Paulo Autuori assumiu nesta quinta-feira o comando do time do São Paulo.

Ele foi apresentado no CT Barra Funda na tarde de quinta e teve o seu primeiro contato com os jogadores.

Sabe que irá enfrentar tempos difíceis no clube, diferentemente da época em que foi campeão da Libertadores e do Mundial em 2005. O time paulista enfrenta crises e não está conseguindo reagir perante essa situação.

Na entrevista, Auruori disse que não considera que ele salvará o time, acredita sim, que o grupo unido será capaz de tal proesa. Acrescenta que se bem é capaz de entender o porquê de tanta satisfação por tê-lo na equipe, afirma que as circunstâncias em 2005 eram outras e que além dele no comando, estava Leão.

Quanto as participações nos torneios de agora em diante, é claro em dizer que o time deverá se preparar para estar em todas as finais e que tem como objetivo a conquista de títulos em todas as competições.

Como primeira atitude, ele trouxe Fabrício de volta ao grupo, o jogador tinha sido afastado por Ney Franco e isso gerou mal estar na equipe.

Por Melina Menezes.


Paulo Autuori é o novo técnico do São Paulo. Dois dias depois de pedir demissão do Vasco por conta dos sucessivos atrasos de salário, o técnico retorna para o clube onde sagrou-se campeão da Copa Libertadores e do Mundial de Clubes.

Paulo Autuori chega para substituir Ney Franco, que recebeu muitas críticas da torcida nas últimas semanas. Apesar do acerto, a torcida não ficou muito satisfeita com a contratação, já que preferia Muricy Ramalho para o cargo.

Desde que assumiu as suas atividades no Vasco, Autuori não conseguiu emplacar uma sequência de vitórias e deixa a equipe próxima à zona de rebaixamento. O clube cruzmaltino, porém, agiu rápido e contratou Dorival Júnior para a função. Já no São Paulo, a situação também não é das melhores. Na noite da última quarta-feira, a equipe perdeu para o Bahia em casa, por 2 a 1, o que aumentou ainda mais a falta de paciência da torcida.

No início deste ano, Autuori deixou o Al-Rayyan (do Qatar) e retornou de vez ao futebol brasileiro. O acerto com o São Paulo foi determinante por se tratar de uma preferência pública do presidente Juvenal Juvêncio.

Por Júlio Abreu


Paulo Autuori não é mais treinador do Vasco da Gama. O treinador contratado como solução para os problemas da equipe de São Januário não suportou as derrotas e falta de comprometimento do clube e deixou o cargo. Autuori chegou ao Vasco através de Ricardo Gomes e saiu por garantir que o clube não cumpriu o combinado de quitar os salários atrasados do elenco.

A saída de Autuori agitou os bastidores do Vasco da Gama. A semana que já havia começado mal com a derrota por 5 a 3 para o Internacional, em Caxias do Sul, foi agravada com a desistência do treinador, que esteve no clube e se despediu do grupo de atletas. A gota d'água para a saída do treinador teria sido o não cumprimento da diretoria com os atletas, que já acumulam meses de salários atrasados.

A frustração tomou conta da coletiva de imprensa realizada em São Januário. o presidente Roberto Dinamite lamentou a saída do treinador logo quando o clube está quase fechando um contrato de patrocínio que acalmará a crise. A suspeita é que Paulo Autuori tenha deixado o Vasco para assumir o São Paulo.

Por Marcos Junior





CONTINUE NAVEGANDO: