O lançamento está previsto para o dia 29 de setembro nos Estados Unidos e inclui o jogo Star Fox 2, cancelado pela Nintendo.

O Nintendo SNES

O Super Nintendo, um dos consoles mais populares da empresa, ganhou uma super repaginada. Segundo a companhia, o SNES é uma versão do antigo Super Nintendo super atualizada. É claro que a novidade chegará primeiro nas mãos estadunidenses e já está com data marcada para a chegada, dia 29 de setembro de 2017. Também já tem um valor estipulado, o console custará US$80 e em conversão direta para reais, R$ 260,00.

O novo “brinquedo” das crianças e dos adultos terá 21 jogos na memória incluindo o jogo cancelado pela Nintendo, o Star Fox 2, que apesar de ser encontrado plenamente na internet, nunca foi oficialmente lançado pela empresa.

Os compradores do novo console SNES ficarão apenas com os jogos salvos na memória do videogame. O que já basta, pois os jogos que o acompanharão serão os maiores clássicos produzidos pela Nintendo, que são: Kirby’s Dream Course, Mega Man X, Contra III: The Alien Wars, EarthBound, F-ZERO, Final Fantasy III, The Legend of Zelda: A Link to the Past, Donkey Kong Country, Kirby Super Star, Secret of Mana, Street Figther II Turbo: Hyper Fightin Star Fox, Star Fox 2, Super Mario Kart, Super Mario World, Super Castlevania IV, Super Mario RPG: Legend of the Seven Stars, Super Metroid, Yoshi’s Island, Super Punch-Out! e Super Ghouls’n Ghost.

Chamando a atenção para o jogo inédito o Star Fox 2 já que o jogo foi cancelado pela companhia Nintendo por motivo de que o Nintendo 64 tinha sido lançado, plataforma considerada pela empresa mais adequada para receber a sequência de jogos. Porém a continuação será desbloqueada de uma maneira diferente no Nintendo SNES, o jogador deverá acabar o primeiro estágio do game para que a continuação seja acessada.

Ansioso para essa super estreia? Aqui vem a má notícia: O novo console tem apenas confirmação de estreia no Japão e na Europa, além dos Estados Unidos. Por isso é improvável que o jogo seja lançado oficialmente aqui no Brasil.

Por Carolina B.

Nintendo SNES


Modelo chega às lojas americanas em julho e custará US$ 150.

Foi anunciado nesta sexta-feira (28/04) o novo aparelho portátil da Nintendo denominado New Nintendo 2DS XL. O videogame se trata de uma nova versão do Nintendo 2DS, com as duas telas em versões maiores do que seu antecessor, o New Nintendo 3DS XL, porém, com a mesma capacidade de processamento e formato físico de estojo.

Também diferentemente de seu antecessor, como podemos concluir pelo próprio nome do aparelho, ele possui a capacidade de processar as imagens dos jogos em 3D sem o uso dos óculos especiais.

O design é composto pelas cores azul turquesa e preta. No dia 28 de julho, o videogame irá ser lançado nos Estados Unidos juntamente com dois novos jogos: “Miitopia” e “Hey! Pikmin”. Seu preço, ao menos no país norte-americano, será de US$150,00.

Contando com este novo videogame, a Nintendo contém três diferentes modelos do mesmo aparelho portátil. O Nintendo 2DS se trata de uma versão econômica do 3DS, pois possui um formato diferenciado de lousa e não contém os gráficos em 3D. Lançado no mês de outubro do ano de 2013, atualmente custa cerca de US$ 80,00.

A segunda versão, o New Nintendo 3DS XL, aumentou os recursos do básico 3DS, adicionando mais botões e telas maiores, além de um analógico, um processador com maior qualidade e capacidade e tecnologia NFC. Lançado no mês de fevereiro do ano de 2015, seu preço atualmente está em média US$ 200,00.

Já o lançamento mais recente, que chegará no mês de julho do ano de 2017, é o New Nintendo 2DS XL, que conta com todas as características já conhecidas no modelo New Nintendo 3DS XL, exceto pelas imagens de três dimensões (3D). Seu preço será de US$150,00.

O novo videogame irá proporcionar uma média entre um preço razoável e cabível no bolso dos consumidores e um bom desempenho digno de um aparelho da Nintendo. Além do mais, é uma grande opção para os jogadores que gostam de levar seus aparelhos para todos os lugares, uma vez que se trata de um videogame portátil.

De acordo com a Nintendo, os portáteis têm vendido em média, até o momento, cerca de 63 milhões de unidades pelo mundo.

Isabela Palazzo


Nova versão do console já está em desenvolvimento e deve ser lançado no final do ano.

Para amantes de Vídeo Game, a Nintendo Games anunciou que pretende lançar ainda este ano o Super Nintendo Mini. O SNES Mini já está sendo desenvolvido e provavelmente será lançado perto do Natal de 2017. A notícia deste provável lançamento veio de forma positiva após a Nintendo aposentar o Super Nintendo, o que deixou muito jogadores tristes. O NES Classic Mini também foi retirado do mercado pela Nintendo.

Óbvio que com este relançamento, o final do ano de 2017 será próspero para a empresa Nintendo, já que os consumidores estão esperando ansiosamente pelo Game e a expectativa é que as vendas sejam altas.

A nova versão do Super Nintendo deve continuar com o mesmo tipo de tecnologia, com jogos na memória além do dispositivo plug & play. Ainda não se sabe quais jogos estarão disponíveis no produto.

Todavia, não há maiores informações sobre o conteúdo e o design da miniatura do SNES. Estima-se que o novo mini game será parecido com a versão Nintendinho, talvez em dimensões menores e sem suporte a cartucho. Normalmente, os títulos do SNES envolvem jogos como Super Mario World, Super Mario Kart, Chrono Trigger e Super Metroid. Isso sem falar de The Legend of Zelda: A Link to the Past, Donkey Kong Country, entre outros.

Voltando aos rumores, este novo mini game da Nintendo deve se chamar SNES Classic Mini e conforme informações do site americano Eurogamer, o desenvolvimento do produto já está quase em sua fase final e é uma dos principais motivos pelos quais o NES Classic Mini mesmo sendo líder em vendas, não foi mais produzido em larga escala pela Nintendo Games, de modo a prorrogar a sua permanência no mercado.

Se o Super Nintendo Mini seguir a mesma estratégia do NES, ele deve ser lançado já equipado com jogos instalados no seu console. Em relação ao preço de mercado, ele ainda não foi fechado e divulgado pela Nintendo Games, porém, se especula que não fuja dos US$ 60 (sessenta dólares) do seu game antecessor. Na moeda nacional, o valor gira em torno de R$180,00 (cento e oitenta reais).

Por Anneliese Gobbes Faria


Nintendo pretende lançar jogos para smartphones em 2017.

Não é segredo para ninguém que a Nintendo pretende investir fortemente no mercado de jogos Mobile, visto o fracasso que tem sido os últimos lançamentos da empresa nos consoles de mesa, que estão perdendo a disputa para os consoles da Microsoft e da Sony.

Outras empresas que não vêm obtendo bons resultados no mercado de consoles de mesa ou computador, também devem investir mais no mercado Mobile, o que é ótimo para os usuários de smartphone, como a Konami e agora a Nintendo, que em um programa de perguntas e respostas com investidores da empresa, afirmou que pretender lançar jogos para smartphones no próximo ano, 2017 e lançar também, um novo console.

As palavras são do próprio presidente da Nintendo, Tatsumi Kimishima, que afirmou que a empresa vive um momento de transição, entre diferentes fontes de lucro para a empresa, deixando de trás o Wii U e 3DS, para investir nos jogos para celular e no Nintendo NX, próximo console da empresa.

O lançamento do novo console e o investimento forte em jogos mobiles, são motivados principalmente, pelo fracasso do Wii U, que já teve o fim de seu ciclo no último trimestre, após números decepcionantes e pouquíssimos lançamentos para o console.

A empresa vê no mercado Mobile, uma excelente forma de investimento, visto que é um mercado que cresce cada vez mais, apostando, possivelmente, em jogos free-to-play.

Aliás, mesmo o novo console da Nintendo deve ter uma integração com o mercado de jogos Mobiles bem como os jogos lançados para smartphones, buscando unir os dois mercados de investimento da empresa, inclusive as equipes da Nintendo que trabalhavam com tecnologia portátil da empresa e para consoles de mesa se uniram recentemente.

O presidente Kimishima, ainda disse que a Nintendo mudou a forma de comunicação interna entre os diversos setores da empresa e que a expectativa é que isso melhore a lucratividade da empresa e ajude no desenvolvimento da Nintendo nos seus novos investimentos em um mercado novo para a empresa, na expectativa de recuperar os recentes prejuízos que a empresa vem tendo com seus últimos lançamentos, já de certo tempo. Um dos motivos apontados pelo fracasso da empresa nos Games é o fato da marca não ter acompanhado o mercado e seguir apostando em consoles que não possuem um hardware potente.

Por Isis Genari

Jogos da Nintendo para smartphone

Foto: Divulgação


Primeiro game da Nintendo com foco nos smartphones vai apostar mais na comunicação do que na jogabilidade.

Batizado de “Miitomo”, o primeiro game da Nintendo com foco nos smartphones vai apostar mais na comunicação do que na jogabilidade. Com  avatares e simulação, os jogadores poderão comprar roupas e acessórios pelo aplicativo.

A Nintendo está desenvolvendo o jogo app em parceria com a empresa DeNA, de nacionalidade japonesa e famosa pelo desempenho mobile. O Presidente da DeNA, Isao Moriyasu, concedeu recentemente uma entrevista ao Wall Street Journal e explicou maiores detalhes. Ele esclareceu que o Miitomo apostará na comunicação entre seus usuários por meio de “Miis”. O nome remete aos avatares, bonequinhos que irão ser caracterizados para se parecerem com os amigos na vida real.

Ele confirmou também que será possível efetuar a compra de roupas e outros acessórios criativos dentro do próprio aplicativo e que é provável a possibilidade de interagir por meio de links do Facebook.

Além da parte central de sociabilização, o app terá minigames desenvolvidos com o intuito de entreter os jogadores. Apesar da notícia, não há como saber se será possível jogar com amigos ou apenas sozinho.

Embora Moriyasu tenha dito que o aplicativo despertará a nostalgia dos fãs, já ficou claro que as descrições iniciais não remetem a um jogo propriamente dito, a ideia se parece muito mais com uma rede social em diferentes níveis de interação.

De acordo com a entrevista concedida, as previsões apontam para que o “game app” seja lançado no primeiro trimestre de 2016.  Não há datas exatas.

A Nintendo, durante este ano, já apresentou algumas boas tentativas de ingresso no mercado de smartphones. Apesar da resistência inicial, ficou comprovado que é preciso atualizar-se e investir nas novas plataformas. Não temos como saber se a ideia de Miitomo irá agradar a maioria dos fãs e players, no entanto, vale reconhecer a iniciativa, afinal, a Nintendo é uma empresa centenária e já provou diversas vezes que entende do assunto de games.

Por Beatriz

Miitomo

Foto: Divulgação


Jogo será lançado em 2016 e foi desenvolvido entre a parceria da Nintendo com a DeNA.

Miitomo é o primeiro game gratuito para smartphones que será lançado no ano de 2016. Este jogo para smartphones resulta da parceria entre Nintendo e a DeNA, e será grátis. Entretanto, a Nintendo ressaltou que os futuros jogos para smartphones serão pagos.

A princípio, a Nintendo tinha intenção de lançar o game antes do final do ano, entretanto, a empresa ressaltou que seus desenvolvedores precisam de mais tempo para promover o jogo e explicar seu conceito, que além de servir como um jogo propriamente dito, ele também serve como um meio interativo de telecomunicação entre os avatares do game.

Conforme a empresa, Miitomo foi desenvolvido para atrair uma grande quantidade de utilizadores de smartphones, com o intuito de introduzi-los às experiências virtuais da Nintendo. A proposta do game é parecida com a do game “Second Life”. O aplicativo vai permitir que os usuários criem seus próprios perfis virtuais (avatares), que devem se chamar Miis.

Através do controle virtual dos Miis, será possível se conectar afetivamente as pessoas, casar, constituir uma família e ter filhos, ou seja, construir uma vida alternativa. Além da possibilidade de personalização de uma vida alternativa, o jogo deve oferecer uma ferramenta de conversação virtual, para uma telecomunicação entre os Miis.

A proposta deste jogo é bem diferente do que muita gente imaginava, sobretudo os fãs da Nintendo, talvez pelo fato dos personagens do jogo terem se distanciado bastante do conceito e da imagem dos outros personagens típicos dos jogos da Nintendo. E isso mostra que a Nintendo e a DeNA, ao que parece, estão mais interessados em aproveitar as potencialidades, os recursos sociais e interativos que os aparelhos de smartphone propõem do que propriamente a sua popularidade ou até mesmo a sua vendagem, até porque o jogo será disponibilizado de forma gratuita.

Por Felipe Pancheri Colpani

Miitomo

Foto: Divulgação


Dia 14 de fevereiro será comemorado do Valentine’s Day, nos Estados Unidos.

A data é semelhante ao que comemoramos como Dia dos Namorados no Brasil. Pois bem, o assunto aqui é que a Nintendo resolveu anunciar a versão Pearl Pink do console 3DS irá retornar para celebrar o dia.

Ele já estará disponível no dia 10 de fevereiro, com o modelo na cor rosa e um preço de US$ 170.

Em 2011, a Nintendo já havia feito um lançamento deste tipo, trazendo o console na versão Pearl Pink e com o consumidor podendo selecionar um jogo entre as opções disponibilizadas.

Nesta ocasião do Valentine’s Day, será a primeira vez que o 3DS na cor rosa poderá ser adquirido avulso, sem os jogos.

Há também as opções da cor Aqua Blue (Azul),  Cosmo Black (Preta) e Flame Red (Vermelho).

A principal característica do Nintendo 3DS é a possibilidade de processar gráficos com o efeito 3D em sua tela widescreen. Isso sem a necessidade de utilizar óculos específicos.

Os usuários também têm a possibilidade de com o 3DS tirar fotos, gravar vídeos em 3D, conectar-se a internet, entre outras ações.


Chega dia 27 de março de 2011, nos Estados Unidos, o Nintendo 3DS. A Nintendo inclusive já definiu o preço de US$ 250,00 para o mercado norte-americano.

No Brasil, o preço e a data de lançamento ainda não estão definidos.

O aparelho virá com um cartão de memória de 2GB e carregador.

A boa notícia para os brasileiros é que o português está incluso na lista dos idiomas que o aparelho terá suporte.

O aparelho deve vir com uma série de jogos, aplicativos e recursos pré-instalados.

Já estão programados o lançamento de mais de 30 jogos para o aparelho, entre eles Pilotwings Resort, Steel Diver, Shadow Wars, Combat of Giants:Dinosaurs 3D.

Por E.S.


Grande sucesso de vários consoles da Nintendo, o lançamento do novo Donkey Kong Country Returns para o Nintendo Wii no Brasil, foi em um local inusitado, porém bem criativo. O zoológico da cidade de São Paulo marcou a estreia do jogo e contou com centenas de fãs que fizeram filas para testar o game. A espera por um console vago chegou a ser até de uma hora.

A impressão que ficou foi de sucesso. O retorno de Donkey Kong às telas dos video games promete trazer boa parte dos traços originais da trama, com algumas novidades para a nova geração de jogadores.

Todos que experimentavam a atração, após jogarem, poderiam participar de um concurso cultural. No qual os três primeiros colocados ganharam, cada um, como premiação, um Nintendo Wii. Segundo informações, foram distribuídos aos visitantes, aproximadamente 2000 brindes.

Assista ao trailer do game e conheça um pouco a nova aventura do famoso gorila:

Por Oscar Ariel


A Lego é mundialmente famosa por seus bonequinhos e blocos de montar. Mas quem pensa que a empresa investe apenas em seus brinquedos clássicos, se enganou. Há alguns anos a Lego vende um kit montar que permite a criação de robôs capazes de serem programados pelo computador. Mais que um brinquedo, ele é usado até em aulas de robótica nas escolas.

Agora a lego vai lançar um controle para o vídeo-game da Nintendo, o Wii. O acessório para o console tem as mesmas funções que o controle original, capaz de reconhecer os gestos dos jogadores. A grande diferença para o controle feito pela Lego é a possibilidade de personalizá-lo com peças de encaixar coloridas.

O controle da Lego será vendido nos Estados Unidos por 40 dólares.

Por Maximiliano da Rosa

Fonte: R7


O tão aguardado console da Nintendo, o 3DS está se preparando para desembarcar nas lojas do Japão e dos EUA no início de 2011. Para ser mais exato o vídeo game, que é a evolução em 3D do console Nintendo Dsi começará a ser vendido em Fevereiro de 2011 na terra do sol nascente e a partir de Março nos EUA e Europa.

Para o Brasil ainda não data confirmada para o lançamento, e enquanto esperamos por isso podemos dar uma olhada nos novos jogos que serão lançados para o console. Um desse nem é tão novo, é verdade. O game Street Fighter IV, clássico da Capcom, recebeu melhorias nos gráficos e foi adaptado à tela 3D do Nintendo 3DS.

Entre as novidades, está a possibilidade de lutar contra outro jogador que também tenha o Nintendo 3DS através de uma conexão sem fio. Veja abaixo um vídeo do jogo.

Por Maximiliano da Rosa


A marca de videogames Nintendo informou ao mercado na última quarta-feira (29) que pretende vender cerca de 4 milhões de unidades do videogame Nintendo 3DS, que será lançado no Japão em fevereiro do ano que vem, em menos de um mês.

Segundo a companhia, o ano fiscal da Nintendo se encerra no dia 31 de março e, por isso, a contabilidade de venda de 4 milhões de 3DS está projetada entre o dia 26 de fevereiro e o último dia de março.

A Nintendo espera, ainda, vender mais de 15 milhões de jogos para o novo videogame portátil, que oferecerá ao usuário a tecnologia 3DS sem a necessidade de óculos especiais. O Nintendo 3DS deve chegar ao mercado japonês por US$ 300.

Por Luana Neves


A Nintendo promete uma nova experiência de jogo com o console 3DS. Por enquanto não há previsão de lançamento do vídeo game, mas agora surgiram as primeiras especificações de hardware do aparelho.

Segundo o site americano Engadget, especializado em tecnologia, o Nintendo 3DS terá dois processadores Arm11 com clock de 266 Mhz, o que é algo bem possante para esse tipo de console. Além disso ele deve contar com um processador especialmente dedicado ao vídeo.

A memória é bem generosa com 4 MB de VRAM e 64MB de RAM, além de 1,5 GB de espaço interno, sem contar o cartão de memória microSD.

O que dá para dizer do futuro console portátil da Nintendo é que a evolução do poder processamento e memória é bem razoável relação aos modelos atuais como o Nintendo DS e Dsi.

Por Maximiliano da Rosa


Para os aficcionados por jogos hoje é dia de 121 velas serem apagadas. A Nintendo, gigante dos games faz aniversário repleta de boas histórias desde que Fusajiro Yamauchi a fundou com o intuito principal de produzir baralhos.

Para milhões de fãs, portanto, é dia de comemorar desafiando amigos, colegas de condomínio, tios, primos, irmãos e toda a turma para quem sabe se divertir com o recém lançado "Legend of the Guardians: The Owls of Ga'Hoole", enquanto se espera pelos próximos lançamentos da empresa para o fim do ano.

Por falar em “Legend of the Guardians”, lançado para o WII, ele baseado em animação feita em computação gráfica pelo hollywoodiano diretor Zack Snyeder. Pela qualidade da Nintendo e do referido diretor, tem coisa boa aí.

Por Victor Gonçalves


A gente sabe que, em matéria de pirataria, o Brasil é praticamente uma espécie de mestre Jedi. Mas verdade seja dita: muitos esforços também têm sido feitos para minimizar essa situação ao redor do mundo e, nessas horas, a tecnologia é uma grande aliada.

Se valendo disso, a Nintendo lançou uma atualização do firmware do Nintendo DSi no início dessa semana que deve acabar com a festa de quem vinha usando flashcarts – pequenos cartuchos regraváveis que possibilitam jogar games piratas e originais.

A última ação deste tipo para DSi foi em agosto de 2009 e provia, dentre outras coisas, melhorias no browser e maior integração com o Facebook. Esta nova atualização para a versão 1.4.1U ataca, especificamente, flashcarts populares como Acekard 2i, DSTTi, iPLayer, M3i Zero e Supercard DSTwo.

Por Antonio Lúcio


O presidente da Nintendo, Satoru Iwata informou que a empresa japonesa trabalha na próxima versão do console. No entanto, ele não informou quando e onde será o lançamento. Segundo ele, o segredo é importante pois hoje em dia é muito fácil copiar um produto.

O fato é que a intenção da Nintendo é divulgar informações sobre os seus novos produtos o mais tarde possível. Portanto, os consumidores terão que esperar cerca de três anos para conhecer o Wii 2. Enquanto isso, a empresa trabalha na próxima versão do Nintendo 3DS.

A nova geração do console portátil poderá exibir imagens 3D reais, sem necessidades de óculos ou qualquer outro acessório. A tela superior é a responsável pelos efeitos 3D e terá 3.5 polegadas em formato wide (16:9). A previsão é que o console seja lançado em Março de 2011.

Por Maximiliano da Rosa


A Microsoft já está pondo em exibição para os jogadores o game Donkey Kong Country Returns para Wii. O clássico jogo de Super Nintendo está de volta a todos aqueles que estavam com saudade de explorar os diversos cenários do jogo em busca dos 100% de aproveitamento.

Uma das características mais celebradas da nova edição desse clássico é a presença de elementos do cenário “Jungle Beat”, como batuques e o Nunchuk, como utilitário para derrotar os inimigos.

Os personagens serão os macacos Donkey e Diddy Kong. Eles terão que coletar uma enorme quantidade de bananas, além de enfrentar diversos inimigos, tais como caranguejos e tubarões voadores.

Como o velho e bom Super Nintendo, o Donkey para Wii promete muitos desafios para a habilidade dos jogadores.

Por Jeferson Dornelles





CONTINUE NAVEGANDO: