Foi anunciada na última quinta-feira (23/10) mais uma convocação da Seleção Brasileira realizada pelo técnico Dunga, na sede da CBF, na Barra da Tijuca, Zona Oeste do Rio, para a disputa de dois amistosos em novembro.

Um no dia 12 de novembro, contra a Turquia, em Istambul, e outro diante da Áustria, em Viena, no dia 18. Essa será a última lista do treinador em 2014.

Entre as novidades tem o retorno do zagueiro Thiago Silva, que foi o capitão da equipe na Copa do Mundo, os goleiros Diego Alves e Neto, os meias Roberto Firmino e Casemiro, e os atacantes Douglas Costa, Lucas e Luiz Adriano.

Dessa vez, Dunga resolveu não chamar atletas que atuam no Brasil, tendo o bom senso de reconhecer que é importante nesse momento não desfalcar os times brasileiros que terão decisões importantes em disputa no período dos amistosos.

"O futebol brasileiro é representado pela nossa Seleção, e temos que pensar nisso. Nós mantemos contato com os presidentes e treinadores dos clubes (brasileiros), sabemos da nossa responsabilidade e somos sensíveis a isso. Sabemos também que um momento é diferente de outro. Esse momento é oportuno para todos cederem um pouco, demos oportunidades para alguns jogadores de fora do país e pudemos abrir mão de alguns que jogam no Brasil", explicou o técnico Dunga.

Segundo a própria CBF, a entidade pediu ao Dunga e ao Gilmar que os atletas que atuam no Brasil não fossem convocados solicitando à comissão técnica que analisasse a melhor maneira para conciliar a convocação, considerando a reta final das competições brasileiras.

"Gostaria de agradecer aos dirigentes que trabalham nos clubes brasileiros, com quem nós mantemos contato. Solicitamos ao Gilmar e ao técnico Dunga que fizessem uma conciliação das necessidades dos clubes no Brasil com a convocação da Seleção", garantiu o presidente da CBF, José Maria Marin.

O presidente explicou também a questão da convocação do técnico da Seleção Brasileira Sub-21, Gallo, que chamou atletas do Santos e Atlético-MG que também estão envolvidos nas competições nacionais.

Marin falou que convidou Gallo para as reuniões com à comissão técnica e garantiu também que, nesse momento, os clubes terão prioridade em relação às convocações desde as categorias de base até o time principal da Seleção, e que poderá ocorrer a "desconvocação" de algum jogador se for preciso.

"Temos que ter nossos parâmetros e começaremos pela Seleção principal, mas o Gallo já está tomando providências para que os clubes no Brasil tenham total prioridade também em relação à Seleção Sub-21. Todos vão ceder, se sacrificar e refazer a convocação para não prejudicar nenhum clube", completou o presidente da CBF.

Confira abaixo a lista dos jogadores convocados pelo técnico Dunga para a disputa dos amistosos da Seleção Brasileira em novembro:

– Goleiros: Rafael Cabral (Napoli-ITA), Diego Alves (Valencia-ESP) e Neto (Fiorentina-ITA);

– Laterais: Filipe Luiz (Chelsea-ING), Mario Fernandes (CSKA-RUS), Danilo (Porto-POR) e Alex Sandro (Porto-POR);

– Zagueiros: David Luiz (PSG-FRA), Thiago Silva (PSG-FRA), Marquinhos (PSG-FRA) e Miranda (Atlético de Madri-ESP);

– Volantes: Fernandinho (Manchester City-ING), Luiz Gustavo (Wolfsburg-ALE), Casemiro (Porto-POR) e Rômulo (Spartak Moscou-RUS);

– Meias: Philippe Coutinho (Liverpool-ING), Oscar (Chelsea-ING) e Roberto Firmino (Hoffenheim-ALE);

– Atacantes: Lucas (PSG-FRA), Willian (Chelsea-ING), Neymar (Barcelona-ESP), Douglas Costa (Shakhtar Donetsk-UCR) e Luiz Adriano (Shakhtar Donetsk-UCR).

Por João Calvet

Foto: divulgação


Nesta terça-feira, aconteceu a convocação da Seleção Brasileira para os próximos jogos. O anúncio, que aconteceu em um hotel em Copacabana, se iniciou com um discurso político de Marin e depois o técnico Luiz Felipe Scolari revelou os convocados para a Copa das Confederações 2013.

Felipão disse que tem um time titular na cabeça, que provavelmente será: Júlio César, Daniel Alves, Thiago Silva, David Luiz, Marcelo, Fernando, Paulinho, Oscar, Neymar, Lucas e Fred.

É um time forte, com uma zaga titular nas principais equipes europeias e com o goleiro Júlio César vivendo um ótimo momento. Os volantes Fernando e Hernanes provavelmente tomarão o lugar de Ramires e Paulinho, embora fosse uma seleção mais forte com Hernanes no time, que é bem melhor tecnicamente que o jogador do Grêmio.

A linha de três no meio-ataque possui jogadores habilidosos que atuam muito bem nos seus times, embora haja a dúvida entre Lucas e Hulk. Como centroavante, Fred é indiscutível no momento.

A grande característica dessa convocação é o número de jovens e o técnico deu uma boa explicação para isso. Ele disse que os jogadores devem ter a oportunidade de jogar uma competição oficial antes da Copa do Mundo. Isso explica o motivo pelo qual Ronaldinho Gaúcho e Kaká estão de fora da lista. Eles serão chamados de última hora, caso haja necessidade.

Por BCC


Saiu nesta terça-feira, dia 14 de maio, a lista de convocados para a Copa das Confederações de 2013, que acontecerá no mês de junho em nosso país. Antes de iniciar a competição, a Seleção Brasileira ainda realizará dois amistosos com estes jogadores. Os jogos serão disputados contra a Inglaterra e a França.

Confira abaixo a lista de jogadores convocados:

  • Goleiros: Júlio César (Queens Park Rangers), Diego Cavalieri (Fluminense) e Jefferson (Botafogo);
  • Laterais: Daniel Alves (Barcelona), Jean (Fluminense), Marcelo (Real Madrid) e Filipe Luis (Atlético de Madrid);
  • Zagueiros: Thiago Silva (Paris Saint Germain), Réver (Atlético-MG), David Luiz (Chelsea) e Dante (Bayern de Munique);
  • Volantes: Fernando (Grêmio), Hernanes (Lazio), Luiz Gustavo (Bayern de Munique) e Paulinho (Corinthians);
  • Meias: Jadson (São Paulo) e Oscar (Chelsea);
  • Atacantes: Bernard (Atlético-MG), Neymar (Santos), Lucas (Paris Saint Germain), Hulk (Zenit), Leandro Damião (Internacional) e Fred (Fluminense).

Em relação à lista, Felipão confirmou as apostas nos goleiros, laterais e zagueiros, sem nenhuma surpresa. Mas dos volantes até o ataque, o treinador trouxe alguns nomes não muito cotados. Com respeito aos volantes, deixou Ramires fora da lista, preferiu levar Hernanes e Luiz Gustavo, provavelmente devido a maior capacidade de marcação deles. No meio, deixou de convocar Ronaldinho Gaúcho e Kaká, preferiu escalar Jadson e Bernard, dando uma cara mais jovem à Seleção Brasileira.

Por BCC


neymar-marca-o-gol-da-vitoria-da-selecao-em-manchesterA lista de jogadores convocados para a Seleção Brasileira foi divulgada na tarde de hoje. Ao todo, 18 jogadores foram chamados para realizar a partida contra o Chile.

O amistoso entre Brasil e Chile acontecerá na próxima quarta-feira, dia 24 de abril, às 22:00, no Estádio do Mineirão, em Belo Horizonte.

Esta será a última convocação de Felipão antes da divulgação da lista de jogadores que irão participar da Copa das Confederações.

Até agora, Felipão realizou 4 jogos sob o comando da Seleção. Deste total, ele possui uma vitória (contra a Bolívia), dois empates (contra Itália e Rússia) e uma derrota (contra a Inglaterra).

Nesta nova convocação da Seleção Brasileira, Felipão praticamente manteve os mesmos jogadores do último amistoso. A única diferença está no retorno de 4 jogadores: Diego Cavalieri (Fluminense), Henrique (Palmeiras), Marcos Rocha (Atlético-MG) e Fernando (Grêmio).

Confira abaixo a lista completa de convocados:

  • Goleiros: Jefferson (Botafogo) e Diego Cavalieri (Fluminense).
  • Laterais: André Santos (Grêmio) e Marcos Rocha (Atlético-MG).
  • Zagueiros: Réver (Atlético-MG), Dedé (Vasco) e Henrique (Palmeiras).
  • Meias: Ronaldinho Gaúcho (Atlético-MG), Jadson (São Paulo), Jean (Fluminense), Fernando (Grêmio), Paulinho (Corinthians) e Ralf (Corinthians).
  • Atacantes: Osvaldo (São Paulo), Leandro Damião (Internacional), Neymar (Santos), Alexandre Pato (Corinthians) e Leandro (Palmeiras).




CONTINUE NAVEGANDO: