Toda vez que algum produto novo relacionado à série Simpsons é lançado causa um certo alvoroço. Quando este produto é digital, parece que o alvoroço é ainda maior. Isso porque a maioria das pessoas acaba comprando ou baixando o programa para dar uma olhada e ver se é bom. Foi o caso do game com a família mais famosa dos desenhos animados que foi lançado para iPhone.

Mas a Electronic Arts está tendo alguns problemas relacionados aos aplicativos que estão sendo lançados e foi obrigada a retirá-los da loja.

Não é a primeira vez que a empresa precisa fazer este tipo de procedimento. Na semana passada outro game que havia sido lançado também precisou ser retirado, o Battlefield 3: Aftershock. Agora, o que realmente chama a atenção é o motivo apontado no comunicado oficial da empresa, dizendo que o app teve uma recepção “esmagadoramente positiva” do público.

Parece que a procura pelo game foi tanta que os servidores da EA não aguentaram e acabaram caindo diversas vezes. “Para garantir aos jogadores atuais a melhor experiência possível, nós removemos temporariamente o jogo da App Store, a fim de limitar a capacidade do servidor para seus jogadores atuais e para que eles tenham conectividade sem problemas ou lentidões”, disse a EA em um comunicado.

Ainda não existe previsão de retorno do aplicativo para a loja do iPhone.


Os interessados em jogar o game Battlefield 3 em seus computadores tem uma péssima notícia, principalmente para aqueles que possuem o Windows Xp instalado em sua máquina. É que o novo game produzido pela Electronic Arts não rodará no sistema operacional.

Para poder jogar o game, os usuários deverão atualizar o Windows para a versão Vista (no mínimo). Além desta exigência, o game ainda tem como seus requisitos mínimos um processador de dois núcleos, memória de 2 GB, 20 GB de espaço no HD, placa de vídeo Radeon 3870 ou GeForce  8800 GT e som compatível com DirectX.

Entre as novidades de Battlefield 3 está a utilização do motor gráfico Frostbite 2 (o mesmo que foi usado para as animações do Fifa). Além disso, o novo game possuirá no modo multiplayer a capacidade de suportar até 24 jogadores (no Xbox 360 e no PS3) e 64 jogadores (no PC).

O novo game deve chegar às lojas no dia 25 de outubro e terá versões para Xbox 360, Playstation 3 e PC.


A Electronic Arts (EA), empresa referência no ramo de jogos eletrônicos, também apresentou queda na venda de seus games, e agora quer investir em jogos de mídias sociais e móveis.

A EA é quem mais desenvolve jogos para o iPad e o iPhone. A desaceleração nas vendas de jogos eletrônicos no mercado fez com que a empresa diminuísse a quantidade de jogos lançados no ano passado para algo em torno de 35 games, contra mais de 50 no ano de 2009. Atualmente, os jogos de mídias sociais, como Orkut e Facebook, tem atraído uma grande fatia de jogadores, e é esse o mercado que a Electronic Arts quer atingir.

Segundo o analista Atul Bagga, da ThinkEquity, com os games sociais e negócios móveis em alta, investidores darão mais crédito para a EA, já que a ação da empresa agora vale cerca de 15 dólares, e em 2008 esse valor era de pouco mais de 51 dólares.

Por Andrea Gomes

Fonte: Reuters Brasil


Houve um tempo em que o Boxe era o único esporte de luta que tinha versão para video-games. Com a popularização de outros esportes de contato, é claro que diversas plataformas ganharam suas versões. Uma delas é o MMA, um estilo de luta que mistura diversas técnicas.

No Brasil a categoria ainda não está entre os esportes mais populares. Isso não impede, contudo, que muitos brasileiros se aventurem nos Estados Unidos e acabe se tornando ídolos por lá. Alguns viram até título de jogos. Outros, como o gaúcho Fabrício Werdum acabam fazendo parte de um jogo importante como é o caso do EA “MMA”.

E a EA acaba de anunciar a lista dos 16 que farão parte do game. E, para a alegria dos fãs do lutador brasileiro, Werdum está entre eles. O jogo também trará um ringue temático com as cores do Brasil.

Por Maximiliano da Rosa


A Eletronic Arts divulgou o lançamento de diversos jogos feitos pela produtora. Alguns dos títulos serão lançados este ano ainda, como é o caso do game “Create”. Já outros títulos como “NFS Shift 2” e “Crysis 2” só devem ser lançados no primeiro trimestre de 2011.

O jogo “Create” será lançado em diversas plataformas e promete ser um game para toda a família. Segundo a empresa, os usuários deverão usar a imaginação para avançar de fase e poderão criar soluções que serão compartilhadas por outros jogadores mundo à fora. A previsão é que “Create” chegue às lojas em Setembro, nos EUA.

Os fãs do jogo “Crysis” terão que esperar para ver o lançamento da sua continuação, “Crysis 2”. A EA anunciou que adiou lançamento apenas para 2011, e que pretende fazer melhorias nos gráficos do jogo.

Do mesmo modo, “Need for Speed: Shift 2”, considerado a versão mais realista do game de corrida só deve sair em 2011.

Por Maximiliano da Rosa


Os efeitos 3D estão chegando nos jogos tanto para consoles como ara PCs. Um exemplo é o Crysis 2 anunciado pela Electronic Arts durante o evento E3, nos Estados Unidos.

Ainda não há muitos detalhes sobre a segunda edição do jogo, a não ser que se trata de um shoot'em up em terceira pessoa ambientado na cidade de Nova Iorque, e que ele deve usar a tecnologia 3D para atrair mais usuários.

Além da versão para Playstation 3 e Xbox 360, o jogo também rodará em PCs. Um mistério que o cerca é como será criado o efeito 3D. A EA, produtora do jogo, não informou se haverá a necessidade apenas de óculos especiais para conferir o efeito em três dimensões, ou se também os usuários terão que ter uma TV 3D para aproveitar todos os recursos gráficos.

Vamos ter que esperar para saber mais. O lançamento deve ocorrer pouco antes do fim do ano.

Por Maximiliano da Rosa





CONTINUE NAVEGANDO: