Fernandão é demitido do Internacional




O tempo de Fernandão no comando do Internacional chegou ao fim. Depois de o presidente colorado, Geovani Luigi, dizer que havia a possibilidade de o treinador permanecer na equipe em 2013, o clube gaúcho anunciou a saída do ídolo do clube de Porto Alegre.

O treinador colorado era diretor executivo do clube e foi efetivado para treinar a equipe, após a demissão do técnico Dorival Júnior. Sua caminhada frente a equipe gaúcha durou 122 dias, estando à frente da equipe em 26 jogos, tendo um aproveitamento de cerca de 44,87%.


Seu início como treinador foi promissor, permanecendo invicto por seis jogos. No entanto, o técnico viu o rendimento da equipe cair de produção. Com problemas na escalação e no relacionamento com os atletas, o treinador se desgastou com o grupo, criando um clima insustentável dentro do vestiário.

Fernandão assumiu o comando da equipe com o objetivo de levar o clube gaúcho à conquista do título brasileiro, porém não conquistou nem a vaga para a Taça Libertadores.

Com a saída de Fernandão, quem assume o comando interino da equipe é Osmar Loss, que já treinou o time em outros processos de transição de treinadores.


Por Renato Benevenuto



Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *