Insatisfeito no Manchester City, Carlos Tevez convenceu a diretoria do clube londrino a "liberá-lo" para a Juventus de Turim, e assim, a cúpula do City já estuda a contratação de alguém que possa substituir o argentino, e que tenha o mesmo pode de "fogo", ou seja, goleador.

De acordo com o jornal inglês "Daily Mail", Fred, atacante do Fluminense e da seleção brasileira, é o favorito para preencher o espaço vago de Tevez, e muito em breve uma proposta pode chegar ao clube carioca; o maior interessado em Fred é o treinador Manuel Pellegrini, recém chegado ao clube, e que planeja fazer algumasmudanças no elenco.

Não é apenas o nome de Fred que vem sendo comentado pela cúpula do Manchester City, e jogadores como Oscar Cardozo, do Benfica; El Shaaray, do Milan; e Jovetic, da Fiorentina, também são especulados; Edinson Cavani, do Napoli, era pretendido, mas sua contratação foi descartada, devido ao alto valor que o time italiano pediu.

O alvo número 1, Fred, está no Fluminense desde 2009, e no clube carioca conquistou dois Campeonatos Brasileiros e um Cariocão, e tem contrato com o Tricolor Carioca até dezembro de 2015; Pepe, do Real Madrid, também é desejado pelo Manchester City.

Por Vinicius Cunha


O Shakhtar Donetsk está cada dia mais "abrasileirado", e o mais novo jogador brasileiro a compor o elenco ucraniano é o meia Fred, que estava no Internacional, e após passar pelos exames de rotina assinou contrato de 5 anos. A negociação custará aos cofres do Shakhtar a quantia 15 milhões de euros.

A princípio, o Internacional teria direito a 50% do valor, mas o empresário de Fred, Roberto Assis, concordou em dar mais 10% de lucro ao time colorado, para que a negociação do atleta, que tem apenas 20 anos, fosse concluída. Fred agradeceu à torcida do Internacional, por sempre ter o apoiado, reiterando que não tinha como ficar, já que a proposta era maravilhosa.

Com a ida de Fred para o Shakhtar, já são onze os brasileiros no elenco do clube ucraniano: Ismaily, Fernando, Douglas Costa, Alan Patrick, Alex Teixeira, Ilsinho, Wellington Nem, Luiz Adriano, Maicom Oliveira e Taisom; no time ucraniano ainda passaram outros como Willian e Dentinho.

Fred é natural de Belo Horizonte, e começou sua carreira nas categorias de base do Atlético/MG, mas como não foi aproveitado, embarcou para o Rio Grande do Sul, em 2009, onde, antes de ser contratado pelo Internacional, teve uma rápida passagem pelos juniores do Porto Alegre, time da capital.

Por Vinicius Cunha


Em entrevista ao jornal O Estado de São Paulo, Carlos Alberto Parreira, coordenador técnico da seleção brasileira, garantiu que o atacante Fred será titular da equipe na Copa das Confederações mesmo tendo sofrido uma lesão muscular na parte de trás do joelho.

O jogador do Fluminense não entrou em campo no amistoso contra a Bolívia no sábado (06/04) e também está fora da partida contra o Chile no dia 24. Parreira disse que sua condição física não impactará na participação do torneio, previsto para começar no dia 15 de junho.

O coordenador disse que Fred foi um dos principais jogadores da seleção nos últimos três jogos em que usou a camisa 9 e que certamente estará na lista do técnico Luiz Felipe Scolari para a Copa das Confederações.
A atuação de Fred contra as seleções da Inglaterra, Itália e Rússia foram fundamentais para que garantisse sua posição na equipe brasileira. No entanto, para ser um dos titulares, será necessário ter se recuperado completamente da lesão.

Além da ausência no amistoso contra o Chile, o jogador desfalcará o Fluminense em suas próximas partidas pelo Campeonato Carioca e Libertadores da América.

Por Gabriel Perline





CONTINUE NAVEGANDO: