1 a 1.

Com o resultado, o Bahia segue com 4 partidas sem perder pelo Brasileirão. Por outro lado, o Vasco deixou de entrar no G4 por conta do empate. O resultado deixou o time carioca na oitava posição, o que não agradou muito o time de São Januário. O público de 3.986 pessoas que compareceu a Volta Redonda viu uma partida agitada e com boas chances para ambas as equipes.

O Vasco tentou muitas vezes encontrar um ponto em que a defesa do Bahia falha-se. O time da casa tentou várias vezes, enquanto o Bahia tentava definir o jogo nos contra-ataques. E foi assim que a equipe Tricolor conseguiu abrir o placar aos 7 minutos de partida. Fernandão passou pelo zagueiro Renato Silva e tocou por cima do goleiro. 1 a 0 para o Bahia.

O Vasco passou a tocar mais a bola e continuou a buscar brechas na defesa adversária. Pedro Ken, Carlos Alberto e Alisson tentavam até cruzamentos na área, mas sem sucesso. Até que aos 21 minutos, Carlos Alberto foi derrubado na área e o juiz marcou pênalti. O próprio camisa 10 bateu e empatou a partida.

No segundo tempo as equipes se revezaram no ataque, porém, o resultado permaneceu o mesmo.

Na próxima rodada, o Bahia enfrenta o Corinthians em casa e o Vasco pega o Internacional em Porto Alegre.

Por Robson Quirino de Moraes


O Campeonato Brasileiro começou bem para o Vasco. O time, que não foi muito bem no Campeonato Carioca, ainda vendeu Dedé (um dos principais jogadores da equipe nas últimas temporadas) para o Cruzeiro.

Pouco mais de 11 mil torcedores compareceram ao estádio de São Januário para ver o Vasco impor seu jogo e ganhar da Portuguesa pelo placar de 1 a 0. Mesmo com jogadas perigosas do time da Portuguesa, o Vasco teve 63% de posse de bola, além de 11 finalizações contra 3 da Lusa.

Com os desfalques de Carlos Alberto (que ainda não retornou a forma física), do zagueiro Rodolfo e do meia Bernardo (que estão se recuperando de cirurgia), o Vasco ganhou com um gol de Tenório, que marcou após falha do goleiro aos 4 minutos do segundo tempo.

Após o gol, a Portuguesa demonstrou alguma reação e foi para cima do time da casa, porém, teve um jogador expulso. Diogo recebeu cartão vermelho após entrada dura em Wendell, mas já era tarde para a Lusa.

A vitória foi bem vista pelos jogadores do Vasco, que enfrentam o São Paulo fora de casa na próxima rodada. Já a Portuguesa irá receber o Fluminense também pela 2ª rodada da competição.

Por Robson Quirino de Moraes


Madureira x VascoVasco e Madureira se despedem hoje da Taça Rio 2013. As duas equipes, que já estão eliminadas da competição, apenas cumprem tabela na tarde de hoje. A partida acontecerá às 15:30,  no estádio de Conselheiro Galvão.

O Vasco vem embalado depois da vitória por 3 a 1 sobre o Quissamã. A equipe Cruzmaltina não perde há dois jogos e deve ir a campo em busca da vitória para pelo menos terminar a competição em uma melhor colocação.

Já o Madureira amarga a vice-lanterna da competição e vem de um empate contra a equipe do Friburguense. A equipe, assim como o Vasco, espera vencer hoje para subir um pouco na tabela e de quebra fazer a alegria de sua torcida.

O árbitro da partida será Leandro Newley Ferreira Belota. Ele terá como auxiliares Wendel da Paiva Gouvêa e Claudio Batista Ribeiro.

O técnico Alexandre Gama deve escalar o Madureira com a seguinte equipe: Márcio; Elder Granja, Fernando, Daniel e Gabriel; Gilson, Ramon, Rodrigo e Caio; Jean e Derlei.

Já o técnico Paulo Autuori deverá escalar o Vasco com: Alessandro ou Michel Alves; Elsinho, Luan, Renato Silva e Yotún; Fellipe Bastos, Fillipe Soutto, Pedro Ken e Dakson; Thiaguinho e Romário ou Tenorio.


Mais uma vez sem a presença do jovem craque Neymar, o Santos entrou em campo contra o Vasco neste domingo e conseguiu vencer. Ruim para o Vasco, que com a derrota perdeu sua posição no G4 e agora terá de correr atrás para tentar reconquistar a vaga.

Com o ataque formado por Bill e Miralles e com três volantes em campo, o Santos começou a partida pensando mais em solidificar a defesa. A estratégia deu certo. Mesmo com poucos jogadores ofensivos, o Santos abriu o placar aos 7 minutos. Em bom contra-ataque, Bill lançou Miralles, que só teve o trabalho de tocar para o gol na saída do goleiro. Com o sistema defensivo trabalhando bem, o time paulista conseguia anular as jogadas de ataque do adversário. Nos contra-ataques, o Santos continuava chegando bem. Bruno Peres (duas vezes) e Felipe Anderson tiveram boas chances de ampliar. Os cariocas só chegaram aos 31 minutos. Alecsandro, de cabeça, assustou a torcida santista. Aos 40 minutos, foi a vez de Carlos Alberto levar perigo. Mas, chutando por cima, manteve o placar em 1×0 na etapa inicial.

A história se repetiu no segundo tempo. Porém, ainda mais rápido. Com apenas um minuto, Miralles voltou a marcar e ampliou o placar para o time da baixada. O gol praticamente matou o Vasco. Sem poder de reação, o time da Colina não conseguiu se reencontrar na partida. A única oportunidade que assustou o Santos aconteceu com 30 minutos, quando Fellipe Bastos acertou a trave. Porém, o juiz já marcava impedimento no lance. Assim, a partida se encaminhou lentamente para o seu final, culminando com a vitória do time santista.

Com os três pontos somados, o Santos chega a 41 pontos, ficando na 8ª posição. O Vasco perdeu sua posição no G4, caindo para a 5ª colocação, com 50 pontos.

Por Augusto Cesar





CONTINUE NAVEGANDO: