A Lenovo, grande marca chinesa de computadores, deve estrear em 2011 no ramo dos consoles de jogos. Depois do Wii da Nintendo, do PlayStation da Sony e Xbox da Microsoft, a Lenovo brevemente lançará o Ebox.

O console terá conexão com a internet e funcionará através de um detector de movimentos, captados com o uso de uma câmera, que fica posicionada em cima da televisão. O sensor não chega a ser uma grande novidade, pois se assemelha aos consoles já existentes, lembrando que o Wii da Nintendo foi quem primeiro trouxe ao mercado esta nova funcionalidade e que aos poucos foi aperfeiçoada pelos demais.

Com a chegada de mais uma opção para os amantes de games, fica a esperança de que os preços dos consoles tornem-se um pouco mais atrativos. Parte da revolução tecnológica que conquistou de vez o público brasileiro, consoles que funcionam a base de movimentos levam o gosto pelos jogos para toda a família, tornando-se uma ótima maneira de renovar o convívio e o contato entre pais e filhos.

Por Vivian Fiorio


Num futuro próximo, precisamente no primeiro trimestre de 2011, pelo menos 19 milhões de famílias chinesas poderão adquirir um console tão inovador quanto o espantoso Xbox 360 (anunciado para o fim deste ano) a “módicos” U$ 440.

Quem traz essa esperança surpreendente é Jack Luo, presidente da chinesa Eedoo, braço gamer da fabricante Lenovo. O nome da esperança: Ebox.

Na linha do seu quase xará, o Ebox virá equipado com câmera capaz de captar o movimento do jogador – fazendo frente à concorrência com o sistema kinect de detecção de movimentos do Xbox 360.

A Eedoo ainda está em fase de levantamento de recursos para viabilizar a produção do Ebox, mas Luo já se diz animado com o progresso das negociações, “há negociações em curso com algumas empresas de investimentos de risco e estamos recebendo resposta muito boa”.

Por Diego Diniz





CONTINUE NAVEGANDO: