O zagueiro Thiago Silva, capitão da Seleção Brasileira e considerado um dos melhores na função no futebol mundial, renovou o seu contrato de trabalho com o Paris Saint-German (PSG) até o ano de 2018 e teve um grande aumento salarial: de R$ 30 milhões para R$ 36 milhões anuais.

Thiago Silva teve os seus valores econômicos valorizados após a excelente exibição na Copa das Confederações, disputada em junho, quando o Brasil sagrou-se campeão. Além disso, o zagueiro recebeu propostas constantes do Barcelona, o que levou a diretoria do clube a acelerar o processo de renovação contratual.

O zagueiro é considerado pelo presidente Nasser Al-Khelaïfi, dono do clube, como um dos principais jogadores do PSG. Al-Khelaïfi chegou a afirmar que o Thiago Silva não sairia do clube "seja por qual valor for". Durante o processo de negociação, Thiago chegou a afirmar que iria cumprir o seu contrato até o final.

O Paris Saint-German está correndo contra o tempo para renovar com os seus principais craques.  Recentemente, o clube também prorrogou o vínculo do brasileiro Marquinhos até 2018. O próximo jogador a ser procurado pela diretoria será o atacante Ibrahimovic.

Por Julio Abreu


A negociação de Robinho com o Santos era dada como certa, no entanto, por uma série de razões, o negócio não foi concluído, e depois de alguma conversas, o atacante brasileiro chegou a um acordo com a cúpula do time italiano, e teve o seu contrato renovado até junho de 2016.

Um dos motivos da renovação era o temor do Milan em perder o "rei das pedaladas" e não receber nada em troca, já que o antigo contrato do craque não demorava a se expirar, e assim ainda há a possibilidade de Robinho ser negociado, já que clubes franceses e também alguns turcos demonstraram interesse no atacante.

Apesar da possibilidade de negociar o craque, mesmo com a renovação do contrato, o dirigente Adriano Galliani disse acreditar em não haver nenhuma chance de Robinho ser negociado, e com isto o atacante irá brigar por uma vaga no ataque do time, com Balotelli, El Shaarawy, Pazzini e Niang.

Robinho tem 29 anos, e está no Milan desde 2010, e por lá já fez 85 partidas pelo clube, marcando 22 gols; o jogador, que tem inúmeras passagens pela seleção brasileira, foi revelado pelo Santos, e tem passagens por Real Madrid e Manchester City.

Por Vinicius Cunha


Emerson continuará no Corinthians. O contrato com o jogador foi renovado por mais dois anos para felicidade do atleta.

Em um anuncio oficial feito pelo Timão através do seu site, ele confirmou que o atacante não iria para nenhum outro time e ficaria defendendo a camisa do clube pelos próximos dois anos, ou seja, até julho de 2015.

Flamengo e Vasco que estavam de olho no jogador, tiveram o seu “sonho de consumo” frustrado pela renovação. Emerson poderia ter assinado um pré-contrato com outro clube, visto que o seu contrato terminaria no final de 2013. Desta forma, se ele quisesse ter saído do clube, iria sem pagar nada ao time paulista.

O jogador está muito feliz com a renovação do contrato e afirmou numa rede social que “o louco ficou”. Provavelmente, o atleta encerre sua carreira no time de coração.

A negociação já estava acontecendo faz algum tempo, entretanto, a dificuldade de chegar a um acordo era porque o craque queria uma prolongação no contrato de dois anos e o clube oferecia somente um. Felizmente o empecilho foi resolvido e o craque ficará como mínimo por dois anos.

O atacante poderá cumprir a meta de 100 jogos para o Timão com 22 gols marcados.

Por Melina Menezes.


Após alguma reuniões a diretoria do Flamengo chegou a um acordo com o Complexo Maracanã Entretenimento S.A, e nos próximos seis meses o "time do povo" terá o ex-maior do mundo como casa, a exemplo do que vai acontecer com o rival Fluminense, que também chegou a um acordo com a administradora do estádio.

Ao contrário do Fluminense, que assinou contrato válido por 35 anos, o do Flamengo tem mais um caráter experimental, e a volta do clube ao palco mais famoso do futebol brasileiro já tem data marcada: 28 de julho, pelo Campeonato Brasileiro, frente ao rival Botafogo.

Por se tratar de uma espécie de contrato teste, as partes afirmaram que existe uma cláusula no mesmo, denominada de confidencialidade, que os impedem de darem maiores detalhes dos valores; o vice-presidente de finanças do Flamengo, Rodrigo Tostes, limitou-se a dizer que novamente o "Maraca" é do Flamengo, e que clube e Compolexo estão felizes.

O Complexo Maracanã Entretenimento S.A administrará o estádio até 2048, após acordo com o Governo do Estado do Rio de Janeiro; apesar do acordo, a diretoria do Flamengo afirmou que jogará os cinco jogos em Brasília, no estádio Mané Garrincha, como tinha previsto.

Por Vinicius Cunha


O clima de tensão no elenco do Flamengo é convertido em trabalho no Ninho do Urubu pelo treinador Mano Menezes. Após a dmissão de Jorginho por queda de rendimento e insatisfação do elenco, o novo treinador montou programação pesada para os atletas e já começa a buscar sue padrão de jogo no rubro-negro.

Após a dispensa de Renato Abreu, os atletas parecem ter entendido o recado da diretoria quanto à atos de indisciplina e já treinam no esquema de Mano, que montou o trio ofensivo com Paulinho, Carlos Eduardo e Marcelo Moreno.

O time titular da atividade desta quinta-feira foi formado por Felipe, Léo Moura, González, Wallace e João Paulo; Cáceres, Elias, Paulinho, Carlos Eduardo e Marcelo Moreno. Os reservas foram Paulo victor, Digão, Renato Santos, Samir e Ramon; Diego Silva, Luiz Antônio, Val e Rodolfo; Rafinha e Hernane

Mano Menezes não poupou orientações aos seus comandados e já se prepara para  a próxima semana, onde o elenco fará um período de treinamento em Pinheiral, no Su Fluminense. A equipe volta a campo no dia 6 de julho, onde enfrentará o Coritba pelo Campeonato Brasileiro.

Por Marcos Junior


O zagueiro Chicão é um dos jogadores corintianos que tem seu contrato terminando no final do ano, e assim já pode assinar um pré-contrato com outro clube, de acordo com a legislação atual. No Corinthians desde 2008, juntamente com Alessandro e o goleiro Júlio César, Chicão é um dos ídolos da história moderna do time, e já conquistou 7 títulos com o Timão.

Na última terça-feira, dia 11, o atleta, usando uma rede social, publicou que está livre para assinar um pré-contrato com outra equipe, frisando que a publicação tinha mais um cunho informativo, já que conta com quase 100 mil seguidores.

Depois da chegada de Gil, o ex-capitão corintiano vem amargando a reserva do time, além de estar convivendo com inúmeras lesões.

Quem também tem o seu contrato terminado em dezembro de 2013 é o atacante Emerson e o lateral-direito Alessandro, que já foram procurados para uma possível renovação.

Se Chicão ainda não foi contactado, em contrapartida a diretoria do Corinthians segue atrás de reforços para a defesa, e os nomes da vez são os de Wanderson, que estava no Sertãozinho, e Cléber, destaque da Ponte Preta no último Campeonato Paulista.

Por Vinicius Cunha


Na sexta-feira, 24 de maio, o Santos anunciou de forma oficial a venda de Neymar, mas em contrapartida, o Peixe divulgou, no dia posterior, que chegou a um acordo com Willian José, atacante que estava no Grêmio.

Willian não chega para substituir o craque Neymar, e sim André, que foi para o Vasco; uma das principais características do mais novo reforço santista é a facilidade de jogar "plantado" dentro da área adversária, ao melhor estilo centroavante.

Desde o final de 2012, o treinador Muricy Ramalho já desejava contar com o atleta, mas por alguns detalhes a negociação não aconteceu e o jogador foi parar no Grêmio. No Sul, teve poucas oportunidades com Vanderley Luxemburgo, e ficará no Santos até o fim de 2014.

De acordo com Willian José, jogar no Santos era um sonho antigo, e a ótima estrutura pesou na decisão; o atacante espera dar muitas alegrias ao torcedor santista, mas não terá o privilégio de jogar ao lado de Neymar (negociado). Os companheiros de José no ataque do Peixe serão os seguintes jogadores: Miralles, Giva, Víctor Andrade, Henrique, João Pedro e Neílton.

Por Vinicius Cunha


O Flamengo acertou contrato de patrocínio com a Caixa Econômica Federal, mesma patrocinadora do Corinthians, e por isto receberá R$ 25 milhões por ano; o banco terá sua logomarca estampada no peito, num dos ombros e na perna esquerda do uniforme flamenguista. Nas costas a camisa do clube tem a estampa da Peugeot, e ainda há espaços nas mangas.

A duração do contrato será de um ano, ou seja, até maio de 2015, com opção de renovação por mais 12 meses; antes do acerto, foi necessário a aprovação do Conselho Deliberativo do clube, não colocando obstáculos.

De acordo com Luiz Eduardo Baptista, Bap, vice-presidente de marketing do clube, foram cerca de cinco meses de negociações, até a conclusão do contrato, o qual agregado aos outros patrocínios do clube chega ao montante de R$ 73 milhões anuais.

Inicialmente, a diretoria do Flamengo esperava fechar o acordo em R$ 35 milhões, em contrato que a Caixa poderia usar também os esportes olímpicos para divulgar seu nome, mas a negociação ficou "apenas" nos R$ 25 milhões e restrita ao futebol, inferior ao contrato do Corinthians, que recebe da Caixa R$ 30 milhões anuais.

Por Vinicius Cunha





CONTINUE NAVEGANDO: