Com um gol nos acréscimos o Vasco leva a torcida ao delírio e é campeão carioca 2015

E terminou no domingo, dia 03, os estaduais, com finais eletrizantes e com torcedores mostrando sua paixão pelo time do coração. Dentro de campo, batalhas foram travadas nos últimos noventa minutos e nas arquibancadas a  apreensão dos torcedores querendo ver seu time arrasando com o time adversário.

O campeonato carioca teve um campeão que já estava há 12 anos sem comemorar o título e, nesse final de semana, mostrou que ainda está vivo e que pode, sim, ainda dar muitas alegrias à sua torcida em todo o Brasil.

O Vasco, que nos últimos anos teve muitos altos e baixos, rebaixamento e conquista da Copa do Brasil em 2011, chegou a mais uma final de estadual onde enfrentou o Botafogo.

O primeiro jogo, o Vasco venceu pelo placar de 1 a 0, mas, como sabemos que no futebol tudo pode acontecer, o Vasco não poderia estar contando com esse resultado, se bem que em um empate sem gols o Vasco seria o campeão.

Chega o dia tão esperado, os dois times estão em ponto de bala, a torcida quer show e gols. O Vasco entra disposto a não voltar para casa sem a taça e seu torcedor, que ensaiou o grito de campeão toda a semana para ensurdecer o Maracanã, está ali esperando o apito final para gritar.

E a alegria começa no final do primeiro tempo, um a zero para o Vasco. A torcida começa a fazer a festa.

No início do segundo tempo o Botafogo empata a partida e coloca fogo no jogo. O jogo fica quente, doze cartões amarelos são distribuídos e o Botafogo parte para cima em busca de mais um gol.

Mas, nos acréscimos, o Vasco acaba com o sonho do Botafogo e marca o gol. A torcida vai ao delírio e o Vasco é o campeão carioca de 2015.

Esse foi o 23º título estadual do Vasco, que terminou a primeira fase em terceiro lugar, que eliminou o Flamengo nas semifinais e que esse ano disputará novamente a séria A do Campeonato Brasileiro depois de conquistar o acesso no ano passado.

Parabéns ao Vasco pelo seu empenho em meio a tantas dificuldades enfrentadas nesses últimos anos, pois, com essa conquista, mostrou que é um time grande.

Por Andre Escobar

Foto: Marcelo Sadio/Flickr Vasco


Como era de se esperar, o Botafogo teve o maior número de destaques no evento de Premiação do Campeonato Carioca. Além de ter o meia holandês Seedorf escolhido como o melhor jogador do campeonato, o Alvinegro também teve o prêmio de melhor técnico (Oswaldo de Oliveira) e outros sete jogadores na seleção dos melhores da competição.

O goleiro Jefferson, o lateral-direito Lucas, os zagueiros Dória e Bolívar, o volante Gabriel e os meias Lodeiro e Seedorf, foram os mais votados e faturaram o prêmio. O jovem atacante Vitinho foi apontado como a Revelação do campeonato.

Dos outros clubes, apenas Carlinhos (lateral-esquerdo do Fluminense), Jean (volante do Fluminense), Hernane (atacante do Flamengo) e Fred (atacante do Fluminense) não eram do Botafogo.

A equipe alvinegra conquistou o Carioca de forma incontestável, vencendo os dois turnos da competição. O bom desempenho da equipe do técnico Oswaldo de Oliveira credenciou o Botafogo como um dos favoritos ao título da Copa do Brasil e do Campeonato Brasileiro.

Os próximos jogos da equipe alvinegra serão contra o CRB (nesta quarta-feira, pela Copa do Brasil) e o Corinthians (no próximo final de semana, em jogo válido pela primeira rodada do Campeonato Brasileiro).

Por Júlio Abreu


Botafogo é o Campeão Carioca 2013Na tarde do dia 5 de maio de 2012, o Botafogo de Futebol e Regatas ganhou seu vigésimo título do Campeonato Carioca. A vitória em cima do Fluminense por 1 a 0 em Volta Redonda foi suficiente para que clube da estrela solitária levasse a Taça Rio sem ter que realizar outro jogo, caso o Fluminense ganhasse.

O técnico Oswaldo de Oliveira montou um esquema que não somente segurou o Fluminense como impôs seu ritmo de jogo nos momentos mais decisivos. A partida começou um pouco tensa entre os atletas, principalmente entre Leandro Euzébio que se desentendeu com Marcelo Mattos, após este levar um puxão no pescoço dado por Thiago Neves. O que deixou o jogo um pouco parado até a metade do primeiro tempo.

Aos 28 minutos, Rafael Marques balançou as redes para o Botafogo, mas o gol foi anulado, mas aos 41’, Lucas teve uma boa oportunidade e chutou forte, Dória desviou e Rafael Marques tocou na saída do goleiro Diego Cavalieri e fez o gol. A vitória acabou com as chances do Fluminense de se tornar bicampeão esse ano.

O último título do Fogão tinha sido em 2010 e também foi um Campeonato Carioca. A conquista de 2013 foi a primeira de holandês Seedorf pelo Botafogo.

Por Robson Quirino de Moraes


Campeão da Taça Guanabara, o Botafogo confirmou a boa fase e goleou o Vasco por 3 a 0 no estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda. Os gols do Botafogo foram marcados por Rafael Marques, Lodeiro e Fellype Gabriel.

Com o resultado, a equipe alvinegra precisa de apenas uma vitória nos próximos quatro jogos para garantir a sua vaga nas semifinais da Taça Rio. Já o Vasco está em situação crítica, na lanterna do Grupo A e praticamente eliminado da competição.

Com um público de cerca de 7 mil pessoas, o clássico começou com o Botafogo tomando a iniciativa da partida, controlando as principais ações. Apesar do domínio, o Glorioso não conseguiu converter a superioridade em gols.

Na etapa complementar, o Botafogo mostrou não estar traumatizado com a interdição do Engenhão. Aos 7 minutos, Bruno Mendes desviou de cabeça e a bola sobrou para Rafael Marques, que chutou para o fundo do gol: 1 a 0. Cinco minutos depois, Júlio Cesar cruzou da esquerda, o goleiro espalmou para o meio da área e Lodeiro, que vinha de trás, chutou no ângulo, ampliando o placar.

Por fim, Fellype Gabriel acertou um belo chute e fechou o placar para o Botafogo: 3 a 0.

Confira no vídeo abaixo os melhores momentos da partida:

Por Júlio Abreu


Com a recente interdição do Engenhão para jogos e eventos por tempo indeterminado, a Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro (Ferj) divulgou que o Estádio da Cidadania, em Volta Redonda, irá receber os próximos clássicos, as semifinais e as finais do Campeonato Carioca.

Isso porque o São Januário, maior estádio do Rio de Janeiro depois do Maracanã e do Engenhão, não tem estrutura para receber jogos de duas grandes torcidas. A única forma de os jogos serem realizados seria com a divisão de 90% dos ingressos para o time mandante e 10% para os visitantes, o que foi sumariamente descartado pelos clubes.

Futuro palco das Olimpíadas de 2016, o Engenhão foi interditado após o consórcio que administra a parte estrutural do estádio verificar instabilidade na sua cobertura, que pode desabar se não forem realizadas reformas.

A final da Taça Rio está marcada para o próximo dia 4 de maio. Se o Botafogo conquistá-la, será o campeão carioca por já ter conquistado a Taça Guanabara. Caso contrário, as finais do Carioca serão realizadas no dia 11 e 18 de maio.

Por Júlio Abreu


O Vasco jogava a final da Taça Guanabara, contra o Botafogo, podendo até empatar que, mesmo assim, levaria o título do 1º turno do Campeonato Carioca.

O time da cruz de malta segurou o empate até aos 35 minutos da segunda etapa, até que, em jogada que se iniciou com o holandês Clarence Seedorf, a bola chegou até o bom lateral Lucas, e este não desperdiçou, fazendo o gol que deu o título ao Fogão.

Com o título, o Botafogo garante no mínimo uma das vagas para a decisão do Campeonato Carioca, porém caso vença a Taça Rio (2º turno do Campeonato), não precisará disputar a final e será declarado campeão do Estado em 2013.

Quando Seedorf foi contratado, a torcida botafoguense e a mídia esportiva questionaram até que ponto o holandês poderia contribuir para o futebol do clube, e se a aquisição não seria apenas uma jogada de marketing, já que o jogador tem 36 anos e estaria no final de sua carreira.

Para a surpresa de muitos e felicidade da torcida do time da estrela solitária, o meio-campista tem jogado um futebol diferenciado e parecer estar se tornando a “cereja do bolo” do treinador Oswaldo de Oliveira.

Por Vinicius Cunha





CONTINUE NAVEGANDO: