A WTorre, construtora responsável pela reforma do Estádio Parque Antártica, anunciou na quarta-feira, 24/04, que vendeu o naming rights da Arena para a Allianz Seguros. Dia 29/04 acontecerá um evento para confirmar a negociação.

A Allianz já detém o nome de outras arenas de clubes de futebol, a principal delas é o estádio do Bayern de Munique, Allianz Arena, que foi palco da final da Copa do Mundo de 2006 e da Champions League 11/12.

As obras no estádio estão suspensas, devido à morte de um funcionário de uma empresa terceirizada, que prestava serviços no estádio, após acidente ocorrido na queda de parte das lajes das arquibancadas. No contrato com o Palmeiras, a WTorre terá o direito de explorar comercialmente a Arena por 30 anos, após a conclusão da mesma.

Prevista para ser entregue no final de 2013, a suspensão está atrasando a conclusão das obras, e é provável que o trabalho se arraste até os primeiros meses de 2014. Aproximadamente 65% das obras já estão concluídas. O custo total da obra é estimado em R$ 350 milhões.

O valor da venda do naming rights à Allianz Arena não foi revelado.

Por Vinicius Cunha


A Allianz, maior seguradora da Europa, atualmente detém os direitos de nomeação de estádios na Alemanha, Inglaterra, Austrália e França.

A empresa estuda adquirir os direitos de nomear o estádio do Palmeiras em construção em São Paulo. Em entrevista à Reuters nesta quarta-feira, ela afirmou que as negociações com o grupo WTorre (construtora responsável pelas obras do estádio) estão "em um estágio avançado".

O estádio, que deve ser construído até o fim do ano, deverá ser sede de jogos e outros eventos, como concertos.

O rival Corinthians, que está construindo seu próprio estádio, com previsão de conclusão até o fim do ano, também procura compradores de nomeação do local. O estádio deverá sediar a abertura da Copa do Mundo em 2014.

Segundo a mídia local, a Allianz está oferecendo R$ 300.000,000,00 para ter direitos de nomeação nos próximos 20 anos.

O porta-voz da Allianz no Brasil se recusou a fazer comentários sobre o tamanho potencial do negócio, dizendo que os termos permanecem em discussão.

Por Atila Felipe





CONTINUE NAVEGANDO: