O time do Cruzeiro, que já podemos considerar o virtual campeão do Brasileirão 2013, jogará neste domingão contra seu arqui-rival, o Atlético Mineiro, no estádio Independência.

Escalação de Atlético MG x Cruzeiro

CRUZEIRO: Fábio, Ceará, Bruno, Léo, Egídio, Everton, Nilton, Lucas, Ricardo, Willian e Borges.

ATLÉTICO MINEIRO (GALO): Giovanni, Júnior César, Leonardo Silva, Émerson, Marcos Rocha, Diego Tardelli, Josué, Pierre, Luan, Alecsandro e Fernandinho.

Foto: Marcus Desimoni - UOL
Foto: Marcus Desimoni – UOL

O Cruzeiro tem 59 pontos, e mesmo que perca o jogo, ainda estará a 10 pontos do Grêmio, que é o segundo lugar e tem 49 pontos. Se vencer, ficará ainda mais perto de levantar a taça.

O Atlético Mineiro não tem mais muito para fazer neste Brasileirão, mas precisa marcar pontos para que a zona do rebaixamento não se aproxime. Com 39 pontos, e 20 a menos que o Cruzeiro, o Galo Mineiro irá a 42 pontos com uma vitória.

Dados do Jogo e Trio de Arbitragem

  • Local: Estádio Independência
  • Horário: 16h00
  • Árbitro: Luiz Flávio de Oliveira
  • Bandeirinhas: Janette Mara Arcanjo e Pablo Almeida da Costa
  • Transmissão: TV Globo e PPV (Premiere Futebol Clube)

44


Jogo Atletico MG x CoritibaAtlético-MG e Coritiba fazem na noite desta quinta-feira (dia 12 de setembro) mais um jogo da 20ª Rodada do Brasileirão 2013. A partida acontecerá às 21:00, no estádio Independência, em Belo Horizonte (MG).

O Atlético-MG, atual 17º colocado com 22 pontos, vem de um empate fora de casa com o Vitória. A equipe mineira precisa de uma vitória hoje para sair da Zona de Rebaixamento.

Já o Coritiba, atual 8º colocado com 28 pontos, vem de vitória em casa em cima do São Paulo. A equipe paranaense também precisa de um resultado positivo para espantar a má fase e voltar a subir na classificação.

No jogo de hoje o Atlético-MG não poderá contar com Diego Tardelli, Leandro Donizete, Carlos César e Gilberto Silva. Já o Coritiba terá como desfalques: Alex, Geraldo, Victor Ferraz, Anderson Aquino, Leandro Almeida, Júnior Urso e Deivid.

O Atlético-MG deverá iniciar a partida na formação 4-5-1, com Victor; Michel (Marcos Rocha), Leonardo Silva, Réver e Junior Cesar; Pierre, Josué, Ronaldinho, Luan e Fernandinho; Alecsandro (Jô).

Já o Coritiba deverá atuar no esquema 4-4-2, com Vanderlei; Vinicius, Luccas Claro, Chico e Escudero; Uelliton, Willian, Lincoln e Robinho; Vitor Júnior e Keirrison.

O jogo será transmitido pelo canal Premiere FC 4. Já no site do GloboEsporte.com será possível acompanhar o lance a lance com vídeos.

A partida terminou com vitória do Atlético-MG por 3 a 0.


O jogo entre Cruzeiro e o time reserva do Atlético-MG foi um baile do time Celeste. O Cruzeiro venceu o atual campeão da Libertadores por 4 a 1, mas nem preocupou muito a torcida, que mesmo após a goleada para o rival ainda fazia festa, por conta do título conquistado semana passada. A vitória fez com que o Cruzeiro chegasse aos 18 pontos e assumisse a liderança do Campeonato Brasileiro.

O Cruzeiro criou mais oportunidades, mas foi o Atlético-MG que abriu o placar com Marcos Rocha, de pênalti, aos 18 minutos. A partir daí só deu o time Celeste, que dominou a partida. O empate veio com Éverton Ribeiro, que chutou após cruzamento de Luan. Aos 42 minutos do primeiro tempo, o Cruzeiro virou com Ricardo Goulart, após escanteio cobrado por Egídio.

No segundo tempo, o Atlético demonstrou uma reação, mas foi apagada pelo Cruzeiro que marcou o terceiro. Egídio, mais uma vez, cruzou pela esquerda, Nilton veio por trás e marcou mais um. Aos 12 minutos veio o golpe final. Ricardo Goulart recebeu na grande área e chutou forte para dar números finais ao clássico: 4 a 1 para o Cruzeiro.

Por Robson Quirino de Moraes


O jogador Paulo Baier deverá ser poupado no jogo do Atlético-PR contra o Atlético-MG, que acontecerá na Arena Independência, quarta-feira, às 19:30. O jogo é válido pela décima rodada do Campeonato Brasileiro.

Paulo Baier tem 38 anos e declarou que pretender dar uma segurada no próximo jogo, pois foi titular nas últimas três partidas. O jogador atuou o jogo inteiro contra o Corinthians, 82 minutos contra o Paysandu e 90 minutos contra a Portuguesa, sendo substituído apenas nos acréscimos. Jogar três partidas seguidas como titular foi um feito inédito nessa temporada, pois o jogador estava habituado a sempre começar no banco de reservas e entrar em campo no início do segundo tempo. Nessa temporada, o jogador tem ganhado bastante espaço com o técnico Vagner Mancini.

No jogo contra o Corinthians, Paulo Baier deu uma assistência. Contra o Papão foi responsável por marcar um gol e dar o passe para outro gol. Já contra a Portuguesa, Paulo marcou o primeiro gol da partida. Depois dessa sequência, o jogador deve desfalcar o time no jogo contra o Galo, porém, o técnico ainda não divulgou se pretende deixar Paulo fora do jogo.

Por Jéssica Posenato


Dedé, zagueiro do Cruzeiro, se desculpou pelo pênalti cometido no clássico do último domingo contra o Atlético-MG, pela nona rodada do Campeonato Brasileiro.

Alecsandro cobrou o pênalti com perfeição e abriu o placar do jogo, porém, o Cruzeiro mostrou mais futebol e venceu o Atlético-MG por 4 a 1.

Através das redes sociais, Dedé lamentou o lance, admitiu seu erro e afirmou que tem um grande compromisso com os torcedores do Cruzeiro. Dedé é chamado de Mito pela torcida e declarou que embora tenha ficado feliz pela vitória, cometeu um pênalti sem ter a intenção.

O desempenho do zagueiro foi bom durante o jogo, mas ele tem sido muito criticado em função do seu erro e por isso se sentiu culpado, mesmo tendo colaborado muito para que o time vencesse o jogo. Dedé agradeceu a Deus e a torcida pela vitória, disse ainda que enquanto usar a camisa do Cruzeiro irá jogar com o coração e com toda sua energia.

O jogador estará em campo novamente no jogo de quarta-feira, no Maracanã, às 19:30. No próximo jogo, o Cruzeiro enfrenta o Fluminense pelo Campeonato Brasileiro.

Por Jéssica Posenato


A rivalidade entre Atlético-MG e Cruzeiro é uma coisa que nunca acaba. Depois do Galo conquistar a Taça Libertadores 2013, a última semana foi mercada por festas, queima de fogos e buzinaço por toda a cidade de Belo Horizonte.

Porém, chegou a hora de o Cruzeiro dar o troco, tanto em campo quanto fora. Em campo, o Cruzeiro venceu o Galo por 4 a 1 na nona rodada do Brasileirão. Nas arquibancadas, a torcida cantou e fez alusões ao bicampeonato do Cruzeiro, o clube conquistou a Libertadores nos anos de 1976 e 1997.

O departamento de marketing do Cruzeiro aproveitou a onda de gozação e realizou uma campanha com os torcedores do Cruzeiro antes de o jogo começar. Nos veículos que estavam estacionados no estádio, eles coloram no retrovisor um adesivo, na parte visível estava escrito “Libertadores”, quando a pessoa puxava o restante do adesivo encontrava a frase surpresa: “Eu tenho duas, e você? Cruzeiro, bicampeão 1976 – 1997”.

A ação de marketing fez referência ao título que foi conquistado pelo maior rival na semana passada, sobre o Olimpia do Paraguai. Pela primeira vez na história, o Atlético-MG ganhou a Taça Libertadores.

Por Jéssica Posenato


O Atlético-MG fez o dever de casa e venceu o Olimpia do Paraguai por 2 a 0 no tempo regulamentar e por 4 a 3 nos pênaltis. A final da Copa Libertadores foi acompanhada por 56 mil torcedores aflitos que gritaram, choraram e sorriram em noite histórica no Mineirão. A conquista veio em ótima hora, já que o time não ganha um campeonato de expressão desde 1971, quando venceu o Brasileirão daquele ano.

O jogo começou tenso para o Galo, que buscou o ataque em vários momentos. Antes dos 10 minutos, Diego Tardeli e Bernard já haviam tentando, mas a bola não entrou em nenhuma das vezes. Sentindo a pressão, o Olimpia se fechou, fazendo com que o Atlético tentasse sempre jogadas aéreas, que também não davam sucesso a equipe.

A aflição dos torcedores diminuiu um pouco logo nos primeiros 57 segundos da etapa complementar. aproveitou cruzamento de Bernard e marcou para o time da casa: 1 a 0 para o Atlético e mais surpresas na final. Mazur foi expulso aos 40 minutos, mas o resultado ainda dava o título ao time visitante.

O gol do empate veio aos 41 minutos com Leonardo Silva, após cruzamento. O jogador se esquivou todo e marcou no canto direito, nesse momento a torcida foi à loucura. O placar de 2 a 0 levou a decisão para a prorrogação e logo em seguida para os pênaltis. O goleiro Victor defendeu a primeira e a quinta cobrança e foi um dos heróis do título inédito. Parabéns ao Galo pela conquista da Copa Libertadores da América 2013.

Por Robson Quirino de Moraes


O Atlético-MG, para ser campeão da Taça Libertadores da América de 2013, vai ter de se superar mais uma vez. A equipe comandada por Cuca não jogou bem e perdeu para o Olimpia por dois tentos a zero.

Mais uma vez o Galo perde fora de casa, de modo que terá de buscar a virada em território mineiro para levantar o troféu de melhor time das Américas. Assim, para vencer a competição Sul-Americana, o Atlético precisa derrotar os paraguaios por dois gols de diferença para levar a decisão aos pênaltis ou então vencer por três ou mais gols de vantagem para garantir esse inédito título para a história do clube alvinegro. 

O primeiro gol do jogo foi marcado pelo zagueiro Alejandro Silva. O jogador da equipe paraguaia foi costurando a defesa mineira e num chute que foi no cantinho, abriu o marcador no estádio Defensores Del Chaco. Seja como for, o Atlético Mineiro não conseguia entrar na partida e quando as chances apareciam, o time acabava desperdiçando. Assim, quando parecia que o duelo terminaria com a vantagem de apenas um gol, Wilson Pitonni, meio-campista do Olimpia que já atuou pelo Figueirense, bateu falta no ângulo e fechou o Placar.

Para a próxima partida da final, o Atlético-MG terá dois desfalques: Marcos Rocha (que levou o terceiro cartão amarelo) e Richarlyson (que foi expulso).

Por Madson Lima de Oliveira


Atletico-MG x OlimpiaAtlético-MG e Olimpia irão realizar nesta quarta-feira (dia 17 de julho) a Final da Copa Libertadores 2013. A partida será disputada no Estádio Defensores del Chaco, às 21:50.

O Atlético-MG chega à Final motivado depois de uma classificação história contra o Newells Old Boys. Não bastasse isso, no último final de semana o Galo venceu o Corinthians com a equipe reserva, o que deixou os jogadores ainda mais animados para a partida de hoje. Embora não jogue em casa, o Atlético-MG espera fazer uma boa partida e sair do Paraguai com pelo menos um bom resultado.

Do lado do Olimpia, a classificação sobre o Santa Fé foi um pouco mais tranquila. Apesar disso, não podemos esquecer que a equipe perdeu o último jogo e só se classificou devido ao critério de gols marcados.

No jogo de hoje, o Galo terá uma grande baixa. É que Bernard, que recebeu o terceiro cartão amarelo na última partida, está suspenso e não poderá ajudar o Atlético-MG neste confronto.

Com um de seus principais jogadores fora da partida e tendo toda a torcida contra, tudo indica que o jogo de hoje será complicadíssimo para o Atlético-MG. Apesar disso, se mostrar a mesma determinação do último jogo, com certeza a equipe pode sair do Paraguai com um ótimo resultado.

Os interessados em assistir a partida tem várias opções, pois o jogo será transmitido por várias emissoras, entre elas estão: Globo, Sportv e Fox Sports. Pela internet, também será possível acompanhar o lance a lance da partida em sites como UOL, Terra e G1.


Em decorrência da Final da Copa Libertadores da América, a ser disputada pelo Galo, a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) oficializou o adiamento da partida entre Atlético-MG e Ponte Preta, pelo Campeonato Brasileiro. A medida é comum nos casos em que o time disputa muitos jogos seguidos.

A partida, que estava marcada para o próximo domingo (dia 21 de julho de 2013) às 18:30, agora foi adiada, contudo, a CBF não informou a nova data para o jogo, válido pela oitava rodada do Brasileirão.

A mudança de dia ocorre para viabilizar boas condições de preparação para os atletas do Galo, que irão disputar a final da principal competição da América Latina. A final, que ocorrerá no dia 24/06 (quarta feira), será a chance de o time mineiro conquistar o título inédito da Libertadores.

A primeira partida da decisão ocorre no dia 17 de julho de 2013, quarta-feira. O Galo terá de ir a Assunção (no Paraguai) para disputar a partida, que terá o mando de campo do time adversário. A torcida do Olimpia, adversário do Atlético-MG, já esgotou os ingressos e a partida promete ser surpreendente.

Por Robson Quirino de Moraes


O Atlético-MG obteve a classificação para final da Taça Libertadores após um jogo sofrido com o Newell’s Old Boys. O Galo, como é conhecido o time mineiro, só obteve a classificação nos pênaltis contra os argentinos, que lutaram bravamente, mas como só um time pode se classificar, a vaga ficou com o time brasileiro.

O Galo já chegou ao Paraguai, onde fará o primeiro jogo da final contra o Olimpia, no estádio Defensores Del Chaco, em Assunção, Capital do Paraguai. O jogo será na quarta-feira (dia 17 de julho de 2013) e a torcida do Olimpia promete lotar o estádio, contudo, os jogadores brasileiros estão confiantes, pois venceram o Corinthians no fim de semana pela sétima rodada do Campeonato Brasileiro.

O time mineiro sofreu para chegar até a final da competição. A equipe foi prejudicada pela arbitragem em alguns jogos, teve um pênalti defendido pelo goleiro Victor contra o Tijuana e o gol de Guilherme, que levou a decisão da vaga para a final nos pênaltis. A torcida espera por uma boa partida, já que o título da Libertadores ainda é inédito para equipe, que possui 105 anos de história.

O jogo de volta será no Mineirão, porém, um bom resultado na casa dos adversários pode deixar as coisas mais fáceis para o Galo.

Por Robson Quirino de Moraes


Corinthians e Atlético-MG entraram em campo para mais uma rodada do Campeonato Brasileiro 2013. Os times, que tem compromissos internacionais pela Recopa e pela Libertadores, respectivamente, fizeram uma boa partida onde, apesar de atuar com uma equipe mista, os Mineiros saíram com a vitória do Pacaembu.

O gol da vitória do Galo foi marcado por um ex-corinthiano, o jogador de meio-campo Rosinei.

Tite, por sua vez, achou o resultado do jogo injusto, pois segundo ele o Corinthians teve as melhores chances e perdeu muitos gols.

O Atlético ficou animado com a vitória, afinal, isso pode trazer mais confiança para o primeiro compromisso fora de casa pela final da Taça Libertadores da América.

Assim, nesse duelo de gols perdidos e entre o atual campeão da América contra o que almeja conquistar esse ano, o clube mineiro conseguiu somar mais três pontos na Série A e agora é o nono colocado com 10 pontos. O Timão é apenas o décimo segundo colocado com nove pontos ganhos no Brasileirão.

Na próxima rodada, o Galo pega a Ponte Preta em Minas Gerais. Já o Corinthians enfrenta o Atlético-PR fora de casa.

Por Madson Lima de Oliveira


O que parecia ser impossível aconteceu: o Atlético Mineiro venceu o Newells Old Boys da Argentina por 2 a 0. A equipe mineira havia perdido o primeiro jogo na Argentina por 2 a 0 e precisava de um resultado igual para levar a decisão para os pênaltis. E foi isso que ocorreu no jogo, já que o time do Atlético pressionou o time adversário, que somente contra atacava, mas levava perigo ao gol do Atlético.

A torcida também fez a sua parte, gritando e vaiando o time visitante. O Atlético Mineiro abriu o placar logo aos 3 minutos. No lance, Ronaldinho Gaúcho tocou para Bernard, que tocou por baixo das pernas do goleiro, que aceitou. Parecia que seria uma goleada, mas o Newells não se abateu e adiantou a marcação para dificultar a vida dos jogadores atleticanos.

No segundo tempo, ambas as equipes estavam muito focadas na vitória, mas parecia que a vaga iria ficar com o time argentino, até que aos 33 minutos a luz do estádio acabou e o jogo foi interrompido por alguns minutos. O que deu um novo ânimo a equipe brasileira. Guilherme, que entrou no lugar de Bernard, achou uma brecha depois da sobra de bola e fez o segundo gol do Atlético.

Nos pênaltis, a equipe brasileira teve mais sorte e converteu com Alecssandro, Guilherme e Ronaldinho Gaúcho. O goleiro Victor pegou a cobrança final e deu a vitória ao Atlético Mineiro, que irá disputar a final da Libertadores da América pela primeira vez.

Por Robson Quirino de Moraes


Jogo do Atlético-MGNesta quarta-feira (3 de julho) teremos a realização do primeiro jogo da Semifinal da Libertadores 2013. A partida, entre Atlético-MG e Newells Old Boys, acontecerá na Argentina, na cidade de Rosário, às 21:50.

O Atlético-MG chega à Semifinal após se classificar com folga em cima do Tijuana. Já o Newells Old Boys sofreu mas conseguiu eliminar nos pênaltis o Boca Juniors.

Para o jogo de hoje, o trio de arbitragem será formado por Enrique Osses, Carlos Astroza e Sergio Román.

O técnico Gerardo Martino deve escalar o Newell’s Old Boys com os seguintes jogadores: Guzmán, Cáceres, Vergini, Heinze, Casco, Mateo, Pérez, Bernardi ou Tonso, Figueroa, Scocco e Maxi Rodríguez.

Já o técnico Cuca deverá escalar o Atlético-MG com os seguintes atletas: Victor, Marcos Rocha, Rafael Marques, Gilberto Silva, Richarlyson, Pierre, Josué, Diego Tardelli, Ronaldinho Gaúcho, Bernard e Jô.

Para acompanhar a partida, o interessado terá duas opções. Assistir o jogo pela TV (nos canais Sportv e Fox Sports) ou acompanhar a partida pela internet (no site do GloboEsporte.com, onde também é possível ouvir a narração da partida).


Atlético-MG x SantosNo início da noite desta quarta-feira (dia 12 de junho), teremos a partida entre Santos e Atlético-MG. O duelo, que acontecerá na Vila Belmiro às 19:30, promete ser uma guerra em campo. Isso porque as duas equipes buscam se distanciar da Zona de Rebaixamento.

Caso o Santos vença na noite de hoje, ele sai da zona de degola e empurra para a ZR o Atlético-MG. É importante lembrar que atualmente a equipe paulista amarga a lanterna da competição com 2 pontos conquistados.

Já se o Atlético-MG vencer, ele estará mais distante das últimas colocação e poderá respirar um pouco mais aliviado. Com este resultado, o Santos continuaria amargando a lanterna da competição por mais um mês, já que depois da partida de hoje as equipes fazem uma pausa no Brasileirão devido à realização da Copa das Confederações.

O trio de arbitragem da partida será composto por Márcio Chagas da Silva, Fabio Pereira e José Javel Silveira.

O Santos deverá ser escalado com os seguintes jogadores: Rafael; Galhardo, Edu Dracena, Durval e Léo; Arouca, Leandrinho, Cícero e Pedro Castro; Neilton e Willian José. A única dúvida para a partida é na defesa, onde o técnico pode escalar Edu Dracena ou Gustavo Henrique como titular.

Já o Atlético-MG deverá iniciar o jogo com os seguintes atletas: Victor; Marcos Rocha, Rafael Marques, Gilberto Silva e Richarlyson; Pierre, Leandro Donizete, Josué e Ronaldinho Gaúcho; Alecsandro e Luan. A equipe mineira também tem uma dúvida para a partida. Josué pode dar lugar a Guilherme, porém, nada foi confirmado pelo técnico.


Grandes forças do futebol mineiro e paulista se enfrentam pela 5ª rodada do Campeonato Brasileiro de 2013. O Santos, clube que tem apresentado fraco desempenho no certame nacional e que recentemente perdeu seu técnico, enfrenta o Atlético-MG, considerado o melhor time da Copa Libertadores da América deste ano.

Pelo lado do Peixe, que atualmente está na 18ª posição da tabela de classificação, o objetivo é garantir os três pontos em casa para ganhar novo fôlego no campeonato. Para a partida, o alvinegro praiano conta com seus principais jogadores: Montillo, André, Cícero, Rafael e Arouca.

Pelo lado do Atlético Mineiro, que foca todas as suas forças na Libertadores, o intuito é garantir uma vitória em casa para melhorar sua classificação. O clube de Minas Gerais conta com um forte elenco, do qual fazem parte nomes como Ronaldinho Gaúcho, Bernard, Diego Tardelli e Victor. O desfalque do alvinegro mineiro será o atacante Jô, que foi convocado por Felipão para a Seleção Brasileira de Futebol.

O jogo ocorre no dia 12 de junho, às 19:30, no estádio da Vila Belmiro.

Por Marcelo Araújo


O time misto do Atlético Mineiro até que tentou, mas não conseguiu bater o Coxa no Couto Pereira. A estreia de ambas as equipes no Campeonato Brasileiro foi emocionante, com direito a virada do time da casa. O Coritiba venceu por 2 a 1 e começou o campeonato com o pé direito.

Vários jogadores do Atlético Mineiro foram poupados para a partida de volta contra o Tijuana, pela Copa Libertadores. Talvez por isso o primeiro tempo não tenha dado tanta emoção aos torcedores que compareceram ao estádio. Poucas chances reais de gol para ambas as equipes foram a marca registrada da etapa inicial do jogo.

No segundo tempo, o jogo ficou mais emocionante. Em cobrança de falta, Diego Tardelli abriu o placar para os visitantes. Com o resultado, o Coxa partiu para cima buscando o empate, que aconteceu com Deivid, que marcou de cabeça quatro minutos depois. Após o gol, o Coritiba começou a colocar mais pressão sobre o Atlético Mineiro.

Nos acréscimos, Arthur virou para o Coxa. Após cruzamento de Lincoln, o atacante balançou as redes e fez a alegria dos 14 mil torcedores.

Na próxima rodada do Brasileirão o Coritiba vai enfrentar o Bahia. Já o Atlético-MG pega o Grêmio em casa.

Por Robson Quirino de Moraes


Neste fim de semana, aconteceu o primeiro jogo da final do Campeonato Mineiro. A partida entre Atlético-MG e Cruzeiro foi realizada no último domingo, no estádio Independência, às 16:00, com mando do Galo.

O Atlético-MG foi melhor desde o começo do jogo, possuía o comando da partida, liderava as jogadas de ataque com Ronaldinho Gaúcho, Bernard, Tardelli e Jô, e fazia uma marcação muito forte com Pierre, Leandro Donizete, Richarlyson e Réver.

Ao mesmo tempo, o Cruzeiro não entrou forte no jogo, deixava o Galo jogar com a bola e não conseguia produzir nada em campo. A vitória do time alvinegro era uma questão de tempo e foi consolidada com um gol no início do jogo e outros dois gols após a expulsão de Bruno Rodrigo.

A vitória de 3 a 0 do Atlético não serviu apenas para tirar a vantagem que era do Cruzeiro, mas fez o time azul perder a invencibilidade deste ano, que durou 15 partidas. No entanto, o Cruzeiro espera uma boa temporada e acredita em uma improvável recuperação diante do Galo no segundo jogo da final, que acontece no próximo domingo, às 16:00, no Mineirão.

Por BCC


As coisas estão indo muito bem para o Atlético Mineiro. Após eliminar o São Paulo da Copa Libertadores da América, o Galo deu um show no Independência e venceu o rival Cruzeiro por 3 a 0. O time do técnico Cuca pressionou durante todo o jogo e mereceu o resultado positivo.

O Atlético confirmou a boa fase no Independência, onde não perde a 33 jogos. Já o Cruzeiro vinha de uma sequência de 14 vitórias e um empate. Era promessa de um jogo equilibrado, o que aconteceu até os primeiros minutos de partida. Porém, o Galo mostrou que era superior a Raposa e no domingo só deu Atlético no Independência.

O destaque da partida foi Ronaldinho Gaúcho, que se mostrou presente, deu passes decisivos e se manteve calmo no primeiro jogo da decisão. Os gols foram marcados por Jô, Diego Tardelli e Marcos Rocha. O Cruzeiro teve Bruno Rodrigo expulso e passou o segundo tempo quase todo com um jogador a menos.

Para assegurar o título, o Galo pode perder por até 2 gols de diferença no Mineirão que ainda será campeão. A torcida será composta de 90% de cruzeirenses e somente 10% de atleticanos, mas isso não desmotiva os jogadores que estão confiantes quanto ao título.

Por Robson Quirino de Moraes


Após derrotar o Atlético-MG de forma convincente na última rodada da fase de grupos da Libertadores, o São Paulo acabou derrotado pela equipe do Galo nessa quinta-feira, dia 2 de maio, em jogo válido pelas Oitavas de Final da competição.

O jogo começou quente, com a equipe do São Paulo pressionando e abrindo o placar com Jadson. No entanto, logo aos 34 minutos do primeiro tempo, o juiz acabou expulsando um dos principais zagueiros do Tricolor, Lúcio, que deixou o campo e custou a derrota são paulina. O juiz uruguaio, na hora da expulsão, aplicou primeiro o cartão amarelo e logo em seguida o vermelho, acreditando que o zagueiro já havia sido penalizado, resultando em mais uma polêmica futebolística.

O Galo começou atrás na partida, sendo avassalado pelo enfático ataque tático Tricolor. Ganso foi o maior artífice do time anfitrião, ligando as jogadas com Ademílson, que acabou substituindo Aloísio após este ter sentido dores na virilha.

O gol de empate do Atlético-MG saiu depois de uma cabeçada de Ronaldinho, que deslocou o goleiro Rogério Ceni.

No segundo tempo, o centroavante Diego Tardelli sacramentou o desempate e garantiu a vantagem do time mineiro no jogo da volta.

A equipe do São Paulo encontra-se numa situação delicada, precisando vencer o jogo fora de casa, no Independência, por mais de um gol de diferença. Caso não consiga este resultado, a equipe deixará a edição 2013 da Copa Libertadores bem mais cedo do que deveria.   

Por Thomas De Wit 


Tombense x Atlético-MGNa tarde deste sábado, dia 27 de abril, Tombense e Atlético-MG fazem a primeira partida da Semifinal do Campeonato Mineiro 2013. A partida será realizada às 16:00, no estádio Antonio Guimarães, em Tombos (MG).

O Atlético-MG, que se classificou em 2º na fase de grupos, vem de uma vitória sobre o Villa Nova. Para esta partida, o Galo não poderá contar com Ronaldinho Gaúcho, que será poupado para a partida decisiva com o São Paulo, pela Libertadores 2013. Embora esteja desfalcado de seu principal astro, o Atlético-MG irá contar com o retorno de Bernard e Diego Tardelli.

Já o Tombense, que se classificou em terceiro na fase de grupos, vem de vitória fora de casa contra o América-MG. A equipe do interior do Estado terá de superar uma tragédia extra-campo. Isso porque o meia Marquinhos Galhardo acabou falecendo depois de um acidente de carro. Segundo o presidente do clube, todos os jogadores estão abalados com a perda do colega.

O árbitro da partida será Alício Pena Júnior. Ele terá como auxiliares Marconi Helbert Ribeiro e Ricardo Júnio de Souza.

O Tombense deve iniciar a partida com os seguintes jogadores: Marcelo Carné, Leonardo, André, Ramon e Beto; Serginho, João Guilherme, Betinho e Joílson; Júnior Negão e Adeílson.

Já o Atlético-MG deverá jogar com: Victor; Marcos Rocha, Réver, Leonardo Silva (Gilberto Silva) e Richarlyson; Pierre, Leandro Donizete, Luan, Diego Tardelli, Bernard e Jô (Alecsandro).


São Paulo x Atletico MineiroPela Copa Libertadores 2013, teremos hoje uma partida decisiva entre São Paulo e Atlético-MG. A partida, que acontecerá no estádio do Morumbi às 22:00, irá traçar o destino do Tricolor Paulista na Competição.

Em situação delicadíssima no Torneio, o São Paulo precisa vencer hoje de qualquer maneira para tentar a classificação para a próxima fase. Para complicar ainda mais a vida da equipe paulista, ela ainda dependerá de um tropeço do The Strongest para aí sim conseguir a tão sonhada classificação.

Caso se classifique, o São Paulo deverá enfrentar novamente o Atlético-MG pela fase de mata-mata da Libertadores. Para aqueles que não lembram, a primeira partida entre as duas equipes na Libertadores acabou com vitória do Atlético-MG por 2 a 1.

O Atlético-MG, que lidera o Grupo 3, já está classificado para a próxima fase da competição. Não bastasse isso, a equipe mineira também possui uma das melhores campanhas entre todas as equipes da Libertadores.

Nos últimos jogos das equipes, pelos campeonatos estaduais, ambas acabaram tropeçando em equipes de menor expressividade. O São Paulo saiu derrotado na partida contra o XV de Piracicaba. Já o Atlético-MG perdeu para a Caldense.

A formação do São Paulo para esta partida será: Rogério Ceni, Paulo Miranda ou Rodrigo Caio, Lúcio, Rafael Toloi e Carleto; Wellington, Denilson, Douglas e Ganso; Osvaldo e Aloísio.

Já o Atlético-MG deverá jogar com a seguinte formação: Victor; Marcos Rocha, Réver, Leonardo Silva e Richarlyson; Pierre, Leandro Donizete, Diego Tardelli, Ronaldinho Gaúcho; Luan e Jô.


No dia 17 de outubro (quarta-feira), às 22:00, o Santos irá receber o Atlético Mineiro pela 31ª rodada do Campeonato Brasileiro 2012. A partida será realizada no estádio da Vila Belmiro, na Baixada Santista, litoral de São Paulo.

O time santista está em fase de preparação para o próximo ano, visto que o sonho de classificação para a Copa Libertadores está cada vez mais longe. Mais uma vez, a estrela Neymar não deve estar em campo em virtude dos compromissos com a seleção brasileira. O atacante somente entra no jogo se tiver condições físicas.

Desfalques dos santistas por lesão: Rafael Galhardo, Paulo Henrique Soares, Fucile, Edu Dracena e Alison.

Já o Atlético Mineiro está em luta direta pela busca do título nacional, nove pontos atrás do líder Fluminense. Por este motivo, para os mineiros a partida é considerada uma “final de campeonato”.

O técnico Cuca deve utilizar a formação 4-5-1, composta pela seguinte escalação: Giovanni, Marcos Rocha, Rafael Marques, Leonardo Silva, Júnior César, Leandro Donizete, Pierre, Escudeiro, Bernard, Ronaldinho Gaúcho e Jô.

Desfalques do Atlético Mineiro: Victor (convocado para a seleção brasileira) e o zagueiro Réver (suspenso por decisão do Tribunal Superior Desportivo).

Por Renato Duarte Plantier


O Atlético Mineiro recebeu o Sport no estádio Independência e conquistou uma vitória heroica, que manteve a esperança dos torcedores na busca pelo título do Brasileirão.

O jogo começou aberto em Minas Gerais. Com menos de 10 minutos, os dois times já haviam conseguido chegar com perigo no ataque. Bernard e Jô tiveram chances para o Galo, enquanto Rithely quase marcou para o Leão. Aos 15 minutos, o Sport não perdoou. Hugo, de cabeça, completou um cruzamento e abriu o placar. Vendo as chances de título diminuírem com o resultado, o Atlético Mineiro foi com tudo para o ataque. Ronaldinho, Marcos Rocha e Jô infernizaram a zaga do time pernambucano, mas não conseguiram chegar às redes. Sendo assim, o primeiro tempo terminou com o placar de 1×0 para os visitantes.

A pressão mineira continuou na segunda etapa. Jô e Neto Berola tiveram a chance de empatar, mas acabaram desperdiçando. Enquanto isso, o Sport ia buscando chegar nos contra-ataques. Cicinho e Gilsinho assustaram o torcedor atleticano. Antes de ser substituído por Leonardo, Jô ainda teve tempo de perder mais uma oportunidade. E foi o substituto quem se tornou o herói da partida. Aos 30 minutos, Leonardo recebeu de Ronaldinho Gaúcho e cabeceou para empatar a partida. O gol resultou em pressão total do Atlético. Neto Berola, aos 36 minutos, perdeu chance incrível. Ronaldinho, aos 40 minutos, acertou a trave de Magrão. Quando o jogo se encaminhava para o final, voltou a brilhar a estrela de Leonardo. Já nos acréscimos, Leonardo desviou para o gol em jogada de Bernard e decretou a virada heroica do Galo. As emoções, entretanto, não acabaram aí. No último minuto do jogo, o Sport reclamou acintosamente de um pênalti não marcado pelo árbitro, mas as reclamações de nada adiantaram e a partida terminou em 2×1.

Com o resultado conquistado, o Atlético chegou a 59 pontos e se mantém vivo na luta pelo título. O Sport continua com 27 pontos, estando na zona de rebaixamento.

Por Augusto Cesar





CONTINUE NAVEGANDO: