Para a alegria dos santistas, Cicinho e Mena foram regularizados na equipe e já podem vestir a camisa e sair fazendo gols para o time do Santos. No Boletim Informativo Diário desta quinta-feira os nomes dos dois jogadores foram anunciados para competir contra o Coritiba na partida do próximo domingo na Vila Belmiro pelo Brasileirão 2013.

A situação que exigia mais cuidados era a de Cicinho, a sua documentação tinha travado porque o pagamento dos R$ 6 milhões estava demorando para chegar à Ponte Preta, desta forma o jogador não estava sendo liberado pelo time do interior. Para a contratação deste atleta, o Santos teve a cooperação do fundo Doyen Sport além da Tiesa (grupo de investidores).

Mena estava com problemas para conseguir o visto de trabalho e teve que viajar até o Chile mesmo depois de estar no Brasil e de ser apresentado pelo clube.  A transferência do jogador foi negociada junto ao Universidad do Chile.

Com a mesma função em campo, os laterais já estiveram treinando com a equipe nesta quinta-feira e por enquanto devem esquentar o banco de reservas.

Por Melina Menezes.


Cicinho foi apresentado oficialmente pelo time santista nesta última quinta-feira.

O jogador reafirmou a versatilidade que o clube tanto lhe atribuía e disse que não há diferença em termos de desempenho se ele jogar como meia ou lateral. Ele foi apresentado no CT Rei Pelé e durante a coletiva disse que René Junior ajudou a que ele aceitasse o Santos e viesse para o time.

O discurso que fez não variou muito ao outros feitos por jogadores recém-chegados em seus times, disse que está pronto para aceitar desafios e que quer agradar tanto aos dirigentes quanto a torcida. Outras de suas palavras foram que quer ajudar a equipe para alcançar o sucesso do time nas competições.

O time santista estava competindo com o paulista, São Paulo, pela contratação do atleta, porém o Santos conquistou o craque. O clube investiu aproximadamente R$ 10 milhões na sua aquisição.

Cicinho atuava pela Ponte Preta, geralmente no meio campo e em boa parte do Campeonato Brasileiro. Em sua citação à René Junior, Cicinho referiu-se a ele com muito respeito e afirmou que seu colega foi decisivo na sua opção pelo time visto que Junior sempre falava muito bem do clube.

Por Melina Menezes.





CONTINUE NAVEGANDO: