O jogo entre Botafogo e Náutico, em São Januário, terminou em 2 a 0 para o Fogão. O time da casa enfrentou uma forte retranca, mas conseguiu vencer e assumir a liderança do Campeonato Brasileiro.

O primeiro tempo foi apático, com o Náutico fechado em um esquema em que todos os jogadores permaneceram no campo de defesa e esperam uma oportunidade nos contra-ataques. Já o Botafogo era mais entrosado, com o holandês Seedorf dando ótimos passes para furar o bloqueio do time adversário.

A posse de bola do Fogão era de 68% e isso refletiu no placar, que só foi alterado no segundo tempo do jogo. O primeiro gol saiu de jogada de Rafael Marques, que ganhou espaço e tocou para Elias. O atacante ficou na cara do gol e não desperdiçou: 1 a 0 para o Botafogo para a alegria da torcida.

Após o gol sofrido, o Náutico despertou e forçou a defesa do Botafogo em jogadas que levaram perigo, mas o empate não saiu. Muito pelo contrário, o Náutico sofreu mais um gol. Lodeiro arrancou e cruzou para Renato, que completou de peixinho para o gol. A vitória garantiu a liderança do Botafogo e complicou um pouco a situação do Náutico.

Por Robson Quirino de Moraes


O Vasco realiza no próximo domingo (02 de Novembro) sua última partida pelo Campeonato Brasileiro de 2012. O duelo será diante do já campeão Fluminense, portanto, a expectativa é de um jogo ainda mais morno do que foi contra o Flamengo.

A equipe de São Januário mais uma vez colocará a garotada para jogar, isso por causa dos inúmeros desfalques que tem atormentado a cabeça do técnico Gaúcho.

Juninho não joga mais esse ano. Felipe treinou, mas também não deverá estar em campo. Já Alecsandro fala em tom de despedida e pode deixar São Januário. Por fim, Dedé só volta em 2013. Todos eles desfalcarão o Vasco contra o Fluminense, no entanto, o que era ruim ficou ainda pior, isso porque o goleiro Fernando Prass também não jogará diante do tricolor carioca, o arqueiro está com bursite no ombro direito.

Prass já vinha sofrendo com as dores, no entanto, o jogador atingiu seu limite e decidiu que não jogará a próxima e última partida do clube no ano, sendo assim, o jovem Alessandro entra em seu lugar.

Vasco e Fluminense jogam no domingo (02 de novembro), às 17:00, no Engenhão.

Por Gabriel Frigini Reis


E a disputa pela vice-liderança continuou na 37ª rodada do Campeonato Brasileiro. Ainda existe uma vaga direta para a disputa da  Libertadores 2013.

O Grêmio, que está na briga pela 2ª posição, jogou contra o Figueirense e ganhou de 4×2. Com gols de Leandro, Souza, Zé Roberto e Elano.

Destaque para o jogador Zé Roberto, que está jogando muito. O jogador Aloisio marcou 2 gols pelo lado do Figueirense.

O Atlético-MG jogou contra o Botafogo e ganhou com o gol de Rever aos 43 minutos do segundo tempo, os outros gols foram marcados por Bernard e Richarlyson. Elkenson e Antônio Carlos marcaram para o Botafogo, que ficou na 7ª posição. Vale lembrar que o Grêmio e o Atlético-MG jogam com seus maiores rivais na última rodada.

Na parte debaixo da tabela, o Sport precisava ganhar mais empatou com o campeão Fluminense. O Sport está em uma difícil situação, pois precisa ganhar o clássico contra o Náutico e torcer pela derrota do Bahia e da Portuguesa.

A Portuguesa ganhou do Internacional por 2×0, com gols de Marcelo Cordeiro e Luis Ricardo.

O São Paulo ficou no 0x0 contra a Ponte Preta. O técnico Ney Franco jogou com seus reservas, priorizando a semifinal da Copa Sul-Americana.

O Corinthians jogou contra o Santos no sábado e ficou no 1×1, com gol de Wallace e Felipe Anderson.

Já o Palmeiras jogou contra o Atlético-GO e perdeu por 2×1. A equipe paulista irá pegar o Santos na última rodada do campeonato.

Por Viviane Nascimento


O Atlético-MG enfrenta neste domingo (18), às 17 horas no estádio Independência (MG), o xará goianiense, em busca de uma classificação direta para a fase de grupos na Taça Libertadores de 2013.

O clube mineiro, que já não tem mais chances matemáticas de conquistar o título da competição nacional, caiu para a 3ª colocação após o empate frente ao Vasco e a vitória do Grêmio encima do São Paulo, na rodada anterior.

Já o Atlético Goianiense, que não aspira mais nada já que foi o primeiro time do campeonato a ter seu rebaixamento matematicamente confirmado, entra em campo somente para cumprir tabela. Mas o discurso dos atletas do clube goiano é de que o confronto vale muito, para terminar a temporada com honra.

Apesar de falar à imprensa que o confronto será difícil, os atletas e a comissão técnica do Atlético Mineiro confirmam que é uma partida de vida ou morte para as pretensões do clube. O Galo precisa vencer e torcer por um empate ou derrota do Grêmio para voltar à segunda colocação do campeonato.

Esse embate poderá selar também o destino de Ronaldinho. O atleta confirma que quer disputar a Libertadores e mesmo que negue, sua permanência no clube mineiro está diretamente condicionada à participação do Galo na competição mais importante da América do Sul.

Por Renato Benevenuto


O Palmeiras tenta dar a última cartada, sem direito a erros. Uma derrota no Rio nesse domingo (18) pode resultar na segunda queda do alviverde paulista para a segunda divisão do Brasileirão em sua história. Além de vencer, o Verdão precisa torcer para que seus adversários diretos não triunfem na rodada.

Com uma semana cheia de incertezas, o técnico Gilson Kleina tem vários problemas para escalar o time que vai para o "tudo ou nada". Apesar de quase impossível, o treinador palmeirense trabalha duro para evitar mais um capítulo trágico na história de um dos clubes mais tradicionais do Brasil. E o confronto é contra o Flamengo.

Tranquilo após detonar as chances de rebaixamento, o clube carioca iniciou sua preparação de forma serena para o duelo, já que não almeja mais nada no campeonato.

A partida promete ser tensa. Um forte esquema de segurança está sendo montado para a proteção do elenco e da cúpula palmeirense, que durante a semana vem sofrendo fortes ameaças, além dos atos de vandalismo praticado contra o patrimônio do clube.

A salvação do clube é quase impossível, porém o futebol é um esporte que deve ser usado para unir as pessoas e não para ser utilizado a favor da violência.

Vai ser um jogão, com tom de dramaticidade, que pode se tornar posteriormente em tristeza e decepção por parte dos torcedores do Palmeiras.

Por Renato Benevenuto


Antes unanimidade como a dupla de zagueiros titulares do Botafogo, Antônio Carlos e Fábio Ferreira não gozam mais de tanto prestígio no alvinegro, fato recorrente nas duas últimas temporadas do clube. Coincidentemente, os dois perdem espaço no momento em que o restante da defesa da Estrela Solitária se solidifica: o goleiro Jefferson e o lateral-direito Lucas atualmente são jogadores da Seleção Brasileira, enquanto que o lateral-esquerdo Márcio Azevedo conquistou a confiança do técnico Oswaldo de Oliveira.

Visando a temporada 2013, um antigo conhecido dos cariocas poderá estar de volta ao Rio de Janeiro. Revelado pelo Flamengo, André Bahia está bem próximo de assinar com o Botafogo. O jogador já apareceu em General Severiano e de acordo com as conversas iniciais, ele deve ter vínculo com o clube até o fim do Campeonato Carioca. Seria uma espécie de "período de experiência" e, caso agrade a comissão técnica, poderia ter mais dois anos de contrato.

Atuando pelo Samsunspor, da Turquia, desde 2011, o defensor de 28 anos está de saída por estar com quatro meses de salários atrasados. Além dele, a cúpula alvinegra também tem planos de anunciar no final deste ano o também zagueiro Rafael Vaz, do Vila Nova de Goiás.

Surpresa

Nem só de desconfiança foi a marca dos zagueiros do Botafogo em 2012. Estreante entre os profissionais e recentemente tendo completado 18 anos (em 8 de novembro), Dória passou de promessa a realidade em pouco tempo. Atualmente ele é indiscutivelmente titular. E este é só o começo da carreira do garoto, que ainda possui muito talento a mostrar a torcida do Glorioso.

Por Thiago Viana


Com a proximidade do fim do ano de 2013, a diretoria do Vasco já começa a pensar na próxima temporada e alguns nomes começam a serem especulados como possíveis contratações. Entretanto, um jogador que esteve atuando pelo clube até a metade do Brasileiro já deixou claro que não deseja voltar a Colina Histórica: trata-se de Diego Souza.

Contratado pelo Al-Ittihad, da Arábia Saudita, em 21 de julho, o jogador ficou no Oriente Médio nos últimos meses, sem receber os salários acordados anteriormente. Desta forma, o ex-camisa 10 cruz-maltino entrou com pedido de liberação, o que acabou gerando um imbróglio com a Fifa, devido os árabes não terem entregue o passaporte para Diego Souza.

Após a situação inusitada, com a ajuda do Itamaraty, a confusão diplomática foi encerrada com desfecho positivo para o atleta, sendo ele liberado para poder voltar ao futebol brasileiro. O Vasco prontamente anunciou o desejo de repatriar o atleta. Porém, de acordo com o Jornal Extra, Diego já deixou claro que não possui nenhuma vontade de mais uma vez ir para São Januário.

Aliás, o destino do meia deve ser o Santos, quando poderá ser comandado por Muricy Ramalho. Neste caso, abre-se a possibilidade do retorno de Bernardo – emprestado ao Peixe – cujo contrato cessa no fim do ano.

Por Thiago Viana


O Botafogo já iniciou seu planejamento para a próxima temporada. Na manhã desta terça-feira o clube carioca deixou muito próxima a contratação do zagueiro André Bahia, que atua no exterior há mais de 8 anos. Após um encontro com a cúpula botafoguense, André conheceu a estrutura do alvinegro carioca e até treinou na academia de General Severiano, juntamente com seus novos companheiros de clube.

A assinatura do contrato porém, depende de uma decisão da Fifa, já que o atleta entrou com uma ação pedindo a rescisão de contrato com seu atual clube, o Samsunspor, da Turquia. André afirma que ficou mais de 4 meses sem receber seus vencimentos no clube turco. A conclusão do contrato deve sair até a próxima semana.

A ideia do Botafogo é colocar seu espaço para que o atleta possa treinar sua parte física e posteriormente assinar um contrato até o final do campeonato carioca, podendo ser renovado, caso o atleta mostre qualidade.

O zagueiro de 28 anos foi revelado pelo Flamengo em 2001, onde se transferiu para o Feyenoord, tendo seus direitos federativos adquiridos pelo clube holandês. No fim de 2011, André Bahia se transferiu para o Samsunspor, seu atual clube.

Por Renato Benevenuto


O Coritiba receberá o Vasco pela trigésima sexta rodada do Campeonato Brasileiro 2012. O jogo será realizado no dia 17 de novembro, no estádio Couto Pereira, às 19h30.

O Coxa, time que joga em casa com o apoio de sua torcida, apresenta 45 pontos em 35 rodadas, com aproveitamento de 42,9%. Mais próximo da zona de rebaixamento do que do G4, o time paranaense precisa dos 3 pontos para continuar se distanciando do Z4 e terminar o torneio em uma posição melhor.

O artilheiro da equipe na competição é Deivid, que balançou as redes por oito vezes. Para a próxima temporada, o Coritiba contará com o repatriado meia Alex, cria da casa, em seu elenco.

Pelo lado do Vasco, que viu o G4 ficar cada vez mais distante nas últimas 5 rodadas, o objetivo é conseguir uma vitória fora de casa para terminar o torneio em uma boa posição. O clube carioca apresenta 51 pontos em 25 séries de jogos e tem aproveitamento de 48,6%.

Para vencer o Coritiba, o Vasco conta com os gols do artilheiro da equipe no Brasileirão, Alecsandro, que marcou 10 gols. Para a próxima temporada, a equipe busca contratar novos jogadores e renovar o elenco.

Por Marcelo Araújo


O Internacional recebe o Corinthians pela trigésima sexta rodada do Brasileirão 2012. A partida será realizada no dia 18 de novembro, no estádio Beira-Rio, às 19h30.

O Internacional tem poucas chances de entrar novamente na área do G4 e se classificar para a Copa Libertadores da América de 2013. Porém, para conseguir esta difícil tarefa, precisa ganhar os três jogos restantes e torcer por uma combinação de resultados praticamente impossível. A equipe gaúcha está em oitavo lugar, apresenta 51 pontos em 35 rodadas, com aproveitamento de 48,6%. O artilheiro do Inter no campeonato é Leandro Damião, que marcou 7 vezes para o Colorado.

O Corinthians, atual campeão da Copa Libertadores da América, não está preocupado com a classificação, mas pretende terminar o campeonato em uma boa posição, com o intuito criar um bom clima na equipe para a disputa do Mundial de Clubes da FIFA.

Na sexta posição do torneio brasileiro, o Timão apresenta 53 pontos em 35 rodadas, com aproveitamento de 50,5 pontos percentuais. O jogador que marcou mais gols para o time alvinegro no Brasileirão foi o volante Paulinho, que balançou a rede por sete vezes. 

Por Marcelo Araújo


O Fluminense, clube que se sagrou campeão do Campeonato Brasileiro de 2012 com 3 rodadas de antecipação, recebe o Cruzeiro pela 36ª rodada do torneio. O jogo será realizado no estádio do Engenhão, às 17:00, no dia 18 de novembro.

O Tricolor carioca apresenta 76 pontos conquistados em 35 rodadas, com média de aproveitamento de 72%. Apesar de já ter conquistado a taça, o Flu pretende continuar mantendo a ótima regularidade e bater recordes de pontos na competição. Além disso, o artilheiro Fred continua sendo perseguido por Luís Fabiano na artilharia e precisa marcar mais gols para garantir a marca pessoal. Na última rodada, o Fluminense venceu o Palmeiras por 3 a 2.

Já o Cruzeiro ocupa a décima posição na tabela, com 46 pontos ganhos em 35 rodadas, apresentando aproveitamento de 43,8%. Para o jogo contra o Fluminense, a equipe mineira pretende brecar o primeiro colocado para mostrar que ainda tem forças no campeonato. Na última série de jogos, o Cruzeiro venceu o Bahia por 3 a 1 e pretende manter a regularidade. O artilheiro do time na competição é Wellington Paulista, que marcou 9 gols.

Por Marcelo Araújo


Caso o Bahia e a Portuguesa vençam seus jogos na próxima rodada, o Palmeiras estará matematicamente rebaixado para a segunda divisão do Campeonato Brasileiro.

Apesar de o Alviverde Paulista não depender somente de si para escapar da degola, a diretoria palmeirense descarta pagar qualquer incentivo financeiro para que outra as equipes vençam seus concorrentes diretos.

Segundo divulgação do clube, sua filosofia é evitar qualquer influência externa antes da partida contra o Flamengo, no domingo, às 17 horas no Rio. Segundo o diretor de futebol do Palmeiras, César Sampaio, oferecer dinheiro para que as outras equipes vençam seus adversários diretos seria comprovar da incompetência do clube paulista em conseguir alcançar seus próprios objetivos.

Diante dos vários protestos realizados pela torcida palmeirense contra elenco e diretoria, o pedido feito internamente é que todos se unam a favor do clube, independente da queda ou não para a segunda divisão do torneio nacional.

Após a derrota para o Fluminense, o técnico Gilson Kleina busca blindar os atletas, divulgando o mínimo possível de informações sobre o provável time que entrará em campo em Volta Redonda, com o intuito de preservar os atletas que estarão em campo no possível rebaixamento da equipe.

Além do Fla, o clube paulista irá enfrentar o Atlético-GO (no Pacaembu) e o Santos (na Vila Belmiro).

Por Renato Benevenuto


O Santos receberá o Figueirense pela 36ª rodada do Campeonato Brasileiro 2012. O jogo acontecerá no estádio do Peixe, a Vila Belmiro, no dia 17 de novembro. O time paulista apresenta 46 pontos em 35 rodadas, com aproveitamento de 43,8%. Na última rodada, o clube do litoral perdeu para o lanterna do campeonato, Atlético-GO, pelo placar de 2 a 1. Para se recuperar e terminar a competição em uma posição melhor, o Santos precisa dos três pontos em casa.

O Figueirense já está rebaixado para a Série B do Campeonato Brasileiro de 2013. O clube catarinense possui apenas 30 pontos em 35 séries de jogos, com aproveitamento de 28,6%. Porém, ainda terá que cumprir as últimas rodadas do Brasileirão, que serão jogos cruciais onde o clube poderá atrapalhar times que estão bem posicionados na tabela. Apesar do mau desempenho no campeonato, o atacante da equipe, Aloísio, vem sendo um dos destaques da competição com 12 gols marcados. Há interesse de grandes times brasileiros na contratação do jogador. Na última rodada, o Figueira empatou com o Sport pelo placar de 1 a 1 no estádio Orlando Scarpelli.

Por Marcelo Araújo


Pela trigésima sexta rodada do Campeonato Brasileiro 2012, a Portuguesa recebe o Grêmio no estádio do Canindé, às 19h30, do dia 18 de novembro. Este jogo será importante para duas partes da tabela, o G4 e o Z4.

Presente no primeiro grupo, o tricolor gaúcho precisa de uma vitória fora de casa para manter a regularidade e terminar o torneio na segunda posição, garantindo uma melhor posição na Copa Libertadores da América de 2013.

Para ganhar da Portuguesa no Canindé, o clube gaúcho conta com os gols do artilheiro Marcelo Moreno, que já marcou 10 gols e é o artilheiro da equipe na competição, além de ter garantido a vitória contra o São Paulo na última rodada. O tricolor gaúcho apresenta 66 pontos em 35 jogos, com aproveitamento de 62,9%.

A Portuguesa de Desportos, com 40 pontos em 35 rodadas e aproveitamento de 38,1%, não apresentou boa campanha no segundo turno, aproximando-se da zona de rebaixamento. Para se distanciar do Z4, a equipe paulista precisa vencer os últimos jogos, mas ainda depende apenas de seus resultados. O artilheiro do clube na competição é Bruno Mineiro, que maçou 14 vezes até a última rodada.

Por Marcelo Araújo


Com a vitória sobre o Barueri, no sábado, dia 10, clube atinge os 74 pontos, garantindo assim, sua volta à elite da competição nacional.

Com o Serra Dourada lotado, após a diretoria esmeraldina fazer uma grande promoção de ingressos, o Goiás garante sua volta a elite brasileira. 

Com gols de Walter, Egídio e Dudu Cearense, o Gigante goiano faz valer sua força. Diante de mais de 38 mil expectadores, o time goiano venceu o Barueri com facilidade e volta a primeirona. Com a festa da torcida, que gritava emocionada "Ah, eu estou na série A". Agora a equipe verde corre atrás para tentar conquistar o título da segundona do Brasileirão.

Já ao Barueri, resta pegar os estilhaços da péssima temporada e planejar o ano de 2013, quando terá a série C pela frente.

O jogo: com o objetivo de não deixar a ansiedade tomar conta, o Goiás foi logo pra cima. Com velocidade e boas bolas no ataque, a equipe se mostrava calma, diante de uma retranca de um time sem compromisso e já rebaixado, que no entanto queria estragar a grande festa da torcida.

Aos 17 minutos da primeira etapa, quem ameaçou foi o lanterna da competição, com Marcelinho, que chutou à queima roupa. Mas o melhor estava por vir: em uma de suas principais características, o contra-ataque, o Goiás abriu o placar em grande estilo, com Egídio. Porém, com erros da defesa, o time goiano teve dificuldade no resto do primeiro tempo, porém o poder de fogo da equipe paulista era nulo.

No segundo tempo, a história foi bem diferente. Com o resultado nas mãos e com tranquilidade, o Goiás buscava os espaços e foi assim que saiu o segundo gol. Após ótimo cruzamento do lateral Vítor, Walter, de cabeça amplia o placar: 2×0. E para fechar, Dudu Cearense, em seu segundo jogo, mandou na saída do goleiro adversário em cruzamento também do lateral Vítor.

Após o apito final, era só alegria dos torcedores que sentiam falta de ver seu time na elite. O Goiá está novamente no lugar onde jamais deveria ter saído. Pode comemorar torcedor Esmeraldino!

Por Renato Benevenuto


Jogando em meio a um público próximo dos 46 mil expectadores, Grêmio e São Paulo fizeram um grande duelo em busca de uma vaga na competição mais importante da América do Sul.

Com um grande duelo, o que chamou a atenção foi a súplica da torcida gremista pedindo a renovação do contrato de Vanderlei Luxemburgo, que negocia de forma complicada com o presidente eleito, Fábio Koff.

O primeiro tempo do jogo foi digno de um duelo entre duas excelentes equipes. Após um duelo ofensivo de ambos os times, quem abriu o placar foi Rogério Ceni, após um pênalti cometido por Saimon. Mas o Grêmio não se deixou abalar e foi para cima do adversário, mas em vão, já que o primeiro tempo terminou com a vantagem paulista.

E uma frase popular no futebol se fez verdadeira, quando dizem que banco de reservas também ganha jogo. André Lima, que saiu dos suplentes, empatou a partida aos 15 minutos do segundo tempo. Continuando na pressão, o Tricolor Gaúcho virou a batalha aos 39 minutos com Marcelo Moreno, fazendo a torcida gremista se esbaldar em felicidade. 

Com o resultado positivo, o Grêmio tem vaga confirmada na Libertadores, assumindo a vice- liderança. Já o São Paulo começa a sentir a pressão do Botafogo, que começa a reagir e consequentemente encostar.

Que final de campeonato!

Por Renato Benevenuto


Embaixo de um forte calor, Vasco e Atlético-MG entraram em campo para jogar mais uma partida pelo Campeonato Brasileiro.

Precisando vencer o Cruzmaltino, o time mineiro entrou em forte ritmo para que ainda pudesse sonhar em conquistar o torneio nacional. Até os 5 minutos da primeira etapa, o Atlético atacava o Vasco, surpreendo-o com as bolas paradas do craque Ronaldinho, fazendo o goleiro do adversário trabalhar com boas defesas.

Enquanto era atacado, o Vasco tentava sair em contra-ataque com seus atacantes Tenório e Alecssandro, mas sem sucesso.

O placar foi aberto logo aos 25 minutos, a favor do Atlético, em pênalti cometido por Douglas em cima de Escudero, que foi convertido com sucesso por Ronaldinho Gaúcho. O primeiro tempo terminou com o resultado positivo a favor do Galo. 

No segundo tempo, o Vasco fez duas mudanças, dando nova mobilidade ao time. Pressionando, por estar com um homem a mais (Serginho foi expulso após levar o segundo cartão amarelo), o Vasco conseguiu empatar, após o encerramento do jejum de Alecssandro, que recebeu limpo de Felipe e bateu firme para o gol.

Após o empate, a partida esfriou e ficou sem qualquer tipo de emoção. O último lance do jogo foi de Réver. O zagueiro atleticano cabeceou no ângulo, exigindo uma defesa milagrosa do goleiro Fernando Prass.

Com o resultado, o Galo caiu para 3º (após a vitória do Grêmio sobre o São Paulo), enquanto o Vasco segue com poucas chances de ir à Libertadores. 

Por Renato Benevenuto


O Fluminense é o Campeão Brasileiro de 2012. O título antecipado se deu devido à vitória dramática sobre o Palmeiras e por causa do empate entre Atlético-MG e Vasco. 

A vitória emocionante sobre o time paulista enfatiza a excelente campanha do Tricolor carioca no Campeonato Brasileiro, coroando-o com o merecido título. Título esse que o clube já havia conquistado por outras três vezes (1970,1984 e 2010).

A campanha do clube carioca é de dar inveja: em 35 jogos, foram 22 vitórias, 10 empates e apenas 3 derrotas. Esse foi o melhor aproveitamento da história dos pontos corridos, desde que esse formato foi fundamentado, em 2003.

O torcedor do tricolor lotou as Laranjeiras para comemorar o título Brasileiro junto com o elenco. 

Há informações de que a diretoria do Fluminense já enviou um ofício para que a CBF solicitando o envio do troféu, para que o clube já comemore o título conquistado diante de sua torcida, em confronto frente ao Cruzeiro, no Engenhão (RJ).

Já o Palmeiras fica em delicada situação. O alviverde tem que vencer todos os seus confrontos e torcer para que Bahia ou Portuguesa perca os seus, o que é extremamente complicado. O time paulista só não caiu ainda devido a derrota do Bahia para o Cruzeiro, por 3×1 em Belo Horizonte. 

Por Renato Benevenuto


Em novo teste antes do Mundial do Japão, o Corinthians enfrentou o Coritiba no Pacaembu (SP) e venceu com facilidade a equipe paranaense. 

Mesmo sem qualquer aspiração no campeonato, o Timão segue em ritmo forte, fazendo uma preparação para competir no Mundial de Clubes que acontecerá no Japão. A vítima da vez foi o Coritiba, que saiu goleado com facilidade pelo alvinegro paulista. 

Com início intenso, o Timão definiu o jogo com pouco menos de 20 minutos, ao fazer 3 gols. Envolvente, a equipe paulista era melhor na partida e achava com tranquilidade os espaços deixados pelo Coxa. 

Após estar perdendo por três gols de diferença, o Coritiba descontou com Deivid. Mas a equipe do Corinthians não se abateu e fez mais 2 gols, fechando o placar com a vitória paulista por 5×1 sobre os paranaenses. A vitória foi fácil para o Timão.

Pelo lado do Corinthians, os gols foram marcados por Chicão, Fábio Santos, Guerreiro, Martínez e Paulinho. Pelo lado do Coritiba, como dito anteriormente, o gol foi marcado por Deivid.

De gritos de "olé" da Fiel a provocações sobre o rival Palmeiras, esse é o Corinthians em preparo para o Mundial.

Confira no vídeo os melhores momentos da partida:

Por Renato Benevenuto


O confronto na aconteceu na noite desse último sábado (10). Bruno Mendes mais uma vez mostra ter o faro de artilheiro e ajuda o alvinegro carioca a chegar em mais uma vitória. Vitória essa deu um pingo de esperança aos torcedores do Fogão, que ainda sonham com uma vaga na Copa Libertadores 2013.

O placar por 3×0, com grande atuação de Bruno Mendes, mostra que o clube carioca está realmente em eminente evolução. Com a vitória, o alvinegro chegou a 5ª colocação com 54 pontos, cinco a menos que o São Paulo, primeiro clube na faixa que leva a competição mais importante do continente Sul-americano.

Conseguiu uma vitória tranquila e fácil em cima da equipe de São Paulo e mostra que ainda está almejando algo na competição.

Se a equipe foi mais equilibrada, com certeza estaria brigando por maiores expressões. 

Após a boa vitória, com os gols de Vitor Junior, Bruno Mendes e Fellype Gabriel, o Botafogo mostra que está vivo e em evolução e na briga para encerrar bem o seu campeonato de altos e baixos.

Para a próxima temporada, o torcedor da estrela solitária espera mais planejamento, para que o time volte às glórias de outroras.

Por Renato Benevenuto


Nesse domingo (11), às 17:00 horas (horário de verão), Vasco e Atlético-MG entram em campo no estádio de São Januário, em um confronto com tom de decisão.

Do lado do Vasco, o objetivo é focar o fim do campeonato e buscar uma vaga na Libertadores 2013, depois da saída do técnico Marcelo Oliveira, após permanecer menos de dois meses no comando do Cruzmaltino.  Já do lado do Galo Mineiro, a corrida é para garantir uma vaga na fase de grupos da competição continental, sem a necessidade de disputar a pré-Libertadores. 

O Vasco vem derrotado pelo Sport, por 3×0, em pleno São Januário. Esse resultado culminou na saída do técnico Marcelo Oliveira.

Já o Atlético, também vem de derrota, 1×0, para o Coritiba, no Couto Pereira e busca se recuperar da derrota com um resultado positivo encima do Vasco, clube que está em crise política e financeira.

Por serem equipes bem montadas, que brigaram parte do campeonato pela liderança, não resta dúvidas de que o confronto será bem disputado, com vários gols.

A única certeza que se pode ter através desse duelo recheado por craques, é a de que será um grande espetáculo. 

Por Renato Benevenuto


Nesse domingo, dia 11 de novembro, mais um confronto merece atenção pela 35ª rodada do Campeonato Brasileiro 2012. Palmeiras e Fluminense jogarão por objetivos totalmente diferentes – o tricolor carioca disputa o título brasileiro, enquanto o alviverde paulista luta contra o rebaixamento.

A rodada pode definir as pretensões de ambos os clubes. Caso perca, o Palmeiras fica em situação ruim, podendo ter o rebaixamento matematicamente confirmado, ao contrário do Fluminense, que pode se tornar o Campeão Brasileiro do ano de 2012.

O clube paulista, que teve a derrota confirmada contra o Internacional, corre atrás do prejuízo, já que se encontra em situação desesperadora.

Já o Tricolor carioca segue em maré mansa, com uma diferença de 9 pontos à frente do vice-líder Atlético-MG, podendo garantir o título com antecedência.

O time paulista, que vem com problemas para a partida (o técnico Gilson Kleina confidenciou a imprensa que alguns atletas pediram para ficar de fora do confronto, com medo das ameaças feitas por alguns torcedores do clube), tem que vencer o Flu, e secar seus adversários para conseguir diminuir a diferença para sair da zona da degola.

Sem dúvidas, apesar da diferenças entre as duas equipes, o jogo terá um capítulo à parte no Campeonato, onde os árbitros vêm sendo os personagens principais. 

Presidente Prudente vai tremer!

Por Renato Benevenuto


A 35ª rodada do Campeonato Brasileiro 2012 está repleta de jogos importantes. Entre eles, o Atlético-GO, último colocado na tabela, recebe o Santos, nono colocado.

O time goiano tem a difícil tarefa de derrotar o clube paulista, que vem de uma goleada de 4 a 0 sobre o Cruzeiro na última rodada com show do menino Neymar. Em todas as rodadas do campeonato, o Atlético-GO conquistou apenas 23 pontos e tem aproveitamento de 22,5%. Para escapar da zona de rebaixamento, o time tem que conseguir melhorar sua regularidade, além de ter que torcer por uma combinação de resultados quase impossível.

O Santos, apesar de estar em uma posição intermediária na tabela, fez um campeonato abaixo do esperado. O time do litoral paulista conquistou 46 pontos em 34 séries de jogos, com aproveitamento de 45,1%. Porém, conta com quase as mesmas peças que levaram o clube a ganhar o Paulistão deste ano. Para sair com a vitória, a equipe conta com Neymar, Arouca, entre outros craques. Uma baixa na equipe foi a perda do meia Ganso, negociado com outro clube da capital.

O jogo será realizado no dia 10 de novembro, às 19h30, no estádio Bezerrão.

Por Marcelo Araújo


Pela trigésima quinta rodada do Campeonato Brasileiro 2012, o Botafogo recebe a Portuguesa e tem o objetivo de aproximar-se do São Paulo na classificação. Para entrar no G4 e se classificar para a Copa Libertadores da América de 2013, o time carioca precisa de um bom aproveitamento nesta fase final do torneio, pois está a oito pontos do tricolor paulista.

A campanha do Botafogo, até agora, é a seguinte: 51 pontos ganhos em 34 jogos e aproveitamento de 50%, o mesmo do Internacional. Para o jogo contra a Portuguesa, o clube conta com sua torcida para sair com a vitória do Engenhão.

No caso da Portuguesa, a situação é bem diferente. A Lusa demonstrou queda de rendimento nas últimas rodadas e, agora, está próxima da zona de rebaixamento. O time paulista precisa da vitória fora de casa para se afastar do Z4 e continuar na série A do campeonato.

A campanha da Portuguesa apresenta 40 pontos nos 34 jogos disputados, com aproveitamento de 39,2%. Para passar pelo Botafogo com a vitória, a Lusa conta com os gols do artilheiro Bruno Mineiro e a experiência do goleiro Dida.

O jogo será realizado no estádio Engenhão, dia 10/11, às 19h30.

Por Marcelo Araújo


Pela 35ª rodada do Campeonato Brasileiro de 2012, o Grêmio recebe o São Paulo em jogo que pode complicar a situação do tricolor gaúcho no G4. No primeiro turno, o Imortal saiu com a vitória em pleno Morumbi. Para esta série de jogos, o time gaúcho tenta manter o bom aproveitamento em casa para se distanciar ainda mais do tricolor paulista, que o persegue de perto na zona de classificação para Libertadores da América de 2013.

Pelo lado do São Paulo, a expectativa é diminuir o número de pontos em relação ao Grêmio. As duas equipes estão participando da Copa Sul-Americana e o confronto promete muita garra e determinação para os dois lados. O Soberano conta com a velocidade de Lucas, o oportunismo de Luís Fabiano e as defesas de Rogério Ceni.

O Grêmio ocupa a terceira posição do torneio nacional, com 63 pontos marcados em 34 jogos e um aproveitamento de 61,8%. Na sequência, aparece o São Paulo com 59 pontos marcados em 34 jogos e demonstrando um aproveitamento de 57,8%.

O jogo será realizado no estádio Olímpico, dia 11 de novembro, às 17:00. A partida é de extrema importância para a definição das vagas no G4.

Por Marcelo Araújo


O Fluminense está prestes a ser campeão Brasileiro de 2012, no entanto, para quem pensa que o tricolor carioca está satisfeito com a conquista da competição nacional, a verdade é que a diretoria do clube já está pensando em 2013, ano esse em que a equipe terá importantes competições, como a Libertadores e a Copa do Brasil, além do Brasileirão.

Com um elenco recheados de craques e bons jogadores, o Fluminense está fazendo uma excelente campanha no Campeonato Brasileiro, no entanto a diretoria quer deixar o plantel ainda mais forte. Fred, Deco, Rafael Sóbis, Diego Cavalieri, Wagner, Wellington Nem, entre outros possivelmente terão a companhia de Ronaldinho Gaúcho e Seedorf.

As especulações giram em torno desses dois craques, assim que a informação chegou ao conhecimento da torcida, a mesma mostrou-se bastante empolgada com a possibilidade de ter no elenco duas estrelas do futebol mundial. No entanto, o desejo maior dos torcedores é que o tricolor carioca contrate Clarence Seedorf, que atualmente defende o Botafogo.

Ronaldinho Gaúcho atualmente está no Atlético MG e não há indícios de que queira sair, muito pelo contrário, o craque disse estar feliz no Galo mineiro. Seedorf chegou a pouco no time da estrela solitária, no entanto o holandês está machucado e não tem previsão de retorno.

Por enquanto são apenas especulações, veremos em breve o que realmente é verdade. No momento, os torcedores do tricolor carioca pensam apenas em comemorar o título brasileiro.

Por Gabriel Frigini Reis,


Vasco e Sport entram em campo no próximo domingo (04 de Novembro), às 16h, em São Januário, para um confronto dos “desesperados”, o gigante da colina vem de cinco derrotas consecutivas, enquanto o Leão da Ilha do Retiro luta contra o rebaixamento.

O cruzmaltino contará com a volta de Alecsandro e Tenório, sendo possível que os dois formem o ataque titular, dessa forma jogadores como Marlone, Carlos Alberto e Éder Luis devem perder sua vaga no time titular, sendo opção no banco de reservas. No Sport, a baixa será a ausência do goleiro Marcão, o mesmo está lesionado e é desfalque importante para o time pernambucano.

O clima em São Januário não é bom, os salários atrasados, os bastidores conturbados da diretoria e o distanciamento do G-4 estão tornando o clima ainda pior, chegando ao ponto do Presidente, Roberto Dinamite, convocar uma coletiva para responder e esclarecer as dúvidas da impresa. Uma reunião também está marcada com uma das torcidas organizadas, o encontro provalmente será hoje, quarta-feira (31 de outubro).

Com certeza será um jogo pegado, já que os dois times precisam e muito da vitória. Lembrando que o Vasco terá o desfalque do zagueiro Dedé (que sofreu uma fratura na fíbula da perna esquerda), inclusive o “Mito” não joga mais nesse brasileirão, portanto será preparado apenas para 2013.

Vasco e Sport se enfrentam domingo. às 16h. no Estádio de São Januário-RJ.

Por Gabriel Frigini Reis


Mesmo com a promoção de ingressos que a diretoria do Vasco fez, a torcida da equipe de São Januário não se animou muito.

Após as três derrotas consecutivas no Brasileirão, os vascaínos nem chegaram a encher o estádio conforme o esperado. Os torcedores esperançosos foram à loucura quando Jonas abriu o placar, porém essa euforia durou pouco.

Diego Forlan fez dois gols e conseguiu virar o placar. Com essa derrota, o Inter manteve a vantagem na segunda etapa.

Restando apenas seis rodadas, o Vasco necessita recuperar cinco pontos em relação ao São Paulo e assim terminar no G-4.

O Inter está a sete pontos dos tricolores. A torcida, na maior parte do tempo tentou empurrar o time e sair do marasmo e como não obtiveram êxito, os torcedores resolveram protestar cobrando a saída de Roberto Dinamite.

No estádio, os gritos de “Queremos jogador” e “Chega de piada, vendeu o time todo e não pagou nem a água” aumentaram a tensão. Dinamite preferiu esconder-se na sala presidencial e pode perceber o aumento de policiais nas cadeiras sociais, que tiveram que conter alguns torcedores mais revoltados.

Por A.V.S


Embora, o empate a essa altura do Campeonato para o Bahia não seja considerado ruim, a equipe anda receosa com o medo da degola, devido às circunstâncias da rodada.

Com a vitória do Flamengo e Ponte Preta e os empates de Náutico e Portuguesa, os times podem respirar um pouco, faltando ainda seis rodadas. Quem ganha com isso é o tricolor baiano que tem maiores chances de sair da zona de rebaixamento, deixando o Sport e o Palmeiras em uma posição mais confortável. Ambas as  equipes conseguiram vencer seus dois últimos jogos.

A vitória do Sport (1 a 0) em cima do Atlético-GO foi apenas a segunda fora de casa neste Campeonato e fez a equipe chegar aos 33 pontos e ter seu risco de cair diminuído de 87% para 76% de acordo com Tristão Garcia, matemático do site Infobola. O time pernambucano segue com melhores condições que o Palmeiras, que tem um ponto a menos na tabela, mesmo assim tinha mais jogos com o mando de campo a seu favor.

A próxima rodada será decisiva: o Bahia recebe o Grêmio em Pituaçu, no dia 27 de outubro, e o Sport joga na Ilha do Retiro contra o São Paulo, também no dia 27 de outubro.

Por A.V.S


O STJD  (Superior Tribunal de Justiça Desportiva) liberou nesta terça-feira (23/10) o time do Santos para jogar na Vila Belmiro contra o Náutico. E essa liberação causou um enorme  efeito positivo nos jogadores.

O meia Felipe Anderson, de 19 anos, responsável por usar a camisa 10 que foi de Pelé, foi um dos que mais se sentiu motivado com o treino na Vila e prometeu empenhar-se ao máximo no jogo desta quinta-feira (25/10). Segundo ele, a torcida é como se fosse o  “décimo segundo” jogador e pode desequilibrar o adversário.

“Eu particularmente me sinto muito motivado. A equipe do Santos é muito forte na Vila. A torcida apoia o tempo inteiro, pois é a nossa casa. É sempre importante jogar na Vila”.

Nesta terça-feira, os jogadores participaram de um treino tático comandado pelo técnico Muricy Ramalho, que dividiu o elenco em três times, que disputavam confrontos com três traves. O argentino Miralles não treinou por estar com dores no calcanhar, porém participará do jogo desta quinta-feira.

Neymar, que teve diversos compromissos na capital na segunda-feira à noite, além de ter participado de mais de meia hora de uma pelada, treinou normalmente em Santos.

Por A.V.S


A situação do Palmeiras continua muito complicada. Porém, com a vitória contra o Bahia nesta última quarta-feira (18/10), uma réstia de esperança renasceu no coração do torcedor palmeirense.

Se após a derrota contra o Coritiba, muitos haviam jogado a toalha, a vitória contra o time baiano, adversário direto na luta pelo descenso, fez os torcedores ainda confiarem no time.

Pelo menos, o envolvimento dos jogadores é grande. Marcos Assunção, capitão do time, jogou com dores em seu joelho, no sacrifício, para poder ajudar a equipe. Outro exemplo de empenho é o do atacante Barcos.  O argentino esteve com a seleção no dia anterior ao jogo, voltou para o Brasil, enfrentou dificuldades e, mesmo assim, esteve em campo. Para não ver o time cair, essa determinação é essencial.

Esses jogadores, junto aos jovens João Denoni e Patrick Vieira, que subiram da base num momento complicado e têm mostrado personalidade em campo, podem ser o caminho  para a salvação palmeirense. Além, é claro, da confiança e do apoio da torcida.

Com sete rodadas pela frente, o Palmeiras precisa somar mais treze pontos para conseguir escapar. O próximo compromisso, mais uma vez encarado como uma final, será contra o Cruzeiro, em Araraquara.

Por Augusto Cesar


Nesta quarta-feira, dia 17 de outubro, o Cruzeiro irá receber o Corinthians no estádio Dilzon Melo. A partida, que acontecerá às 22:00, será válida pela 31ª Rodada do Campeonato Brasileiro 2012.

O técnico Celso Roth vive dias difíceis como treinador da equipe cruzeirense. A torcida "pega no pé" e os diretores fazem pressão para que Roth tire o time da zona de conforto. O Cruzeiro está na décima primeira posição, há 12 pontos do quarto colocado, São Paulo, último da lista dos clubes que devem ir à Copa Libertadores da América 2013.

Wellington Paulista, Wallyson e Alex Silva são desfalques que estão no departamento médico. Victorino está ausente a serviço da sua seleção.

Por outro lado, embora também esteja na zona de conforto, o Corinthians vive dias felizes, preparando o seu plantel principal para a disputa do Campeonato Mundial 2012, que será disputado no Japão em dezembro.

No jogo contra o Cruzeiro, os corintianos também possuem desfalques: Paulinho e Martínez estão a serviço das suas seleções, já o volante Ralf está suspenso devido ao excesso de cartões amarelos. Além disso, Chicão, Jorge Henrique e Emerson estão lesionados.

Por Renato Duarte Plantier


Pela 31ª rodada do Campeonato Brasileiro 2012, a Portuguesa irá receber o Flamengo no estádio do Canindé, dia 17 de outubro, às 22:00. O jogo "vale seis pontos", visto que as duas equipes lutam para se distanciarem da zona de rebaixamento para a segunda divisão da liga nacional.

Mesmo jogando fora de casa, o Flamengo deve contar com um número maior de torcedores, máxima que acontece quando o time carioca enfrenta equipes menores ao redor do país. As esperanças da equipe recaem sobre o atacante Vagner Love, o artilheiro do amor, que forma dupla de ataque com Liedson.

Léo Moura, Maldonado e Muralha não poderão atuar na partida, pois estão no departamento médico. Já Adryan e Wellington Silva estão suspensos por excesso de cartões amarelos. O time deve entrar com formação 4-4-2, com a seguinte escalação: Felipe, Luiz Antônio, Welinton, Renato Santos, Ramon, Airton, Ibson, Renato, Cleber Santana, Vagner Love e Liedson.

A Portuguesa tem três desfalques: Leandro Lima (por lesão), Lima e Marcelo Cordeiro (por causa de cartões amarelos acumulados).

A equipe paulista está na décima terceira posição com 37 pontos, enquanto que o Flamengo está na décima quinta colocação e tem 36 pontos.

Por Renato Duarte Plantier


No dia 17 de outubro (quarta-feira), às 22:00, o Santos irá receber o Atlético Mineiro pela 31ª rodada do Campeonato Brasileiro 2012. A partida será realizada no estádio da Vila Belmiro, na Baixada Santista, litoral de São Paulo.

O time santista está em fase de preparação para o próximo ano, visto que o sonho de classificação para a Copa Libertadores está cada vez mais longe. Mais uma vez, a estrela Neymar não deve estar em campo em virtude dos compromissos com a seleção brasileira. O atacante somente entra no jogo se tiver condições físicas.

Desfalques dos santistas por lesão: Rafael Galhardo, Paulo Henrique Soares, Fucile, Edu Dracena e Alison.

Já o Atlético Mineiro está em luta direta pela busca do título nacional, nove pontos atrás do líder Fluminense. Por este motivo, para os mineiros a partida é considerada uma “final de campeonato”.

O técnico Cuca deve utilizar a formação 4-5-1, composta pela seguinte escalação: Giovanni, Marcos Rocha, Rafael Marques, Leonardo Silva, Júnior César, Leandro Donizete, Pierre, Escudeiro, Bernard, Ronaldinho Gaúcho e Jô.

Desfalques do Atlético Mineiro: Victor (convocado para a seleção brasileira) e o zagueiro Réver (suspenso por decisão do Tribunal Superior Desportivo).

Por Renato Duarte Plantier


 

Após 29 rodadas disputadas pelo Campeonato Brasileiro da Série B, faltam apenas nove jogos para o fim da atual edição do torneio. Variando boas apresentações e alguns tropeços, o Atlético-PR continua próximo da zona de classificação para a Série A da Competição. Em 5º lugar com 52 pontos, o Furacão está a apenas um ponto da quarta colocação, atualmente ocupada pelo São Caetano.

Na próxima rodada, que ocorre nesta terça-feira, dia 16 de outubro, o Rubro-Negro pode começar a vislumbrar mais uma vez a Primeira Divisão. Diante do Avaí, a partir das 15h, o time do técnico Ricardo Drubscky irá atuar no Ecoestádio com a possibilidade de ultrapassar o Azulão na tabela de classificação, em caso de vitória e tropeço do rival. Os paulistas só entram em campo às 19h30, em casa, contra o Ceará.

O momento agora é de tentar conter a euforia do elenco. E a comissão técnica do Atlético-PR sabe muito bem disto. Desta forma, o pedido de todos no elenco do Furacão é o mesmo: pensar jogo a jogo, sem querer derrubar etapas, que não podem ser ultrapassadas.

"Estamos em ascensão e indo bem a cada semana, mas não podemos criar confusão na cabeça. A ansiedade tem de estar sob controle", prega Drubscky, o comandante do time.

Se pegarmos como base os três últimos anos da Série B, as chances de classificação do Atlético-PR são enormes. Avaliando os números dos quarto colocados nos anos anteriores, Sport (2011), América-MG (2010) e Atlético-GO (2009) fizeram respectivamente 61, 63 e 65 pontos.

Por Thiago Viana


O Internacional de Porto Alegre vai receber o Figueirense pela 31ª rodada, segundo turno, do Campeonato Brasileiro 2012, às 18h30, no Estádio Beira Rio, 17 de outubro, em uma quarta-feira com previsão de chuva.

Apesar das duras críticas do técnico Fernandão, que chegou inclusive a colocar o cargo à disposição há poucos dias, o Internacional ainda não saiu da chamada zona de conforto, fato que deixa chateada a torcida que estava acostumada com os tempos de glórias vividos na segunda metade da década passada.

Os desfalques do Inter são: Nei, com cartão amarelo; Mike e Índio, no departamento médico; e Forlán, Guiñazu e Leandro Damião, que estão convocados para jogar nas suas seleções (Uruguai, Argentina e Brasil, respectivamente).

A provável escalação inicial do Inter é: Muriel, Edson Ratinho, Jackson, Rodrigo Moledo, Kléber, Ygor, Bolatti, Fred, D’Alessandro, Dagoberto e Rafael Moura.

Já, o Figueirense não deve ter missão fácil na capital do Rio Grande do Sul. Está há três pontos de sair da zona de rebaixamento e conta com sete desfalques no departamento médico: Caio, Edson, Fernandes, Héber, João Paulo, Ricardo e Túlio.

Por Renato Duarte Plantier


O Grêmio recebeu o Botafogo e não conseguiu um bom resultado. Mesmo tendo dominado quase toda a partida, o Grêmio sofreu um gol no final e não conseguiu retomar a segunda posição, agora novamente com o Atlético Mineiro.

Jogando em casa, os gremistas começaram mandando na partida. Leandro, aos 11 minutos, obrigou o goleiro Renan a fazer grande defesa. Um minuto depois, a trave salvou o Botafogo. Zé Roberto cruzou e Werley cabeceou no travessão. O Botafogo, que pouco ameaçava, chegou com perigo aos 19 minutos. Fellype Gabriel levou perigo ao gol de Marcelo Grohe. O primeiro tempo seguia sem gols. Aos 34 minutos, ele saiu, mas foi anulado. Zé Roberto marcou, mas Marquinhos aparecia impedido no lance. A última boa chance da primeira etapa veio com o Botafogo, mas Grohe evitou o perigo mais uma vez.

O Grêmio voltou com Léo Gago no lugar de Souza para o segundo tempo. E foi o próprio volante quem fez o primeiro gol da partida. Aos 5 minutos, Léo acertou belo chute de fora da área, levando a torcida ao delírio: 1×0. Antônio Carlos quase empatou para o Botafogo logo depois, mas Marcelo Grohe apareceu bem. Aos 19 e 23 minutos, foi Renan quem trabalhou bem por duas vezes, evitando que os gaúchos ampliassem o placar. Precisando de mais força no ataque, Oswaldo de Oliveira colocou Elkeson, Seedorf e Bruno Mendes em campo. A substituição acabou dando resultado. Aos 45 minutos, quando tudo indicava a vitória gremista, Bruno Mendes arriscou e conseguiu empatar a partida, que terminou em 1×1, com gosto de vitória para o Botafogo.

Com o tropeço em casa, o Grêmio cai para a 3ª posição, com 57 pontos, ficando 11 atrás do líder Fluminense. O Botafogo chega a 41 pontos, na 8ª colocação.

Por Augusto Cesar


O Atlético Mineiro recebeu o Sport no estádio Independência e conquistou uma vitória heroica, que manteve a esperança dos torcedores na busca pelo título do Brasileirão.

O jogo começou aberto em Minas Gerais. Com menos de 10 minutos, os dois times já haviam conseguido chegar com perigo no ataque. Bernard e Jô tiveram chances para o Galo, enquanto Rithely quase marcou para o Leão. Aos 15 minutos, o Sport não perdoou. Hugo, de cabeça, completou um cruzamento e abriu o placar. Vendo as chances de título diminuírem com o resultado, o Atlético Mineiro foi com tudo para o ataque. Ronaldinho, Marcos Rocha e Jô infernizaram a zaga do time pernambucano, mas não conseguiram chegar às redes. Sendo assim, o primeiro tempo terminou com o placar de 1×0 para os visitantes.

A pressão mineira continuou na segunda etapa. Jô e Neto Berola tiveram a chance de empatar, mas acabaram desperdiçando. Enquanto isso, o Sport ia buscando chegar nos contra-ataques. Cicinho e Gilsinho assustaram o torcedor atleticano. Antes de ser substituído por Leonardo, Jô ainda teve tempo de perder mais uma oportunidade. E foi o substituto quem se tornou o herói da partida. Aos 30 minutos, Leonardo recebeu de Ronaldinho Gaúcho e cabeceou para empatar a partida. O gol resultou em pressão total do Atlético. Neto Berola, aos 36 minutos, perdeu chance incrível. Ronaldinho, aos 40 minutos, acertou a trave de Magrão. Quando o jogo se encaminhava para o final, voltou a brilhar a estrela de Leonardo. Já nos acréscimos, Leonardo desviou para o gol em jogada de Bernard e decretou a virada heroica do Galo. As emoções, entretanto, não acabaram aí. No último minuto do jogo, o Sport reclamou acintosamente de um pênalti não marcado pelo árbitro, mas as reclamações de nada adiantaram e a partida terminou em 2×1.

Com o resultado conquistado, o Atlético chegou a 59 pontos e se mantém vivo na luta pelo título. O Sport continua com 27 pontos, estando na zona de rebaixamento.

Por Augusto Cesar


Mais uma vez sem a presença do jovem craque Neymar, o Santos entrou em campo contra o Vasco neste domingo e conseguiu vencer. Ruim para o Vasco, que com a derrota perdeu sua posição no G4 e agora terá de correr atrás para tentar reconquistar a vaga.

Com o ataque formado por Bill e Miralles e com três volantes em campo, o Santos começou a partida pensando mais em solidificar a defesa. A estratégia deu certo. Mesmo com poucos jogadores ofensivos, o Santos abriu o placar aos 7 minutos. Em bom contra-ataque, Bill lançou Miralles, que só teve o trabalho de tocar para o gol na saída do goleiro. Com o sistema defensivo trabalhando bem, o time paulista conseguia anular as jogadas de ataque do adversário. Nos contra-ataques, o Santos continuava chegando bem. Bruno Peres (duas vezes) e Felipe Anderson tiveram boas chances de ampliar. Os cariocas só chegaram aos 31 minutos. Alecsandro, de cabeça, assustou a torcida santista. Aos 40 minutos, foi a vez de Carlos Alberto levar perigo. Mas, chutando por cima, manteve o placar em 1×0 na etapa inicial.

A história se repetiu no segundo tempo. Porém, ainda mais rápido. Com apenas um minuto, Miralles voltou a marcar e ampliou o placar para o time da baixada. O gol praticamente matou o Vasco. Sem poder de reação, o time da Colina não conseguiu se reencontrar na partida. A única oportunidade que assustou o Santos aconteceu com 30 minutos, quando Fellipe Bastos acertou a trave. Porém, o juiz já marcava impedimento no lance. Assim, a partida se encaminhou lentamente para o seu final, culminando com a vitória do time santista.

Com os três pontos somados, o Santos chega a 41 pontos, ficando na 8ª posição. O Vasco perdeu sua posição no G4, caindo para a 5ª colocação, com 50 pontos.

Por Augusto Cesar


O São Paulo entrou em campo na tarde deste domingo com o sonho de conseguir entrar no G4. E conseguiu. Contando com o tropeço do Vasco, o time paulista venceu o Figueirense no Morumbi e assumiu a quarta colocação na tabela.

Jogando em casa, o São Paulo mostrava quem ia mandar no jogo. Logo aos 3 minutos, o zagueiro Edson Silva apareceu no ataque e teve uma boa chance. Com calma, o tricolor ia se impondo em campo. Tanto que aos 13 minutos abriu o placar. Luis Fabiano, de cabeça, marcou seu décimo quinto gol no campeonato e fez o primeiro do São Paulo na partida. Sem dificuldades até então, o time da casa ampliou o placar aos 20 minutos. Após confusão na área, Maicon serviu Douglas que tranquilo tocou para o fundo das redes: 2×0. Com a vantagem maior no resultado, o São Paulo diminuiu o ritmo e rodou a bola até o fim da primeira etapa, sem sofrer qualquer perigo.

Com os dois gols de vantagem no placar e com um Figueirense sem força para reagir, o segundo tempo foi bem morno. Sem muitas chances, a cena que mais chamou atenção envolveu o árbitro Leandro Vuaden. Em um lance inusitado, o árbitro trombou com Jádson e teve que paralisar a partida para seu próprio atendimento. Com bola rolando, as melhores oportunidades aconteceram com Luis Fabiano e Jádson. O Figueira também teve uma chance com Aloísio, de bicicleta, mas Rogério Ceni garantiu o 2×0.

Chegando a 52 pontos, o São Paulo ultrapassa o Vasco e assume a 4ª colocação, enquanto o Figueirense se mantém com 25 pontos, na penúltima posição.

Por Augusto Cesar


Falta muito pouco. O Fluminense vem fazendo a sua parte no Campeonato Brasileiro com maestria. Com 68 pontos ganhos em 30 rodadas, a contagem regressiva para o tetracampeonato é questão de tempo.

O título está bem próximo das Laranjeiras. Tais afirmações são condizentes com os números do Tricolor, apesar de o futebol não ser considerado uma ciência exata. Mais o fato é que a equipe está sobrando se comparado aos rivais. Aproveitamento de 75,5% não é para qualquer um.

Desde que chegamos a "Era dos pontos corridos" no Brasileiro, a equipe que conseguiu o melhor desempenho como campeão foi o São Paulo em 2006, com 78 pontos (68%). De quebra, os paulistas também tiveram os melhores ataque (66 gols) e defesa (32 tentos sofridos). Na edição atual, o Fluzão já possui tais requisitos: 49 bolas na rede dos adversários e 19 vezes sendo vazado.

De acordo com o site do matemático Tristão Garcia, o Infobola, o Fluminense possui no momento 95% de chances de levantar o caneco. Além dele, apenas dois outros clubes também seguem na disputa: Atlético-MG (3%) e Grêmio (2%). As duas próximas rodadas serão cruciais para o desfecho da competição, pois o Tricolor irá enfrentar estes dois únicos também postulantes ao título.

No próximo dia 17, o Fluzão medirá forças contra o Grêmio no Engenhão, às 19h30. A média de pontos conquistada em casa, pelo líder é de 2.35. Já a dos gaúchos como vistante é de apenas 1.47. Já no dia 21, será a vez de pegar o Atlético-MG, no Independência, às 16h. Como visitante, o Flu possui média de 2.15 enquanto o Galo conquista cerca de 2.50 pontos por jogo como mandante.

Por Thiago Viana


Três vitórias consecutivas e nove pontos ganhos. Os resultados positivos contra Ponte Preta e Palmeiras (ambos por 1 a 0), além do Bahia (2 a 1), deixam o Coritiba em 12º lugar no Campeonato Brasileiro, com 38 pontos ganhos.

Os momentos de fuga do rebaixamento parecem que foram deixados para trás, levando-se em conta que o alviverde está 11 pontos à frente do Sport, o primeiro na zona da degola. Afirmativa correta? Não para o técnico Marquinhos Santos.

Mesmo faltando apenas oito rodadas para o fim do torneio, o comandante do Coxa segue com medo da Série B. Nem mesmo obtendo – até o momento – a quarta melhor campanha do returno (19 pontos em 11 partidas), o faz relaxar.

"Precisamos pensar jogo a jogo. Não dá para relaxar e ficar tranquilo. Em 2009, a queda veio depois que relaxamos. Quem daqui que estava naquela época sabe do que venho falando", sentencia o treinador.

Realmente, o fantasma de 2009 assola o Couto Pereira. Vale lembrar que, na ocasião da reta final, o time obteve 3 vitorias, 2 empates e 3 derrotas. Ou seja, aproveitamento de 45%. No geral, o Coritiba acabou em 17º lugar, com 45 pontos, um a menos do que o Fluminense, que escapou da Segundona.

Por sua vez, o Tricolor das Laranjeiras, nos últimos oito jogos, conseguiu 6 vitórias e 2 empates, conquistando 83% dos pontos.

Por Thiago Viana


A cada rodada que passa o Fluminense vai se aproximando mais do título do Campeonato Brasileiro. Na noite deste domingo, não foi diferente. Assim como o Atlético Mineiro, que mais cedo havia virado sobre o Sport, o Fluminense conseguiu uma grande virada contra a Ponte Preta e se manteve com uma boa vantagem na liderança da competição.

A partida começou de maneira surpreendente. Logo no primeiro minuto, a Ponte marcou seu gol. Luan, em belo chute de fora da área, encobriu Diego Cavalieri e abriu o placar. Assustado, o time das Laranjeiras quase tomou o segundo aos 7 minutos, mas Roger jogou para fora. A partir daí, o Fluminense começou a tomar conta da partida. Fred e Wagner, duas vezes, tiveram chances de empatar para o Fluminense. Sem conseguir jogar, a Ponte tentava se segurar para sair para o intervalo com a vantagem. O Fluminense continuou pressionando, mas Edson Bastos garantiu o 1×0 no placar até o fim do primeiro tempo.

A pressão exercida na segunda metade do primeiro tempo continuou na segunda etapa. Wellington Nem apareceu bem outra vez aos 9 minutos, mas Edson Bastos fez outra boa intervenção. Aos 17 minutos, foi a vez de Jean fazer o goleiro da Macaca trabalhar. Bastos voltou a fazer milagre aos 20 minutos, em chute de Carlinhos.

Se o jogo já estava difícil com todos em campo, as coisas ficaram ainda piores quando a Ponte teve o volante o Wendel Santos expulso. A pressão carioca se intensificou. Fred quase marcou de falta aos 30 minutos. Quatro minutos depois, de pênalti, o atacante conseguiu balançar as redes e empatar a partida. Foi o décimo quinto gol de Fred no Campeonato.

Edson Bastos continuava fazendo milagres. Aos 37 e 41 minutos, o goleiro salvou a Ponte de levar a virada. Porém, aos 43 minutos, nada pôde fazer. Wagner cobrou falta e Gum cabeceou, estufando as redes e decretando a virada do Fluminense.

Com a vitória, o Fluminense, líder, chegou a 68 pontos, nove a mais que o segundo colocado. A Ponte Preta fica com 37, na 13ª posição.

Por Augusto Cesar


A briga pelo G4. Esse é o principal objetivo de Vasco e São Paulo no Campeonato Brasileiro. E será esse o confronto dos dois times pela 29ª rodada. Vasco e São Paulo entram em campo nesta quarta-feira, para consolidar a busca pela zona de classificação para a Libertadores.

No Vasco, já dentro do G4, a ordem é não perder para se manter distante do São Paulo. O time, no entanto, não poderá contar com alguns de seus jogadores. Dedé (convocado pela seleção brasileira), Carlos Alberto (suspenso) e Douglas (machucado) desfalcam o time da Colina. Assim, a disputa pela vaga no meio campo fica entre Jhon Cley e Marlone, enquanto na zaga a disputa é entre Fabrício e Rodolfo. O meia Felipe, que sente dores no joelho, é dúvida para a partida.

Já o São Paulo, que aparece logo atrás do Vasco na tabela, precisa da vitória para encostar de vez no time carioca. Sem poder contar com o meia-atacante Lucas (também na seleção brasileira), o treinador Ney Franco deve optar pela volta do lateral Douglas na equipe. Rhodolfo, de fora da última partida, retorna a equipe. O Tricolor aposta na boa média de gols do artilheiro Luis Fabiano para conseguir superar o Vasco.

A partida acontece no estádio de São Januário, às 22h.

Por Augusto Cesar


A 29ª rodada contará com um duelo alvi-negro. Jogando no Rio de Janeiro, Botafogo e Santos, dois times que brilharam na década de 60, se encontrarão para fazer mais um clássico inter-estadual.

Na 7ª colocação, o Botafogo ainda sonha com o G4. No entanto, sem vencer há 5 jogos, o time precisa reagir. Para conseguir chegar lá, as vitórias em casa são vistas como obrigação. Para a partida contra o Santos, o Botafogo poderá ter a importante volta do meia Renato, afastado das últimas rodadas por conta de lesão. As esperanças, mais uma vez, ficam depositadas em Seedorf, responsável pela organização da equipe.

O Santos, por sua vez, jogará mais uma vez sem seu principal jogador. Neymar, convocado para a seleção brasileira, novamente desfalca o alvinegro. Sem o atacante, o Santos apresenta um desempenho pífio no Campeonato e mais uma vez terá de brigar para superar essa ausência. Além dele, o lateral Bruno Peres continua de fora. Em compensação, Léo, Adriano e Victor Andrade retornam a equipe.

A partida acontece no estádio do Engenhão, às 19h30 desta quarta-feira (10/10), com arbitragem de Wagner Reway. 

Por Augusto Cesar


Em partida válida pela 29ª rodada do Campeonato Brasileiro, o Bahia receberá o líder Fluminense, em Salvador, contando com o apoio de sua torcida para se manter na série A.

Com boa campanha no segundo turno, o Bahia segue sua batalha contra o rebaixamento. Após o empate contra o Flamengo fora de casa, o time baiano voltou a abrir oito pontos de vantagem em relação ao primeiro time da zona do descenso. Entretanto, o duelo contra o Fluminense não será dos mais fáceis. Isso porque o time não poderá contar com Souza, Jones, Júnior, Elias, Ávine e Klebérson. Cláudio Pitbull e Lulinha deverão começar como titulares.

No Fluminense, o único desfalque é Thiago Neves. Convocado pela seleção brasileira, o meia deixa aberta a vaga para disputa entre Wagner e Rafael Sóbis. Com 62 pontos, seis a frente do segundo colocado, o time carioca busca a vitória para se manter com boa vantagem na competição. Fred, artilheiro do campeonato junto com Bruno Mineiro, é a principal esperança do time das Laranjeiras.

O jogo será disputado no estádio de Pituaçu, às 19h30, e será arbitrado por Raphael Claus.

Por Augusto Cesar


Em cinco jogos, três empates, uma vitória e uma derrota. Apenas seis pontos de 15 possíveis. Este retrospecto é que o Grêmio busca mudar neste sábado, 06/10, na 28ª rodada do Campeonato Brasileiro.

O time do técnico Vanderlei Luxemburgo recebe o Cruzeiro e quer retomar as vitórias na competição para continuar na briga pelo título. Hoje, a distância para o líder Fluminense é de 10 pontos.

Na última rodada, os gremistas tinham tudo para sair com a vitória, mas foram surpreendidos pelo zagueiro do Santos, Bruno Rodrigo, que aproveitou bola alçada na área para empatar a partida que parecia ganha. Os gremistas jogaram boa parte da partida com um homem a mais, em pleno estádio Olímpico. Neste sábado, o estádio gremista volta a ser o palco do terceiro colocado do Brasileirão.

O time busca reencontrar as vitórias. Nas últimas três rodadas, foram três empates, o que tem complicado o objetivo de lutar pela liderança.

Do outro lado, o adversário deste sábado está em uma má fase há muito tempo. O Cruzeiro não vence desde a 21ª rodada, quando passou pelo Náutico. De lá para cá foram dois empates e quatro derrotas, estagnando o time na nona posição com 36 pontos.

No primeiro turno, em partida disputada no estádio Independência, o Grêmio levou a melhor. Venceu por 3 a 1, em plena casa da Rapoza.

Por Paulo B.


Décimo colocado no Campeonato Brasileiro, o Náutico recebe o Corinthians, neste sábado, 06/10, no estádio dos Aflitos, pela 28ª rodada. A equipe de Pernambuco vem fazendo uma boa campanha e busca se distanciar ao máximo da zona do rebaixamento.

Do outro lado, o alvinegro tem sido uma equipe imprevisível. Por não estar disputando diretamente nenhuma vaga e nem o título, tendo em vista que o Corinthians já está garantido na Libertadores de 2013, o time paulista tem surpreendido alguns adversários.

Na última rodada, por exemplo, o Sport, que luta contra o rebaixamento, foi goleado por 3 a 0. Uma rodada antes, o time arrancou um empate do Botafogo, em pleno Engenhão.

O Náutico venceu o Atlético Goianiense na última rodada e tem se mostrado um mandante extremamente eficaz, ganhando até mesmo de times que disputam a ponta da tabela. Em todo o campeonato, foram apenas duas derrotas em seus domínios, para Fluminense e Coritiba. Os bons resultados vão garantindo a equipe do técnico Alexandre Gallo entre os times que se classificam para a Copa Sul-Americana.

No primeiro turno, o Corinthians levou a melhor, vencendo por 2 a 1.

Por Paulo B.


A crise tomou conta do Atlético Mineiro. O time do técnico Cuca não tem conseguido manter o alto desempenho do primeiro turno, quando liderou boa parte do Campeonato Brasileiro. Com isso, o principal rival na disputa pelo título disparou e abriu seis pontos. Para mudar este cenário, o Galo irá enfrentar o Figueirense neste sábado, dia 06 de outubro, no estádio Independência.

Na última rodada os atleticanos enfrentaram a Lusa, no Canindé, e não conseguiram sair de São Paulo com os três pontos. A Portuguesa arrancou um empate em 1 a 1.

Com isso, os atleticanos somaram a quarta partida consecutiva sem vitória. Antes da Lusa, o Atlético Mineiro perdeu para o Náutico (nos Aflitos), empatou com o Grêmio (em casa) e perdeu para o Flamengo (no Engenhão).

Porém, o adversário da próxima rodada pode ser bom para uma recuperação. Penúltimo colocado do campeonato, o Figueirense perdeu as três últimas partidas e está em situação complicada no Brasileiro.

No primeiro turno, os catarinenses quase atrapalharam o Galo. Em um jogo cheio de gols, os mineiros saíram vitoriosos de Florianópolis. Venceram por 4 a 3.

Por Paulo B.


Neste sábado, dia 06 de outubro, o Internacional vai à Vila Belmiro em busca de continuar na luta por uma vaga na Copa Libertadores de 2013. Na sexta posição com 41 pontos, o time gaúcho viu o Vasco (quarto colocado) abrir seis pontos de vantagem e só a vitória interessa na sequência do Campeonato Brasileiro. Do outro lado, o Santos tem poucas chances de chegar ao G4.

O time do técnico Muricy Ramalho vem de um bom resultado conquistado fora de casa contra o Grêmio, terceiro colocado na tabela. Mesmo jogando boa parte do jogo atrás no placar e com um jogador a menos, o Santos conseguiu empatar a partida na segunda etapa e segurou o empenho gremista, em pleno estádio Olímpico.

Porém, o atacante Neymar foi expulso e é desfalque na próxima rodada contra o Colorado. Sem ele, o Peixe não tem conseguido marcar muitos pontos no Brasileirão. O time é apenas o 13º colocado no campeonato.

O Inter vem de um empate, em 0 a 0, contra o Cruzeiro, fora de casa. O resultado não seria ruim se o Vasco não tivesse vencido, ampliando a diferença.

No primeiro turno, Santos e Internacional empataram em 0 a 0, em jogo disputado em Porto Alegre.

Por Paulo B.


A 28ª rodada do Campeonato Brasileiro começa com um jogo de times que estão no meio da tabela. Na quinta-feira, 04/10, o Flamengo (11º colocado) enfrenta o Bahia (12º colocado).

O jogo acontece no estádio do Engenhão e envolve duas equipes com a mesma pontuação, 34, porém o rubro negro fica a frente por ter uma vitória a mais do que os baianos.

O Mengo vem de derrota para o líder Fluminense, por 1 a 0, mas está animado na competição. Antes da derrota da última rodada, o time de Dorival Júnior havia vencido o Atlético Goianiense e o Atlético Mineiro, segundo colocado, o que deixou o time mais distante da zona de rebaixamento.

Já o Bahia venceu o último jogo. Em Pituaçu, a equipe passou pelo Botafogo por 2 a 0, e agora, a distância para o Sport, primeiro a cair, é de sete pontos. Além disso, o time está forte na briga por uma vaga na Copa Sul-Americana e tem um dos melhores aproveitamentos no segundo turno.

Na partida, entre os times no primeiro turno, melhor para os cariocas, que conseguiram emplacar uma vitória fora de casa, 2 a 1.

Por Paulo B.


A Portuguesa recebe o Sport nesta quinta-feira (dia 04 de outubro), no estádio do Canindé, pela 28ª rodada do Campeonato Brasileiro. Para os dois times, só a vitória interessa na luta contra o rebaixamento. De um lado os pernambucanos estão entre os quatro piores, já a Lusa está apenas duas posições acima, seis pontos a frente do time da Ilha do Retiro.

O Sport poderia ter terminado a 27ª rodada fora da área do descenso, mas a derrota para o Corinthians, por 3 a 0, fez o time permanecer com 27 pontos na 17ª colocação. Ao menos o Coritiba, adversário direto, apenas empatou em casa, deixando a disputa lá embaixo totalmente embolada.

A Lusa vem com a moral em alta, apesar da baixa pontuação. O time empatou na última rodada contra o vice-líder Atlético Mineiro e, uma rodada antes, venceu o Santos por 3 a 1. Mas Geninho quer manter a regularidade e abrir uma vantagem considerável, tendo em vista que o Palmeiras também começou a crescer no campeonato e pode ultrapassar os times que estiverem por perto.

No primeiro turno, o Sport conquistou a vitória na Ilha do Retiro, 2 a 1 sobre os paulistas.

Por Paulo B.


O desgaste pode ser o principal adversário do São Paulo no próximo domingo, dia 30 de setembro, quando a equipe enfrenta o Coritiba no Couto Pereira, pela 27ª rodada do Campeonato Brasileiro.

A equipe Tricolor fez uma longa viagem, de mais de 20 horas, para o Equador, onde empatou com a LDU de Loja na última quarta-feira, pela Copa Sul-Americana. A equipe enfrentou o mesmo trajeto de volta, desembarca em São Paulo e depois terá que partir para Curitiba, agora, para enfrentar os donos da casa e continuar firme na luta por uma vaga na Libertadores.

Na quinta posição com 42 pontos, um resultado positivo pode colocar os são-paulinos dentro do G4. Porém, o Couto Pereira não traz boas recordações ao elenco tricolor. Foi lá que o Coxa bateu o São Paulo por 2 a 0 no primeiro semestre, eliminando o time da Copa do Brasil. A eliminação, dias depois, resultaria na queda do técnico Émerson Leão.

Do lado do alviverde a partida é crucial para fugir da zona de rebaixamento. O time ocupa a 16ª colocação e tem apenas um ponto a mais que o Sport, que hoje seria o primeiro rebaixado.

No primeiro turno, no Morumbi, o São Paulo levou a melhor e venceu 3 a 1.

Por Paulo B.


O Grêmio, equipe que está na terceira colocação do Campeonato Brasileiro, recebe neste domingo (dia 30 de setembro) o Santos pela vigésima sétima rodada do torneio.

O time gaúcho comandado por Vanderlei Luxemburgo continua na luta para levantar a taça da competição nacional. Para isso, precisa de três pontos dentro de casa. A meta é continuar perseguindo de perto do Atlético Mineiro, segundo colocado. O tricolor gaúcho apresenta uma campanha com 62,8% de aproveitamento, contando com 49 pontos nas 26 rodadas que participou. O principal artilheiro da equipe na competição é Marcelo Moreno, autor de 8 gols até agora. Na última série de jogos, o time dos pampas empatou com o Galo fora de casa (0x0).

Com uma campanha decepcionante no Campeonato Brasileiro, o time do Santos encontra-se em posição delicada. Apesar de estar longe da zona de rebaixamento, sofre cobranças da diretoria e dos torcedores. Liderando a equipe está o técnico Muricy Ramalho, que apesar de 2 títulos conquistados pelo clube, precisa de uma boa série de vitórias para fazer o time ascender no Brasileirão. O Santos está na décima segunda posição, tem 33 pontos em 26 rodadas e apresenta campanha com 42,3% de aproveitamento.

O jogo será realizado no estádio Olímpico, às 18h30.

Por Marcelo Araújo


O Bahia joga contra o Botafogo pela vigésima sétima rodada do Campeonato Brasileiro de 2012.

Com o apoio de sua torcida, o clube baiano tem o objetivo de se afastar ainda mais da zona de rebaixamento, terminando o torneio na parte intermediária da tabela. O time apresenta-se na décima quinta posição da classificação, contabilizando 31 pontos em 26 rodadas. O aproveitamento da equipe no torneio é de 39,7% e seus principais jogadores na competição são: Souza, Gabriel, Fahel e Hélder. Na última rodada, o Bahia foi derrotado pelo Internacional fora de casa pelo placar de 3 x 1. Para a partida com o Botafogo, o setor defensivo passa por forte treinamento.

Pelo lado do Botafogo a situação é um pouco melhor. O time da estrela solitária está na cola das equipes do G4 e apresenta 40 pontos nas 26 séries de jogos disputadas. Com aproveitamento de 51,3%, a equipe carioca está na sexta posição e encara a partida contra o Bahia como o início de uma retomada rumo à zona de classificação para a Copa Libertadores da América do ano que vem. A equipe conta com o holandês Seedorf (que tem feito apresentações memoráveis nos últimos jogos) e com o habilidoso Andrezinho.

Por Marcelo Araújo


Dois times que se encontram na zona intermediária da tabela irão se enfrentar neste sábado, 29/09. Cruzeiro e Internacional, 9º e 7º colocados, respectivamente, entram em campo às 18h30, em Minas Gerais.

Há 5 jogos sem vencer, o Cruzeiro não terá tarefa fácil diante do Internacional. Com vários desfalques, o técnico Celso Roth terá que quebrar a cabeça para montar a equipe. Tinga e Lucas Silva estão suspensos. Alex Silva, Sandro Silva, Willian Magrão, Fabinho e Wallyson estão machucados. Wellington Paulista, Charles, Ceará e Mateus são dúvidas. Com tantas baixas, alguns jogadores jovens devem ganhar uma chance, como, por exemplo, o lateral Mayke. A esperança dos cruzeirenses fica na dupla Montillo e Borges.

No Inter, Fernandão deve conseguir repetir a escalação da última partida. A única dúvida fica por conta de Rodrigo Moledo, que sente dores, mas não preocupa o departamento médico. O lateral Kléber se recuperou de lesão e está disponível para a partida. A tendência é que o veterano comece no banco de reservas. Forlán e Damião, convocados para a Seleção Uruguaia e Brasileira, são as principais armas do Inter para vencer.

O jogo acontece no estádio Dilzon Melo, também chamado de Melão.

Por Augusto Cesar


Após a conquista da Copa Libertadores da América 2012, o Corinthians utilizou o Campeonato Brasileiro como forma de encontrar o time ideal para enfrentar o Chelsea no Mundial de Clubes da FIFA que ocorre no final do ano.

Apesar disso, o clube apresenta campanha satisfatória no torneio, ocupando a oitava posição, com 36 pontos em 26 séries de jogos. Matematicamente, a equipe ainda tem chances de acabar entre os 4 primeiros colocados. Seu aproveitamento atual é de 46,2%. Na última rodada, a equipe do Parque São Jorge empatou fora de casa com o Botafogo.

Pelo lado do Sport, a situação requer cuidado, pois o time encontra-se na Zona de Rebaixamento do torneio e apresenta aproveitamento de apenas 34,6% em 26 rodadas. Apesar disso, a equipe é a que tem mais chances de deixar o G4.

O Sport vem embalado por uma vitória em casa sobre o Coritiba na ultimada rodada (1 x 0). Para vencer o Corinthians, conta com os gols de Felipe Azevedo e Gilberto, ambos com 5 na competição.

O jogo será realizado no Pacaembu, às 16h, do dia 30 do mês de setembro.

Por Marcelo Araújo


A vigésima sétima rodada do Campeonato Brasileiro de 2012 coloca frente a frente Náutico e Atlético – GO. O Náutico está uma posição mais tranquila da tabela, a chamada zona intermediária. O Timbu figura na décima terceira posição, apresentando 31 pontos em 26 séries de jogos, com aproveitamento de 39,7 pontos percentuais.

Na última rodada, o clube foi derrotado pelo Fluminense, líder do campeonato, e pretende somar três pontos jogando em casa. Para isso, conta com o apoio de sua torcida, que costuma manter uma boa média de público no estádio Aflitos, onde será disputada a partida às 18h30, do dia 29 de setembro.

Situação realmente complicada é a do Atlético – GO. O clube tem a pior campanha do campeonato e está na última posição da tabela. O Dragão apresenta 20 pontos conseguidos nas 26 rodadas do torneio e 25,6% de aproveitamento.

De acordo com alguns especialistas, o clube dificilmente escapará da Segunda Divisão do ano que vem. Para reverter este quadro, o time conta com Felipe, Márcio e Patric, ambos com 3 gols na competição. Na última rodada, o Dragão perdeu para o Flamengo em casa pelo placar de 2 a 1.

Por Marcelo Araújo


Na 27ª rodada do Brasileirão 2012, diversos jogos serão de extrema importância para o G4 e para a zona de rebaixamento. E essa série de jogos coloca frente a frente dois times que se encontram nestas áreas da tabela de classificação. O Vasco, quarto colocado, recebe o Figueirense, penúltimo colocado, em casa.

Pelo lado do Vasco, a meta é manter uma regularidade de vitórias para continuar no G4 e manter a distância do São Paulo, clube que o segue de perto. O clube do Rio de Janeiro encontra-se na quarta posição, contabilizou 44 pontos em 26 jogos e apresenta uma campanha com 56,4% de aproveitamento. Para conseguir se manter na Zona de Classificação para a Copa Libertadores da América 2013, o Vasco conta com o goleador Alecsandro, autor de nove gols na competição.

O Figueirense encontra-se em uma situação mais complicada. O time catarinense vem de uma derrota para o Palmeiras e não consegue sair da zona de rebaixamento a várias rodadas. O clube precisa desta vitória contra o Vasco para somar mais três pontos e subir no Z4, pois pode ultrapassar o Palmeiras, que tem apenas um ponto a mais na classificação.

Por Marcelo Araújo


Um dos maiores clássicos do futebol paulista ocorre pela vigésima oitava rodada do Campeonato Brasileiro 2012.

O São Paulo recebe o Palmeiras no estádio do Morumbi, jogo em que o recém-contratado Paulo Henrique Ganso pode fazer sua estreia. As duas equipes da capital estão em situações muito diferentes na competição. O Soberano tem demonstrado mais regularidade, pairando próximo à área de G4 nas últimas cinco rodadas. Já o Palmeiras precisa ganhar quase todas as próximas partidas do torneio se quiser sair da zona de rebaixamento.

Com Ganso ou não, o São Paulo entra em campo com uma equipe em ascensão no torneio, um grande destaque é Osvaldo, atacante que ganhou respaldo da diretoria e respeito da torcida pelas atuações de gala que tem feito no tricolor.

O Palmeiras, apesar da baixa pontuação, tem uma equipe forte que mostra bastante preparo em momentos decisivos, como foi visto na Copa do Brasil 2012, torneio em que o time alviverde tornou-se campeão.

O apelido do jogo entre as duas equipes é Choque-Rei, devido aos grandes públicos que o clássico já atraiu em toda a história e as importantes competições que decidiram.

O jogo será realizado no dia 6 de outubro de 2012, no estádio do Morumbi, às 16h.

Por Marcelo Araújo


A vitória do Palmeiras sobre o Figueirense trouxe outros ares para o centro de treinamento do alviverde. A boa estreia do técnico Gilson Kleina, aliado ao retorno de Marcos Assunção, renovaram as esperanças da torcida na permanência na primeira divisão do Campeonato Brasileiro. Agora, o adversário é a Ponte Preta, em partida que será disputada na noite deste sábado (29/09), no estádio do Pacaembu.

O treinador encerrou uma série de três derrotas consecutivas, que haviam levado o time a ficar na penúltima posição, empatado com o lanterna do campeonato, Atlético Goianiense. Foi, também, apenas a segunda vitória no segundo turno do Brasileiro. Agora o time busca por uma sequência de vitórias para se aproximar da fuga do rebaixamento. Hoje, o Coritiba, que seria o primeiro a escapar, tem 28 pontos, cinco a mais do que os paulistas.

Do outro lado, a Ponte Preta vive situação mais tranquila no Campeonato. O time está com 34 pontos e um pouco distante da zona de rebaixamento. Mas o time de Campinas não quer correr riscos e uma vitória deixaria a Macaca mais perto da Copa Sul-Americana. Além disso, será a primeira partida entre o elenco pontepretano contra o ex-técnico, Gilson Kleina.

No primeiro turno, a Ponte conseguiu se aproveitar do fator casa, e de enfrentar o Palmeiras no momento em que o alviverde ainda disputava a fase final da Copa do Brasil. Vitória por 1 a 0. O jogo também marcou a saída de Deola, que falhou no gol pontepretano.

Por Paulo B.


No meio da tabela, o América-RN e o Guarani não têm muitas pretensões no Campeonato Brasileiro da Série B. Porém, a equipe paulista quer garantir a permanência na segunda divisão e fugir do rebaixamento. Para isso, a vitória é importante no jogo deste sábado, dia 29 de setembro, no estádio Brinco de Ouro da Princesa.

Com 39 pontos, na décima colocação, o América-RN está longe da zona de classificação para a primeira divisão do ano que vem. O time do Rio Grande do Norte também não corre riscos, pois abriu 14 pontos da zona de rebaixamento e só um desastre levaria o time à terceira divisão. Mesmo assim, a equipe não tirou o pé do campeonato e na última rodada conseguiu uma boa vitória fora de casa contra o Asa, por 2 a 0.

Já o Bugre campineiro quer se recuperar da derrota no estádio do Frasqueirão, por 3 a 1, para o ABC. O técnico Vadão também acumulou um problema, o artilheiro Schwenck ficará fora da equipe por cinco semanas, por conta de uma contusão muscular.

No primeiro turno, no Nazarenão, o América levou a melhor, vencendo por 1 a 0.

Por Paulo B.


Ninguém segura o Vitória. Esse é o sentimento dos torcedores na Bahia, em virtude do aproveitamento do time no Campeonato Brasileiro da Série B.

Com apenas três derrotas em 26 partidas disputadas, a equipe do técnico Paulo Cesar Carpegiani chegou a 11ª partida sem perder e contra um dos principais adversários, o Goiás. Agora, os baianos vão a Santa Catarina para consolidar a liderança diante do Avaí, na Ressacada, neste sábado, dia 29 de setembro.

Os catarinenses também estão animados. Com a vitória sobre o Guaratinguetá, por 2 a 0, o time busca uma sequência de vitórias para conseguir se aproximar do G4 e do tão sonhado acesso. Com 40 pontos, a equipe ocupa a nona colocação e está nove pontos atrás dos clubes que conquistam o acesso a Série A.

Mas para isso é preciso fazer valer o fator casa, mesmo contra o líder do campeonato. E a tarefa do Avaí não será fácil, pois o aproveitamento do Vitória tem sido excelente também distante do Barradão. 

Quando Avaí e Vitória se enfrentaram no primeiro turno, os baianos se deram melhor e venceram a partida por 2 a 0.

Por Paulo B.


O Criciúma vai a Maceió enfrentar o CRB, na noite desta sexta-feira, 28/09, visando a liderança do Campeonato Brasileiro da Série B. Com 52 pontos, o time está cinco atrás do líder Vitória, que tem 57.

O jogo pode ser decisivo para definir as pretensões dos catarinenses na competição: ou briga pelo título ou apenas luta para garantir o acesso. O resultado positivo também consolida a posição entre os quatro melhores, que garantem vaga na Série A de 2013.

Porém, do outro lado, o CRB aposta suas fichas nas partidas em casa, no Estádio Rei Pelé, para afastar o perigo da zona de rebaixamento. Com 28 pontos, os alagoanos estão na 16ª posição e seriam os primeiros a escapar se o campeonato acabasse hoje. O time está apenas três pontos a frente do Guaratinguetá, primeiro a cair.

O CRB não vence há quatro jogos. Inclusive, na última rodada, o time correu risco de fechar a 26ª rodada entre os quatro piores, ao perder para o São Caetano por 3 a 2. Mas, o Guara também foi derrotado, o que manteve as equipes nas mesmas posições.

De qualquer forma, o favoritismo, mesmo fora de casa, é do Criciúma. No primeiro turno, em Florianópolis, os catarinenses levaram a melhor, 2 a 0.

Por Paulo B.


O vice-líder do Campeonato Brasileiro de 2012, Atlético Mineiro, enfrenta a Portuguesa fora de casa pela vigésima sétima rodada do torneio nacional. Nas últimas rodadas, o Galo perdeu a primeira colocação para o Fluminense e agora precisa manter a regularidade de vitórias se quiser continuar almejando o título.

Com uma das melhores campanhas da competição, a equipe vai até o estádio do Canindé (Zona Norte de São Paulo) para enfrentar um clube que conta com um dos artilheiros da competição e uma torcida que, apesar de pequena, costuma apoiar a Lusa do início ao fim.

A Portuguesa vem embalada por uma vitória no clássico contra Santos na última rodada do Brasileirão por 3 a 1. O clube do Canindé figura na décima segunda colocação do torneio, apresentando 32 pontos em 26 séries de jogos, com aproveitamento de 41%.

Para conseguir mais três pontos contra o Atlético Mineiro, a Lusa conta com as defesas do experiente goleiro Dida e os gols de Bruno Mineiro, que já balançou as redes por 11 vezes no Brasileiro.

O jogo será realizado no dia 29 de setembro, às 18h30, no estádio Canindé.

Por Marcelo Araújo


A rivalidade entre Flamengo e Fluminense é uma das maiores do Brasil, até mesmo do mundo. Quando estas equipes se enfrentam ocorre o chamado Fla-Flu, confronto que já dividiu as principais taças do futebol brasileiro.

Pela vigésima sétima rodada do Brasileirão de 2012, as duas equipes vão se enfrentar no dia 30 de setembro, às 16h no estádio Engenhão. Porém, se a rivalidade histórica coloca as equipes no mesmo patamar, a situação na tabela não é bem assim, pois o Fluminense encontra-se na primeira posição e o Flamengo na décima quarta.

O rubro-negro carioca conta com a sua recente contratação, o meio-campista Cleber Santana, para superar o líder do Campeonato, conseguir os três pontos e se manter afastado da zona de rebaixamento. O time vem de vitória na última rodada contra o Atlético-GO, apresenta 31 pontos em 25 rodadas do torneio, com aproveitamento de 41,3%.

Já o Fluminense, que vem de vitória contra o Náutico na última rodada, pretende manter a primeira posição e ficar longe do Atlético Mineiro, segundo colocado, mas que tem um jogo a menos. O tricolor carioca conquistou 56 pontos em 26 rodadas e apresenta um bom aproveitamento de 71,8%. Além disso, o Flu tem o artilheiro Fred, que marcou 12 vezes na competição e também conta com o recente retorno do meia Deco, importante peça estratégica do elenco.

Por Marcelo Araújo


Recentemente, um turbilhão de problemas tem rondado a Sociedade Esportiva Palmeiras. Além da demissão do técnico Luiz Felipe Scolari, o alviverde da capital paulista encontra-se na zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro de 2012.

Na última rodada houve um alento, o clube conseguiu derrotar o Figueirense por 3 a 1 fora de casa. Com isso, os torcedores e jogadores ganharam novo fôlego para a próxima partida, que será disputada no Pacaembu contra a Ponte Preta, no dia 29 de setembro, às 21h.

Com uma campanha melhor do que a do Palmeiras no Brasileirão de 2012, a Ponte Preta encontra-se na décima posição na tabela de classificação, apresentando 34 pontos em 26 jogos e aproveitamento de 43,6 pontos percentuais.

Para vencer o Palmeiras fora de casa, a Macaca de Campinas conta com um bom sistema defensivo e os gols do artilheiro Roger.

A situação do Palmeiras é mais complicada, precisa vencer para somar três pontos, mas, mesmo assim, não consegue sair do Z4, pois está a quatro pontos do Sport, primeiro dos 4 times da zona de rebaixamento. Porém, a vitória é importante para não deixar a situação piorar ainda mais.

Por Marcelo Araújo


No jogo mais esperado da rodada, entre Atlético-MG e Grêmio, quem mais comemorou foi o Fluminense. Isso porque com o empate entre os dois, o time carioca vê os rivais mais distantes da liderança.

Com aproximadamente 20 mil pessoas apoiando, o Galo começou a partida indo para cima do Grêmio. Carlos César, Leandro Donizete e Guilherme fizeram o goleiro Marcelo Grohe trabalhar. O Grêmio só foi aparecer no ataque aos 20 minutos, quando Werley cabeceou e Victor, encontrando seu ex-clube, fez uma defesa segura. 3 minutos depois, o Atlético levantou a torcida. Carlos César arriscou um chute e acertou o travessão do gol gremista. O jogo caiu de ritmo e só voltou a esquentar aos 41 minutos. Dessa vez, foi o Grêmio que acertou o travessão com Elano. No rebote, Souza ainda teve a oportunidade de marcar, mas acabou desperdiçando, deixando o placar como começou.

Sem querer perder para não ver o Fluminense disparar, nenhum dos times se arriscava no ataque no segundo tempo. Bem truncado, as chances de gols demoraram a aparecer. Na melhor delas, Marcelo Moreno perdeu um gol incrível para o Grêmio. Pouco tempo depois, Kleber foi quem tentou, mas finalizou por cima. O Atlético, que não conseguia entrar na área do adversário na segunda etapa, tentou ganhar mais velocidade com a entrada de Neto Berola, mas a tática não surtiu muito efeito e nenhuma chance mais foi criada, deixando o placar igualado da forma como começou.

O resultado acabou sendo ruim para os dois times. O Galo fica com 52 pontos, 4 atrás do Fluminense, na 2ª posição. Vale lembrar que o time mineiro ainda possui um jogo a menos. O Grêmio fica com 49 pontos, logo atrás do próprio Atlético Mineiro.

Por Augusto Cesar


A volta de Seedorf ao time do Botafogo fez o time melhorar em relação aos dois últimos jogos. Mesmo não conseguindo a vitória, o empate, depois de estar perdendo, acabou sendo um bom resultado. Com mais jogadas ofensivas, o Botafogo, que até saiu na frente, contou com a boa partida de seu camisa 10 para empatar e segurar o Corinthians.

O primeiro tempo do jogo começou bastante movimentado. Logo no primeiro minuto, Jefferson teve que fazer uma boa defesa para evitar que o Corinthians abrisse o placar. Aos 3 minutos, foi a vez do Botafogo chegar e reclamar de um pênalti em Elkeson, que o juiz nada marcou. 2 minutos depois, o Botafogo abriu o placar. Gabriel cruzou, a bola passou por toda área e encontrou Seedorf, que chutou. A bola desviou em Alessandro e foi direto para as redes.

O Corinthians não se abateu e logo depois Guerrero empatou. Jefferson fez uma boa defesa em um chute de Paulinho, mas no rebote o atacante peruano cabeceou e deixou a sua marca. Embalado, o Timão continuou em cima e não tardou para virar o placar. Douglas marcou de pênalti o segundo gol da equipe paulista. Depois do começo de jogo fulminante, o ritmo caiu e as chances ficaram mais raras. O time carioca ainda teve um gol corretamente anulado e foi o último lance relevante da primeira etapa.

Com a ideia de manter a posse de bola e segurar o Botafogo, parecia que o Corinthians iria conseguir isso. Até a metade do segundo tempo, o Botafogo não havia conseguido assustar nenhuma vez o time paulista. Foi quando, mais uma vez, brilhou a estrela do craque holandês. Aos 29 minutos, Seedorf recebeu a bola, partiu pra cima da defesa e chutou para decretar a igualdade no placar: 2×2. A partir daí, o Botafogo melhorou na partida e tentou pressionar o Corinthians, mas esbarrou numa defesa bem postada e não conseguiu mais alterar o placar.

Com o ponto conquistado, o Botafogo chega a 40 pontos, ainda na 6ª posição. O Corinthians tem 36 e é o 8º colocado.

Por Augusto Cesar


E lá se foram as primeiras rodadas do segundo turno do Campeonato Brasileiro. Líder absoluto da competição, com 56 pontos, o Fluminense se mantém bem forte na briga por mais um título nacional para a sua sala de troféus. Vale salientar que a variação de aproveitamento entre os turnos dos comandados do técnico Abel Braga é bastante parecido faltando 13 jogos para o término do torneio.

Porém, em um breve comparativo dos números do primeiro e do segundo turno, pegando apenas os dados dos primeiros sete duelos, apesar da média continuar boa no comparativo de pontos, tanto o ataque quanto a defesa pioraram.

Confira abaixo os números:

No primeiro turno:

  • Pontos: 15.
  • Vitórias: 4.
  • Empates: 3.
  • Derrotas: 0.
  • Gols marcados: 14.
  • Gols sofridos: 5.
  • Artilheiros: Samuel (3 gols).
  • Principal resultado: 4 a 1 na Portuguesa (em 16/06) e 4 a 1 no Atlético-GO (em 24/06).
  • Pior resultado: 2 a 2 com o Figueirense (em 27/05), 1 a 1 com o Santos (em 06/06) e 0 a 0 com o Internacional (em 10/06).
  • Jogos sem marcar: 1.
  • Jogos sem sofrer gols: 2.

No segundo turno:

  • Pontos: 14.
  • Vitórias: 4.
  • Empates: 2.
  • Derrotas: 1.
  • Gols marcados: 12.
  • Gols sofridos: 7.
  • Artilheiros: Fred e Wellington Nem (3 gols).
  • Principal resultado: 3 a 1 no Santos (em 06/09) e 3 a 1 no Náutico (em 22/09).
  • Pior resultado: Derrota por 2 a 1 para o Atlético-GO (em 15/09).
  • Jogos sem marcar: 0.
  • Jogos sem sofrer gols: 2.

Por Thiago Viana


O início da temporada começou como um sonho para o Santos, mas o momento atual é de bastante apreensão. Após a conquista do Campeonato Paulista, o clube teve de lidar com muitos baques e não tem mostrado poderio suficiente para conseguir uma classificação honrosa no Brasileiro, onde tem figurado no máximo entre os dez primeiros.

No último revés da equipe, que aconteceu no sábado contra a Portuguesa, o técnico Muricy Ramalho mostrou desconforto na entrevista coletiva realizada após o jogo. Quando perguntado se o grupo estava sofrendo em campo devido à falta de treinos específicos, o comandante do Peixe não pensou duas vezes antes de destilar toda a sua fúria.

"Se assistissem aos treinos, não garanto que entenderiam. E quando faço vocês ficam fora, lá na rua", disse o treinador, lembrando que nos momentos de jogadas ensaiadas e situações de posicionamento os jornalistas não são liberados para acompanharem os lances.

O descontrole de Muricy também se dá devido aos baques do ano. O primeiro foi a eliminação da Copa Libertadores pelo Corinthians, depois os problemas pessoais e técnicos de jogadores que acabaram deixando o clube (casos de Elano, Borges e Ibson). Isto, sem falar na venda de alguns jogadores (como a saída praticamente obrigada de Ganso para o São Paulo) e a chegada de outros que ainda não se encaixaram no elenco (como João Pedro e Bernardo). Não bastasse isso, o clube ainda sofre com as lesões de alguns jogadores importantes, como Adriano e Henrique.

Para completar, ainda existe a "Neymardependência" do Alvinegro Praiano. De acordo com os números do Globo Esporte, sem Neymar o Santos ganhou apenas 18 de 51 pontos disputados. Ou seja, um pífio aproveitamento de 25%.

Por Thiago Viana


Santos e Portuguesa entraram em campo, na noite deste sábado, para se enfrentarem pela 26ª rodada do Brasileirão. Sem poder contar com Neymar, o Santos não conseguiu se encontrar na partida e viu o time visitante comemorar a vitória.

Com o ingresso custando apenas R$ 1, 17 mil torcedores santistas compareceram ao estádio. E não gostaram do que viram. Com um primeiro tempo fraco para ambos os lados, quem se deu melhor foi a Portuguesa, no final. Tendo apenas uma boa chance com Victor Andrade aos 6 minutos, o Santos foi castigado com gols de Bruno Mineiro e Léo Silva, aos 37 e 42 minutos, e foi para o intervalo perdendo por dois gols.

Precisando reverter a desvantagem no segundo tempo, o Santos não obteve êxito. A Lusa, bem na partida, levou perigo ao gol santista logo no segundo minuto, quando Moisés fez linda jogada individual, driblou o goleiro e, sozinho, acertou a trave. O lance acabou por não fazer falta, já que Bruno Mineiro, na marca de 17 minutos, marcou mais um e ampliou o placar: 3×0.

Satisfeita com o resultado, a Portuguesa diminuiu o ritmo para não correr riscos. Mesmo assim, o Santos conseguiu descontar com André, mas o gol acabou servindo apenas como consolação.

Com a vitória, a Portuguesa chega a 32 pontos e assume, por ora, a 12ª colocação. O Santos tem um ponto a mais, estando em 11º.

Por Augusto Cesar


Depois do empate em 0 a 0 com o Grêmio neste domingo, o Atlético Mineiro tem mais uma chance de não deixar o Fluminense disparar na liderança do Campeonato Brasileiro. O resultado contra os gaúchos foi péssimo para o galo, que não se recuperou da derrota para o Náutico na última rodada e de quebra viu o rival carioca abrir quatro pontos na frente.

Porém nesta quarta-feira, 26/09, o time do técnico Cuca disputa uma partida a menos na tabela, válida ainda pela décima quarta rodada do Campeonato contra o Flamengo, no Engenhão. É uma chance de pontuar e ficar apenas um ponto atrás do líder.

O jogo que inicialmente aconteceria no dia 4 de agosto foi adiado por conta de um pedido do Botafogo à CBF, que solicitou o cancelamento de partidas de outras equipes, em função do desgaste do gramado do estádio.

Depois de quase dois meses, o jogo será realizado em um momento crucial para as duas equipes. O galo começa a temer a chance de perder o título, enquanto o Flamengo tenta se reabilitar e ficar longe da zona de rebaixamento.

Na última rodada, a equipe rubro negra venceu o Atlético Goianiense por 2 a 1 e chegou aos 31 pontos, na 14ª posição, encerrando uma série de sete jogos sem vitória.

Por Paulo B.


O São Paulo recebeu o Cruzeiro, no estádio do Morumbi, com mais de 40 mil pessoas presentes. E os torcedores puderam presenciar uma boa partida de futebol. No fim, a vitória do São Paulo pelo placar mínimo foi o suficiente para deixar feliz a torcida sãopaulina.

Sem Luís Fabiano, o Tricolor entrou em campo com Lucas, Osvaldo e Willian José formando o ataque.  E o trio deu trabalho para o Cruzeiro no primeiro tempo. Osvaldo infernizava a zaga cruzeirense com sua velocidade, mas parava nas mãos do goleiro Fábio.

O Cruzeiro, por outro lado, também não abdicou do ataque. Montillo e Wellington Paulista eram quem mais levava perigo à meta paulista, e Rogério Ceni teve de trabalhar algumas vezes para conseguir manter o placar igual na primeira etapa.

Com a mesma proposta de jogo no segundo tempo, os dois times buscavam chances para tirar o zero do marcador. Osvaldo e Montillo continuavam a oferecer perigos para os times. Jogando em casa, o São Paulo começou a dominar a partida a partir dos 15 minutos.

Ademilson e Jádson tiveram boas chances para marcar, mas quem conseguiu foi Osvaldo. Melhor jogador da partida, o jogador pegou rebote de Fábio após cruzamento de Douglas e chutou para marcar o 1×0. O gol foi um golpe para o Cruzeiro, que não voltou a se encontrar na partida. O Tricolor ainda teve chances com Jádson e Ademilson novamente, mas o placar e a vitória já estavam definidos.

Com o resultado, o São Paulo sobe para 42 pontos, na 5ª colocação, e encosta no Vasco. O Cruzeiro estaciona nos 35 e se mantém em 9º.

 Por Augusto Cesar


Clubes das regiões Nordeste e Sul do Brasil enfrentam-se pela vigésima sexta série de jogos do Campeonato Brasileiro do ano de 2012. Apesar da distância geográfica que separa os dois times, suas posições na tabela de classificação do torneio nacional são bem parecidas.

O Coritiba apresenta 28 pontos acumulados em 25 rodadas, ocupa a décima quinta posição na classificação e tem aproveitamento de 37,3%. Pelo lado do Sport, que ocupa a décima sétima posição (primeira do Z4), foram 24 pontos acumulados em 25 séries de jogos, alcançando um aproveitamento de 32 pontos percentuais.

O jogo será realizado no dia 23 de setembro, às 18h30, na Ilha do Retiro. Por estar jogando em casa, o Sport conta com a torcida apoiando durante todo o jogo para somar três pontos e sair da Zona de Rebaixamento.

Para isso, o time do Recife conta com o faro de gol do artilheiro Felipe Azevedo, que já marcou por cinco vezes na competição. Já o Coxa, que quer continuar se mantendo longe da Zona da Degola, aposta na experiência do meia Lincoln e nos gols de Anderson Aquino, que já fez quatro gols em 25 rodadas.

Por Marcelo Araújo


A vigésima sexta rodada do Campeonato Brasileiro de 2012 será disputada entre os dias 22 e 23 de setembro, próximo final de semana. Entre diversos jogos importantes, Atlético – GO e Flamengo enfrentam-se no estádio Serra Dourada, às 16h.

O Dragão encontra-se em uma situação extremamente delicada no torneio nacional, apresenta apenas 20 pontos conquistados em 25 séries de jogos, com aproveitamento de 26,7 pontos percentuais. Jogando em casa, o clube de Goiânia conta com apoio de sua torcida para faturar três pontos e tentar melhorar sua colocação no campeonato.

O Flamengo, apesar de não estar na zona de rebaixamento, apresenta 28 pontos. Na tabela de classificação, está apenas quatro pontos acima do Sport, primeiro time na área do Z4. O rubro-negro carioca apresenta 28 pontos em 24 rodadas e, apesar de ter um jogo a menos em relação aos outros clubes, seu aproveitamento é de 38,9%.

Para vencer fora de casa e somar três pontos, o Flamengo conta com os gols do jogador Vagner Love, atacante que já balançou as redes por 10 vezes na competição nacional. Fora Love, outro jogadores importantes são Renato, Adryan e Hernane.

Por Marcelo Araújo


Um clássico entre Rio de Janeiro e São Paulo marca a vigésima sexta rodada do Campeonato Brasileiro de 2012. O Botafogo recebe o Corinthians no estádio Engenhão às 16h do dia 23 de setembro.

O Time da Estrela Solitária ainda tem chances de conquistar uma vaga no G4, pois está a apenas 4 pontos do Vasco, quarto colocado na Zona de Classificação para a Copa Libertadores da América de 2013.

A campanha do time carioca até agora é a seguinte: 39 pontos em 25 rodadas com aproveitamento de 52%. Para somar três pontos e vencer o Corinthians, o Botafogo conta com o possível retorno do holandês Seedorf e os gols de Andrézinho, que já marcou oito vezes no torneio nacional.

Porém, o Time do Parque São Jorge, apesar de estar utilizando o Campeonato Nacional como uma forma de testar jogadores e formações para o Mundial de Clubes FIFA do final do ano, segue na luta para manter a regularidade de tirar pontos dos times da parte de cima da tabela.

O alvinegro paulista apresenta 35 pontos ganhos em 25 rodadas, com um aproveitamento de 46,7%. Os principais destaques da equipe corintiana no Brasileirão são o goleiro Cássio, o volante Paulinho e os atacantes Romarinho e Emerson.

O Timão vem de vitória por 2 a 0 sobre o arquirrival Palmeiras na última rodada e está embalado para somar mais três pontos.

Por Marcelo Araújo


Neste sábado, dia 22 de setembro, o São Caetano irá enfrentar o CRB no Anacleto Campanella, para se consolidar dentro do G4 do Campeonato Brasileiro da Série B.

O time do técnico Émerson Leão vem de duas vitórias fora de casa, contra os Américas Mineiro e de Natal, e chegou aos 46 pontos, três a mais do que Atlético Paranaense, quinto colocado.

Do lado do CRB, a busca é pela volta das vitórias, que não vem desde a 22ª rodada, quando a equipe passou pelo Guaratinguetá. Depois disso, foram duas derrotas e um empate.

Hoje a equipe alagoana é a 16ª na competição e seria a primeira a escapar da degola, se o campeonato terminasse hoje. No entanto, são apenas três pontos de diferença para o Guaratinguetá, que venceu as últimas partidas e cresce no campeonato.

Já a equipe paulista quer se aproximar dos líderes da competição. Hoje o Vitória está oito pontos à frente e o título da Série B ainda pode ser uma meta.

No primeiro turno, jogando em Maceió, as equipes não passaram de um empate em 2 a 2.

Por Paulo B.


Depois de somar nove jogos de invencibilidade, o Atlético Paranaense não conseguiu segurar a pressão do Goiás e perdeu por 3 a 2. Agora, a equipe busca não se abater pelo resultado do confronto direto para continuar firme na competição. Os paranaenses estão na quinta posição com 43 pontos e enfrentam o Ceará, no Ecoestádio, em Curitiba.

O jogo é importante e envolve um adversário direto na luta pelo acesso à primeira divisão do Campeonato Brasileiro.

O Ceará vem animado depois da conturbada vitória por 4 a 3 em cima do Joinville. Com o resultado, a equipe chegou a sétima colocação, com 41 pontos. Os cearenses estão invictos há seis jogos (a última derrota foi para o Vitória, na 19ª rodada).

Questionado, o técnico Ricardo Drubscky afirmou que o Furacão garantirá o acesso até o fim da temporada e que a derrota para o Goiás não ocorreu por uma queda de rendimento. Na visão do treinador, o Atlético merecia ter vencido.

Já o Ceará quer aproveitar a boa fase e repetir o resultado do primeiro turno, quando conseguiu vencer os paranaenses por 1 a 0.

Por Paulo B.


O empate contra o líder Vitória, em casa, no último sábado, não pode ser considerado de todo mal pela equipe do Guarani. Com 35 pontos, o time do técnico Vadão está a 11 pontos do quarto colocado e ainda sonha com uma vaga na Série A do Campeonato Brasileiro. Mas para isso, precisa conquistar pontos fora de casa e esse é o desafio desta sexta-feira (dia 21 de setembro) contra o ABC de Natal, no estádio Frasqueirão.

Na décima quinta posição, o time do Rio Grande do Norte ainda não fugiu completamente dos riscos de rebaixamento. O empate em 3 a 3  contra o CRB, 16º colocado, serviu para que o Guaratinguetá (SP), hoje primeiro time da zona de rebaixamento, se aproximasse. São apenas cinco pontos entre o ABC e os times que serão rebaixados para a Série C.

O bugre tem um desfalque para o confronto. Durante os treinamentos, Schwenck sofreu uma contusão e não deve enfrentar a equipe potiguar. O atacante é o artilheiro da equipe na Série B, com oito gols. Porém, o jogador vinha sendo criticado pela falta de tentos. A última vez que marcou foi contra o CRB, ainda na 18ª rodada.

No primeiro turno em Campinas, as equipes empataram em 1 a 1.

Por Paulo B.


Domingo, dia 23 de setembro, o Sport irá enfrentar o Coritiba pela 26ª Rodada do Campeonato Brasileiro. A partida será disputada na Ilha do Retiro, às 18h30.

Os dois clubes lutam contra o alto risco de rebaixamento. Especialistas apontam que entre os times com maior risco de queda, Sport e Coritiba são as duas equipes com futebol mais qualitativo em campo, fato que pode apimentar ainda mais a partida disputada em Recife. Os paranaenses possuem 28 pontos, apenas 04 pontos a mais do que o Sport, situado no topo da lista da zona da decola.

Na última partida, os pernambucanos conquistaram um empate histórico contra o Cruzeiro, em Minas Gerais. Para a partida contra o Coritiba, o Sport não poderá contar com três jogadores de sua equipe principal: Edcarlos (suspenso), Magrão (lesionado) e Reinaldo (também lesionado).

O Sport deve entrar em campo com o seguinte time: Saulo, Cicinho, Bruno Aguiar, Diego Ivo, Renê, Topi, Rithelly, Moacir, Hugo, Felipe Azevedo e Gilsinho.

O Coritiba tem oito desfalques no departamento médico: Sérgio Manoel, Roberto, Rafinha, Keirrison, Jackson, Emerson, Cleiton e Bonfim. A direção do clube paranaense não ambiciona fazer novos investimentos para repor as peças lesionadas.

Por Renato Duarte Plantier


No próximo domingo, dia 23 de setembro, às 16:00, a cidade do Rio de Janeiro vai poder acompanhar pela TV aberta a partida entre Atlético-GO e Flamengo. O jogo será disputado em Goiás, pela 26ª rodada do Campeonato Brasileiro. O sinal de alerta está ligado para as duas equipes, que neste ano lutam de forma direta contra o rebaixamento para a série B.

Notícias do Flamengo:

Os protestos por causa da situação do rubro-negro carioca começam a explodir por todo o país, principalmente após a partida displicente realizada contra o Grêmio, no Rio de Janeiro, pela 25ª rodada.

Léo Moura, que agora atua no meio-campo, desfalca o time flamenguista em consequência do excesso de cartões amarelos. Maldonado, Matheus, Renato e Welinton estão no departamento médico.

A provável escalação da equipe é: Felipe, Wellington Silva, Frauches, Marcos Gonzáles, Ramon, Luiz Antônio, Victor Cáceres, Bottinelli, Ibson, Liedson e Vagner Love.

Notícias do Atlético-GO:

Por outro lado, os rubro-negros de Goiás, mesmo em posição inferior na tabela, estão embalados com a vitória conquistada em cima do líder, Fluminense. A partida foi realizada em Volta Redonda.

Apesar disso, a equipe não poderá contar com os seguintes jogadores lesionados: Adriano Pimenta, Felipe Brisola, Leonardo e Rafael Cruz.

Por Renato Duarte Plantier


Nas últimas rodadas do Campeonato Brasileiro 2012, o Internacional afastou-se do G4, gerando atritos entre o técnico Fernandão e o grupo de jogadores.

Na última série de jogos, o Inter perdeu a chance de colar nos times do G4, pois amargou um empate no Beira Rio contra o Sport.

Pela 26ª rodada do torneio nacional, a equipe irá enfrentar o Bahia e precisa somar três pontos caso queira continuar sonhando com a Copa Libertadores da América 2013.

Para se aproximar do grupo de classificação, o Colorado conta com os gols de Leandro Damião (que já marcou seis vezes no campeonato) e com a experiência do goleiro Lauro, que tem realizado boas partidas nas últimas rodadas.

Do outro lado da tabela, o Bahia aparece mais preocupado com a permanência na Série A do campeonato. O tricolor baiano vem de uma vitória em casa por 2 a 1 contra o Figueirense e conseguiu manter-se na décima terceira posição da tabela, a sete pontos do primeiro colocado da zona de rebaixamento.

O jogo será realizado no estádio do Beira Rio, no dia 23 de setembro, às 18h30.

Por Marcelo Araújo


A Ponte Preta receberá o Vasco pela 26ª rodada do Campeonato Brasileiro 2012. Com diversos confrontos importantes nas zonas do G4 e do Z4, esta série de jogos é bastante esperada, pois pode definir posições nas duas partes da tabela.

O Vasco ainda figura na quarta posição do G4 e precisa manter uma regularidade de vitórias para se classificar para a Taça Libertadores da América do ano que vem. Para isso, a vitória sobre a Macaca fora de casa é de extrema importância.

Contando com a experiência de jogadores como Juninho Pernambucano e Felipe, o time carioca ainda tem como arma principal os gols de Alecsando, um dos principais artilheiros do torneio nacional com nove gols marcados.

Pelo lado do time campineiro a situação é bem diferente, a Macaca acumulou 33 pontos em 25 jogos e mantém um índice de aproveitamento de 44%, o mesmo do Santos. Por isso, a campanha do clube tem sido bastante elogiada.

Com o apoio de sua torcida, a Ponte Preta pretende somar mais três pontos em casa e, para isso, tem o artilheiro Roger como uma de suas principais apostas.

O jogo será realizado no dia 23 de setembro no estádio Moisés Lucarelli, às 16h.

Por Marcelo Araújo


O vice-líder do Campeonato Brasileiro de 2012 enfrenta o terceiro colocado em um jogo que é considerado um confronto direto pelo título do torneio.

Os dois clubes, Atlético Mineiro (2º), e Grêmio (3º), têm chances de levantar a taça da competição nacional e vão para o jogo com força total.

O Galo tem 51 pontos acumulados em 24 jogos e apresenta 70,8% de aproveitamento. Desta forma, precisa dos três pontos para continuar encostado no Fluminense, que é o líder. O clube mineiro vem de derrota fora de casa contra o Náutico pelo placar de 1 a 0.

Para se reabilitar, o Galo conta a o apoio de sua torcida e tem como principais apostas o jogador pentacampeão Ronaldinho Gaúcho e os artilheiros do time na competição, Bernard e Danilinho, ambos com seis gols marcados no torneio.

O tricolor gaúcho vem de empate contra o Flamengo na última rodada, em que perdeu a chance de subir ao G4. O Imortal vem fazendo grande Campeonato sobre mando do técnico Vanderlei Luxemburgo e acumulou 48 pontos em 25 séries de jogos, chegando a um aproveitamento de 64%. O artilheiro da equipe do sul é Marcelo Moreno e as principais jogadas vêm saindo dos pés de Elano, que voltou a jogar o futebol dos bons tempos de Santos.

O jogo será realizado no dia 23 de setembro de 2012, às 18h30, no estádio Independência.

Por Marcelo Araújo


Um dos jogos mais esperados da vigésima sexta rodada do Campeonato Brasileiro de 2012 não tem nenhum time do G4. Por incrível que pareça, este jogo decisivo será disputado entre dois times que figuram na zona de rebaixamento: Figueirense e Palmeiras.

Ambos os clubes desempenharam fracas campanhas no torneio nacional e se encontram, respectivamente, na antepenúltima e penúltima posição na classificação. Desta forma, este confronto é  um jogo dos desesperados, pois quem sair derrotado se afunda cada vez mais no Z4 e corre sérios riscos de rebaixamento.

O Palmeiras está em uma fase ruim, pois além da posição ruim, vem de derrota contra o arquirrival Corinthians por 2 a 0, além de ter perdido o técnico Luiz Felipe Scolari, que teve sua demissão extremamente criticada pela imprensa especializada.

Já o Figueirense apresenta apenas 22 pontos acumulados em 25 séries de jogos, ficando com aproveitamento de 29,3%, um índice um pouco acima do Palmeiras. O time catarinense vem de derrota fora para o Bahia em um placar de 2 a 1 e espera ascender nesta rodada.

Para isso, conta com o apoio de sua torcida e do empenho de jogadores como Aloísio e Caio, os dois artilheiro da equipe.

Por Marcelo Araújo


Pela 26ª rodada do Campeonato Brasileiro, o Botafogo irá enfrentar o Corinthians no estádio do Engenhão, no Rio de Janeiro (RJ). A partida será realizada no dia 23 de setembro (domingo), às 16:00.

Notícias do Botafogo:

De terça-feira a sexta-feira o time fica concentrado na CBV (Confederação Brasileira de Vôlei). A principal incumbência do técnico Oswaldo de Oliveira está na recuperação de dez atletas. O técnico está preocupado com falta de tempo para a adaptação dos atletas recém-chegados.

A principal notícia dos botafoguenses está na volta do meia Clarence Seedorf. Elkeson também retorna ao time após cumprir efeito suspensivo.

No ataque, o Botafogo deve contar com a presença de Rafael Marques. Esta pode ser a chance do jogador se firmar na equipe e acabar com as dúvidas da torcida.

Notícias do Corinthians:

Os corintianos estão embalados após a vitória contra o Palmeiras no Pacaembu. Danilo e Fábio Santos estão suspensos. Douglas conta com outra oportunidade para manter-se no plantel principal que está sendo formado para disputar o Campeonato Mundial, no Japão, em dezembro.

Por Renato Duarte Plantier


O São Paulo Futebol Clube quer aproveitar a sequência de dois jogos em casa para somar seis pontos. A primeira parte dessa estratégia já foi concluída, pois a equipe ganhou da Portuguesa de Desportos por 3 a 1 na última rodada do torneio nacional.

Na vigésima sexta rodada do Campeonato Brasileiro de 2012, o tricolor paulista receberá o Cruzeiro em seu estádio. Para somar três pontos, o clube paulista conta novamente com o apoio de sua torcida, a experiência do goleiro Rogério Ceni, a velocidade do jovem Lucas e os gols do matador Luis Fabiano, que já marcou 11 vezes na competição.

O Cruzeiro, que há algumas rodadas atrás figurava entre os concorrentes do G4, teve uma queda de rendimento e atualmente ocupa a oitava posição na tabela, com 35 pontos ganhos em 25 rodadas, oito pontos atrás do último classificado no G4, o Vasco. Para vencer o São Paulo no Morumbi e ganhar mais três pontos, o Cruzeiro conta com os gols do artilheiro Wellington Paulista (autor de 9 gols no torneio), as boas defesas do goleiro Fábio e oportunismo do atacante Borges.

O jogo será realizado no dia 23 de setembro, às 16h, no estádio Cícero Pompeu de Toledo (Morumbi).

Por Marcelo Araújo


No sábado, dia 22 de setembro de 2012, o Fluminense jogará contra o Náutico, no estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda, município situado a aproximados 150 km da cidade do Rio de Janeiro, às 18h30.

Apesar de ter perdido a última partida da liga nacional, em casa, contra o último colocado, Abel Braga está confiante na melhora do desempenho de seu time para continuar no topo da tabela, em busca do título brasileiro.

O Náutico é temido na atualidade em consequência da vitória contra o Atlético Mineiro, no jogo passado, realizado dentro de casa, nos Aflitos.

O destaque do Fluminense fica por conta da dupla Fred e Wellington Nem. Anderson, Marcos Junior e Warner, no departamento médico, são considerados destaques certos, assim como o volante Edinho, suspenso por excesso de cartões amarelos.

Na última partida contra o Atlético Goianiense, Wellington Nem foi o jogador mais caçado entre todos os jogos disputados na 25° rodada do Campeonato Brasileiro (09 faltas). O atacante, que lembra pontas das épocas antigas, volta da seleção com moral para enfrentar o Náutico.

Provável Escalação do Fluminense: Diego Cavalieri, Bruno Vieira, Gum, Leandro Euzébio, Carlinhos, Jean, Valência, Deco, Thiago Neves, Wellington Nem e Fred.

Por Renato Duarte Plantier


O Santos passa por um momento delicado no Campeonato Brasileiro de 2012. Após conquistar o Campeonato Paulista no início do ano, a diretoria e os torcedores tinham grandes expectativas para a equipe.

Apesar disso, o time não correspondeu e, atualmente, encontra-se em uma posição intermediária na tabela, com pequenas chances de classificação para a Copa Libertadores da América de 2013. A equipe da baixada apresenta 33 pontos acumulados em 25 rodadas, figurando no décimo lugar com aproveitamento de 44%, o mesmo apresentado pela Ponte Preta.

Na vigésima sexta rodada do torneio nacional, o Santos enfrentará a Portuguesa com mando de campo no Pacaembu e precisa dos três pontos para ascender novamente na competição.

Pelo lado da Portuguesa, que voltou à Série A neste ano, a briga é para se manter entre a elite do futebol nacional, afastando-se da zona de rebaixamento rodada a rodada.

A Lusa está cinco pontos à frente do Sport, primeiro time do Z4, e precisa dos três pontos para evitar o descenso. Para isso, o time do Canindé conta com o goleiro pentacampeão Dida (contratado este ano) e com o artilheiro Bruno Mineiro, um dos destaques do time na competição.

O jogo ocorre no dia 22 de setembro, no Pacaembu, às 21h.

Por Marcelo Araújo


Fechando a 25ª rodada do Campeonato Brasileiro, a Ponte Preta irá receber o Botafogo no estádio Moisés Lucarelli.

Em boa fase, a Ponte Preta não tem nenhum jogador suspenso para a partida. Há 6 jogos sem perder, o time paulista conta com os gols do atacante Roger para poder superar o Botafogo, quem vem sondando as primeiras colocações. Com o atacante Giancarlo lesionado, André Luís e Rildo disputam uma vaga no ataque da equipe. A meta da equipe é conseguir a vitória para se garantir no grupo dos times que vão a Sul-Americana, o que seria um feito inédito na história da Ponte.

Pelo lado botafoguense, a maior falta sentida será do craque holandês Seedorf. Ainda se recuperando de lesão, o jogador não irá para a partida. Outro desfalque importante será o meia atacante Elkeson, suspenso. Com isso, Rafael Marques deve voltar ao time. Sem os dois principais jogadores, Andrézinho assume a responsabilidade de comandar a equipe na busca pelo G4. Lodeiro e Fellype Gabriel devem completar o meio campo.

O jogo será às 18h30 e terá arbitragem de Dewson Fernando Freitas da Silva, com auxílio de Roberto Braatz e Kleber Lucio Gil.

Por Augusto Cesar


Dois times de muita tradição entram em campo no início da noite deste domingo. Flamengo e Grêmio se enfrentam pela 25ª rodada, relembrando grandes embates do passado.

Diferentemente dos tempos de glória, nesta temporada o Flamengo enfrenta muitas dificuldades. Com uma campanha ruim no campeonato, a preocupação já é contra o rebaixamento. Para fugir disso, o técnico Dorival Júnior vai fazer mudanças em seu time. Vagner Love ganhará Liédson como seu companheiro de ataque. Léo Moura, lateral de origem, ocupa uma vaga no meio campo, juntamente com o jovem Luiz Antônio. Renato, machucado, continua fazendo grande falta para o esquema de Dorival.

Por sua vez, o Grêmio apresenta boa campanha. Terceiro colocado e na briga pelo título, o time gaúcho terá poucos desfalques para o confronto. Dos jogadores que já vinham jogando, apenas Fernando (suspenso) não jogará. Sendo assim, Vanderlei Luxemburgo mais uma vez apostará na dupla Kleber/Marcelo Moreno, que vem dando certo na temporada. No meio, Elano e Zé Roberto continuam sendo os maestros da equipe e prontos para mais uma vez fazer o Grêmio sair com a vitória.

O jogo acontece no Rio de Janeiro, às 18h30, e será arbitrado por Ricardo Marques Ribeiro.

Por Augusto Cesar


Depois do empate contra o Botafogo, na última quinta-feira, o Internacional volta a campo no início da noite deste domingo, para enfrentar um Sport que segue na luta contra o rebaixamento.

Buscando se reaproximar do G4, o Internacional terá diversos desfalques para essa partida. O treinador Fernandão não poderá contar com Juan, Kleber, Nei, Ygor, Otávio, Mike, Rafael Moura e Dagoberto, vetados pelo departamento médico. Para complicar ainda mais, o time tem o lateral Fabrício e o volante Elton suspensos. Com tantas baixas, o antigo jogador colorado e agora treinador poderá ter de improvisar alguém para a posição de volante, já que Josimar também é dúvida para o confronto. Outra opção é escalar o jovem Jair.

Por outro lado, o Sport não terá muito o que mudar em relação aos últimos jogos. Somente o zagueiro Diego Ivo (suspenso) e o atacante Gilberto (que está emprestado pelo Inter e tem uma cláusula que o impede de jogar) não atuarão na partida. Para seus lugares, devem entrar, respectivamente, Bruno Aguiar e Felipe Azevedo. Tentando fugir das últimas posições, voltar com um empate de Porto Alegre é visto como uma vitória.

O jogo acontece no Beira-Rio, às 18h30, e será apitado por Héber Roberto Lopes.

Por Augusto Cesar


Um dos maiores clássicos nacionais acontece nesse domingo. Quando Palmeiras e Corinthians entrarem em campo, milhões de pessoas irão parar para acompanhar a partida entre os campeões do país e os campeões do continente. Mesmo com pouca coisa em jogo pelo lado corinthiano, nenhum jogador ou torcedor gostaria de perder para o maior rival. Pelo lado palmeirense, a luta contra o rebaixamento vem assombrando. E nada melhor que uma vitória no Derby para começar a arrancada necessária para escapar.

Tendo demitido o técnico Luiz Felipe Scolari na última quinta-feira, o Palmeiras será comandado pelo interino Narciso, no clássico. Sem pode contar com o zagueiro Thiago Heleno, o treinador poderá escalar Leandro Amaro em seu lugar ou recuar novamente Henrique, que vem atuando de volante.

Mas Narciso também tem boas notícias. O volante Marcos Assunção, um dos principais jogadores do time, volta de lesão e está relacionado para a partida. Maikon Leite, fora do último jogo, também é opção. A esperança alviverde é Barcos. O goleador argentino gosta de jogar os grandes jogos e vem bem preparado para enfrentar o arquirrival.

No Corinthians, o técnico Tite não terá um de seus principais jogadores. Emérson, que tomou 6 jogos de suspensão, está fora da partida. Alessandro e Chicão também não estarão disponíveis. Com os desfalques, devem ganhar chance Guilherme Andrade, Wallace e Martinez. Sem pressão no campeonato, o Timão entrará no clássico mais leve, tentando aproveitar essa vantagem contra o rival de Palestra Itália.

O clássico acontece às 16h e o árbitro da partida será Marcelo Aparecido de Souza.

Por Augusto Cesar


Na tarde deste domingo, o Coritibá ira receber o Santos, no Paraná, em confronto válido pela 25ª rodada do Brasileirão.

Vindo de uma vitória na éstreia do novo técnico Marquinhos do Santos, o Coritiba tentará embalar uma sequência de vitórias para escapar das últimas posições. Sem nenhum jogador suspenso, o time paranaense poderá ainda ter a volta do meia Lincoln, que não atuou na última partida.

A dúvida na escalação fica entre Ruidíaz e Everton Costa. Deivid, que começou bem no time, é certeza no time inicial. Por outro lado, machucados, Emerson e Rafinha serão baixas muito sentidas na equipe.

Já o Santos, que também venceu seu último confronto, aposta suas fichas em Neymar. Com a jovem estrela, o time santista tem um rendimento muito superior do que quando joga sem ele.

O time da baixada não poderá contar com o zagueiro Durval e o meia Felipe Anderson, suspensos, nem com Léo e Miralles, vetados pelo DM. Edu Dracena, ainda machucado, é outro desfalque importante do Santos.

A partida será às 16h, no estádio Couto Pereira. A arbitragem fica a cargo de Ronan Marques da Rosa.

Por Augusto Cesar


Atualmente em situações completamente diferentes, Cruzeiro e Vasco se enfrentarão neste domingo, pela 25ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Vindo de 3 derrotas consecutivas e com uma campanha irregular, o Cruzeiro já anda cogitando findar a passagem de Celso Roth pelos lados mineiros. Para escapar dessa pressão, o treinador precisa imensamente da vitória no duelo. E não terá vida fácil. Isso porque o time não terá o zagueiro Léo, titular da equipe e expulso na última partida. Borges e Ceará estão liberados, mas ainda não estão confirmados para a partida.

Por outro lado, o Vasco vai promover a estreia de seu novo treinador. Após a queda de Cristóvão Borges, Marcelo Oliveira foi contratado para fazer o Vasco voltar a render no Brasileirão. Como presente, o treinador ganhou o reforço de Renato Silva que, após um longo tempo de espera, conseguiu ter a sua situação regularizada. O meia Carlos Alberto se recuperou de lesão e deve estar apto para a partida. Mas nem tudo é perfeito para Oliveira. O Vasco tem Douglas, Felipe e Alecsandro suspensos, enquanto Auremir está machucado.

O jogo acontece às 16h e terá André Luiz de Freitas Castro na arbitragem, com Alessandro Rocha de Matos e Bruno Boschilia como auxiliares.

Por Augusto Cesar


O empate entre o Botafogo e o Internacional, nesta quinta-feira (13/09), no Engenhão, não foi bom para nenhuma das equipes. Isso porque os quatro primeiros colocados venceram e ampliaram a vantagem para o pelotão intermediário. Agora, o time de Osvaldo de Oliveira buscará os pontos perdidos fora de casa contra a Ponte Preta, domingo (16/09, às 18h30) no Moisés Lucarelli.  

O Bota vinha de uma sequência de três vitórias consecutivas, mas não conseguiu repetir o ímpeto contra o colorado. O resultado deixou a equipe com 38 pontos, na quinta posição, e há quatro do Vasco, que venceu o Palmeiras, na quarta-feira.  

Apesar do resultado, o técnico Osvaldo de Oliveira ainda acredita em título para o alvinegro. A diferença para o líder é de 15 pontos.  

Do lado da Ponte Preta, não há grandes pretensões a não ser ficar ainda mais longe da zona de rebaixamento, ou garantir uma vaga na Copa Sulamericana. Nove pontos a frente da zona de rebaixamento e longe da Libertadores, o time está no meio da tabela e conquistou um empate contra o Corinthians, nesta quarta-feira, no Pacaembu.  

No primeiro turno, a Macaca surpreendeu os cariocas e conseguiu uma vitória na casa do adversário. 2 a 1 em pleno estádio Engenhão. 

Por Paulo B.


Os cruzeirenses já estiveram melhor no Campeonato Brasileiro. O time que já brigou pela liderança da competição, caiu de rendimento e hoje está longe da luta até da Copa Libertadores, principalmente, após as últimas três derrotas seguidas (sendo duas para times na zona de rebaixamento).  

Na oitava posição e com 34 pontos, os mineiros jogam domingo, 16/09, às 16h, contra o Vasco para melhorar o retrospecto e entrar novamente na briga.   

Já, a equipe cruzmaltina, que também vinha de um período conturbado, que somou a goleada sofrida para o Bahia, no fim de semana por 4 a 0, ao pedido de demissão do técnico Cristóvão Borges, voltou a ter com o que comemorar.

A chegada de Marcelo Oliveira, vice-campeão da Copa do Brasil pelo Coritiba, e a vitória em cima do Palmeiras, por 3 a 1, mantiveram a equipe isolada na quarta colocação.  A expectativa agora é engrenar no Campeonato e quem sabe, aproximar-se dos líderes Fluminense e Atlético Mineiro. Será a primeira partida no banco de reservas de Marcelo Oliveira. O treinador ficou nas cabines na partida contra o Palmeiras. No primeiro turno, vitória do Cruzeiro por 3 a 1, em plena São Januário. 

Por Paulo B.


A vitória em cima do Cruzeiro nesta quarta-feira, por 2 a 0, deixou o Figueirense mais esperançoso na luta contra o rebaixamento. A equipe catarinense agora está há cinco pontos do Flamengo, que hoje seria o primeiro a escapar, e busca contra o Bahia subir mais uma posição no campeonato. O jogo acontece em Pituaçu, neste domingo (dia 16 de setembro), às 16:00. 

Apesar de não ter um retrospecto tão bom fora de casa (tem a quinta pior campanha como visitante), os catarinenses esperam repetir a única vitória que conquistaram longe de Florianópolis, quando venceram o Sport na 16ª rodada. 

Do outro lado, o Bahia também não tem aproveitado bem os jogos em Pituaçu. Venceu apenas duas partidas em casa em todo o campeonato.

Os baianos estão com 28 pontos, na 15ª posição, e esperam ampliar a distância da zona de rebaixamento, justamente contra um dos principais candidatos a queda.

Na última rodada, o empate com o Sport em 1 a 1, na Ilha do Retiro, rendeu uma posição ao time do técnico Jorginho. Porém, o time ainda está na 15ª colocação.

No primeiro turno, no Orlando Scarpelli, Figueirense e Bahia ficaram no empate em 1 a 1.

Por Paulo B.


Dois times que sofreram derrotas na última rodada se enfrentam pelo Campeonato Brasileiro de 2012. O apelido do clássico entre São Paulo e Portuguesa é Norte-Sul Paulistano, devido à localização dos estádios dos clubes: o Morumbi ao sul e o Canindé na região norte da capital paulista.

Em posições bem diferentes no Brasileirão, o São Paulo ainda tenta perseguir os times do G4, enquanto a Portuguesa luta para continuar na zona intermediária da tabela e se manter longe do chamado Z4.

O tricolor paulista foi derrotado na última rodada pelo Atlético Mineiro e busca uma recuperação em seu estádio. Contando com o apoio de sua torcida, o time aposta no jovem Lucas e na experiência de Rogério Ceni para vencer a Lusa e conseguir os três pontos.

Pelo lado da Portuguesa, derrotada pelo Fluminense na última rodada, a expectativa é de conseguir ao menos um empate no Morumbi. Para isso, a Lusa conta os gols de Bruno Mineiro, que já marcou oito vezes no campeonato.

O jogo será realizado no dia 15 de setembro, às 18h30, no estádio do Morumbi, em São Paulo (SP).

Por Marcelo Araújo





CONTINUE NAVEGANDO: