Brasil x Honduras é o destaque de hoje no futebol brasileiro. Este é um amistoso que será realizado nos Estados Unidos, em Miami, no majestoso estádio Sun Life, e começará às 22h30 (horário de Brasília). Este jogo visa treinar a equipe para a Copa de 2014, a ser realizada no Brasil. Na terça-feira, dia 19/11, o Brasil ainda enfrentará o Chile, e este então será o último amistoso do Brasil em 2013. Assim, o técnico Felipão tem cada vez mais próxima a sua lista de jogadores para irem à Copa.

No Brasil, o zagueiro Thiago Silva não entrará em campo, já que está retornando de lesão, e dará lugar para Dante. Outro desfalque é Daniel Alves, que também será poupado. No lugar dele, entra Maicon. Outro que não jogará será Marcelo, entrando Maxwell em seu lugar. E por fim, Bernard (o craque do Atlético Mineiro), entrará no lugar de Hulk. Portanto, o time deve vir um pouco modificado, porém, ainda sim contará com seus costumeiros craques de bola.

No lado de Honduras, o time deve ser exatamente o mesmo que terminou bem a Concacaf, e que se classificou para a Copa do Mundo.

O destaque do jogo, como sempre, é Neymar, que atuou em todos os jogos com Luiz Felipe Scolari.

O Brasil enfrentou em 2001 Honduras pela Copa América de 2001, e alguns dizem que foi o maior vexame da história do futebol brasileiro.

brasil-x-honduras

Honduras 2 x 0 Brasil – Copa América 2001

Escalação do Brasil

Victor, Maicon, David Luiz, Dante e Maxwell; Luiz Gustavo, Paulinho e Oscar; Bernard, Neymar e Jô.

Escalação de Honduras

Noel Valadares; Arnold Peralta, Víctor Bernárdez, Maynor Figueroa e Emilio Izaguirre; Wilson Palacios; Jorge Claros; Roger Espinoza e Boniek García; Jerry Bengtson e Carlo Costly.

Trio de arbitragem para Brasil x Honduras

Não foi divulgado nem quem apitará este amistoso, e nem quem serão os assistentes (bandeirinhas).

Foto: Mowa Press
Foto: Mowa Press

A Seleção Brasileira está se preparando para mais um amistoso, desta vez contra a Zâmbia. A partida acontecerá na terça-feira, às 8:45 (hora de Brasília), no estádio conhecido como Ninho do Pássaro. O palco é espetacular e começou a ser construído em dezembro de 2003, custando uma verdadeira fortuna: aproximadamente US$ 450 milhões.

O estádio é fenomenal (algo que muito torcedor espera que seja o jogo!). Há uma clara referência arquitetônica aos Jogos Olímpicos de Pequim 2008, visível tanto pelas placas de publicidade como pela decoração das laterais do campo. A tecnologia está impregnada em todo o espaço, notadamente nos diversos televisores espalhados pelo cenário.

No espaço dedicado aos ídolos destas e de outras eras, o Brasil está bem representado por César Cielo e Maureen Maggi. Afinal, 2008 não foi mesmo um ano para ter o futebol como melhor lembrança, uma vez que amargamos um bronze, conquista após uma derrota por 3 a 0 para os argentinos nas semifinais.

Desta vez, embora se trate de um amistoso, os jogadores esperam que a partida revele a nova cara da seleção. No confronto entre Brasil e Zâmbia, a ser transmitido pela rede Globo e suas congêneres, torcemos para ver os fantasmas de derrotas passadas completamente sepultados.

Por Michelle de Oliveira


Brasil e PortugalDepois de golear a Austrália em sua última partida. Agora a Seleção Brasileira fará um novo amistoso, desta vez contra a seleção de Portugal. O jogo será realizado nos Estados Unidos, às 22:00, no Gillete Stadium.

A partida deverá ter um gostinho especial para o técnico Felipão. Isso porque ele treinou as duas seleções e em ambas conquistou títulos que o consagraram. Pela Seleção Brasileira, o técnico ganhou a Copa do Mundo de 2002. Já por Portugal ele ganhou a Eurocopa 2004 e ficou em 4º Lugar na Copa do Mundo de 2006.

E para a partida de hoje, parece que a maré de desfalques continua na Seleção Brasileira. Desta vez, quem deve ficar de fora é Marcelo, que sofreu uma lesão na coxa e dará lugar para Maxwell.

A escalação do Brasil para o jogo de hoje deverá ser a seguinte: Julio César; Maicon, David Luiz, Thiago Silva e Maxwell; Luiz Gustavo, Paulinho e Ramires; Oscar (Bernard), Neymar e Jô.

Já a escalação de Portugal deverá ter os seguintes nomes: Rui Patrício; João Pereira, Pepe, Bruno Alves e Coentrão; Miguel Veloso, João Moutinho, Raul Meireles e Vieirinha; Nelson Oliveira e Nani.

Quem quiser acompanhar a partida pela TV poderá assisti-la através dos canais Sportv e Globo. O site GloboEsporte.com também irá disponibilizar a transmissão do jogo.


Amistoso da Seleção BrasileiraA Seleção Brasileira faz nesta quarta-feira, dia 14 de agosto, mais um jogo amistoso em sua preparação para a Copa de 2014. Desta vez, o Brasil irá enfrentar a Suíça na Basileia.

O Brasil, que recentemente conquistou a Copa das Confederações 2013, chega para a partida embalado e confiante. A Seleção Canarinho espera fazer um belo jogo hoje para acabar de vez com qualquer desconfiança do torcedor brasileiro.

Porém, o jogo de hoje não deverá ser nada fácil, já que o Brasil terá pela frente um adversário com uma defesa fortíssima. Para se ter uma ideia, nas Eliminatórias da Copa a Suíça está com 14 pontos e apenas um gol sofrido.

Para complicar ainda mais a vida de Felipão, David Luiz sentiu um problema no joelho e deve ficar de fora da partida. Para seu lugar, devemos ter Dante.

O Brasil deve começar o jogo na formação 4-3-3, com Jefferson; Daniel Alves, Thiago Silva, Dante e Marcelo; Luiz Gustavo, Paulinho e Oscar; Hulk , Fred e Neymar.

Já a Suíça deverá entrar em campo no esquema 4-4-2, com Benaglio; Stephan Lichtsteiner, Senderos, Klose e Ricardo Rodriguez; Granit Xhaka, Valon Behrami, Dzemaili e Shaqiri;  Haris Seferovic e Valentin Stocker.

O jogo poderá ser assistido ao vivo pela Rede Globo, pelo canal Sportv e também através da internet, no site do GloboEsporte.com.

A partida terminou com derrota do Brasil por 1 a 0.


Foi com uma bela vitória de 3 a 0, com gols de Oscar, Hernanes e Lucas, que o Brasil venceu o amistoso contra a França e encerrou um jejum de mais de 20 anos sem triunfos sobre o rival. Este foi o último teste do técnico Luiz Felipe Scolari antes do início da Copa das Confederações, que começa no próximo sábado.

Desde que a bola rolou, o Brasil se deparou com a França se apresentando de forma bem traiçoeira: fechada e com velocidade nos contra-ataques. O primeiro tempo foi marcado por forte equilíbrio, com boas chances para ambos os lados, mas por ligeira vantagem técnica da seleção francesa.

Na etapa complementar, o Brasil voltou mais focado em busca da vitória. Não demorou para Fred cruzar e Oscar, bem colocado, chutar forte para o gol: 1 a 0.

Na reta final do jogo, a seleção brasileira ampliou. Lucas lançou para Neymar que, com categoria, acionou Hernanes. O jogador só teve o trabalho de chutar de canhota para o fundo do gol. Lucas, em cobrança de pênalti, fechou o placar em 3 a 0.

Após uma série de experiências na equipe nos últimos meses, contra o Japão, no próximo sábado, será para valer. Felipão espera conquistar com autoridade a Copa das Confederações para chegar com moral na Copa do Mundo de 2014. 

Por Júlio Abreu


O que já era previsto e, inclusive, estava sendo noticiado nos últimos dias, foi confirmado: Brasil e Portugal se enfrentarão em amistoso, no mês de setembro, dia 09, na cidade de Boston, EUA; três dias antes a seleção brasileira fará amistoso no Brasil, contra adversário ainda não definido.

O último jogo entre os países foi na Copa do Mundo de 2010, realizada na África do Sul, quando eram do mesmo grupo e se enfrentaram na última rodada da primeira fase, empatando em 0 a 0.

Depois da disputa da Copa das Confederações, o Brasil fará noves amistosos, e sabe-se que o primeiro deles será contra a Suíça, no dia 14 de agosto; no término do ano ainda acontecerá o Super-Clássico das Américas, contra a Argentina, quando somente jogadores que atuam no futebol sul-americano poderão ser convocados.

A lista para a disputa da Copa das Confederações sai no dia 15 de maio, e depois da convocação, serão apenas dois amistosos antes da estreia na competição, contra o Japão, 15 de junho: um contra a Inglaterra,no dia 02 de junho, e outro contra a França, no dia 09 do mesmo mês.

Por Vinicius Cunha


FBL-BIH-BRA-FRIENDLYBrasil e Chile realizam na noite de hoje mais um amistoso entre as seleções. A partida será realizada em Belo Horizonte, às 22:00, no estádio do Mineirão.

Esta será uma partida decisiva para os jogadores que querem carimbar a participação na Copa das Confederações 2013, isso porque este será o último amistoso da Seleção Brasileira antes da convocação para a competição (que deverá acontecer no dia 14 de maio).

Um dos jogadores que quer garantir a sua vaga na Copa das Confederações é Ronaldinho Gaúcho, que hoje estará jogando praticamente em casa, uma vez que ele atua sempre no Mineirão com a camisa do Atlético-MG. É importante lembrar que Ronaldinho Gaúcho está brigando com Kaká por uma vaga na competição. Enquanto Ronaldinho fez duas ótimas partidas e recebeu elogios do técnico Felipão, Kaká ainda não convenceu e periga ficar de fora da convocação.

O árbitro Carlos Amarilla (do Paraguai) irá apitar o jogo.

O técnico Felipão deverá escalar a Seleção Brasileira com a seguinte equipe: Diego Cavalieri; Jean, Dedé, Réver e André Santos; Fernando, Paulinho, Jadson e Ronaldinho Gaúcho; Neymar e Leandro Damião.

Já o técnico Jorge Sampaoli deverá escalar o Chile com os seguintes jogadores: Herrera; Acevedo, Rojas, Gonzales e Mena; Leal ou Figueiroa, Menezes  e Reyes; Vargas, Muñoz e Rubio.


neymar-marca-o-gol-da-vitoria-da-selecao-em-manchesterA lista de jogadores convocados para a Seleção Brasileira foi divulgada na tarde de hoje. Ao todo, 18 jogadores foram chamados para realizar a partida contra o Chile.

O amistoso entre Brasil e Chile acontecerá na próxima quarta-feira, dia 24 de abril, às 22:00, no Estádio do Mineirão, em Belo Horizonte.

Esta será a última convocação de Felipão antes da divulgação da lista de jogadores que irão participar da Copa das Confederações.

Até agora, Felipão realizou 4 jogos sob o comando da Seleção. Deste total, ele possui uma vitória (contra a Bolívia), dois empates (contra Itália e Rússia) e uma derrota (contra a Inglaterra).

Nesta nova convocação da Seleção Brasileira, Felipão praticamente manteve os mesmos jogadores do último amistoso. A única diferença está no retorno de 4 jogadores: Diego Cavalieri (Fluminense), Henrique (Palmeiras), Marcos Rocha (Atlético-MG) e Fernando (Grêmio).

Confira abaixo a lista completa de convocados:

  • Goleiros: Jefferson (Botafogo) e Diego Cavalieri (Fluminense).
  • Laterais: André Santos (Grêmio) e Marcos Rocha (Atlético-MG).
  • Zagueiros: Réver (Atlético-MG), Dedé (Vasco) e Henrique (Palmeiras).
  • Meias: Ronaldinho Gaúcho (Atlético-MG), Jadson (São Paulo), Jean (Fluminense), Fernando (Grêmio), Paulinho (Corinthians) e Ralf (Corinthians).
  • Atacantes: Osvaldo (São Paulo), Leandro Damião (Internacional), Neymar (Santos), Alexandre Pato (Corinthians) e Leandro (Palmeiras).

Em contato com a diretoria do Timão, a CBF, através de manifestação do técnico Felipão, anunciou que pretende convocar Alexandre Pato para o amistoso contra a Bolívia, dia 06/04, em Santa Cruz de la Sierra.

Apesar de não ter jogado as últimas partidas do Corinthians, o DM do clube afirma que o atleta não está lesionado, e que apenas passa por um processo de fortalecimento muscular e com intuito preventivo, devendo voltar a campo logo após a partida contra o Guarani de Campinas.

Com Luís Felipe Scolari, o atacante corintiano ainda não teve oportunidades com a amarelinha, porém, vale ressaltar que após o jogo contra a Rússia, Felipão terá feito apenas três jogos após a sua volta para a seleção.

O ex-jogador do Milan participou das Olimpíadas e faz parte da geração que ficou com a medalha de prata, inclusive, fazendo bons jogos ao lado do craque Neymar. Faltando pouco tempo para a Copa das Confederações 2013, a parte técnica não será problema para o corintiano convencer o treinador da seleção, porém, precisa se mostrar em boas condições físicas para conquistar de vez o seu lugar no selecionado brasileiro.

Por Vinicius Cunha


Nem a homenagem feita pela Federação Holandesa a alguns ídolos holandeses serviu para inspirar as seleções de Holanda e Alemanha. 

Nessa quarta-feira (14), Holanda e Alemanha entraram em campo em um dos confrontos mais esperados pelos admiradores do futebol. Repletas de desfalques importantes, as duas equipes mostraram um futebol sofrível, o que ficou desenhado no placar, que não saiu do zero.

Escaladas ofensivamente, Holanda e Alemanha sentiram o peso dos desfalques e fizeram um primeiro abaixo do esperado por ser um duelo que envolveu os times que foram segundo (Holanda) e terceiro (Alemanha) colocados na última Copa do Mundo. As chances de gols foram poucas, com lances de perigo inexistentes.

A seleção alemã foi superior na maior parte do primeiro tempo, levando perigo aos 21 minutos com Götze, que foi travado por Heintinga (Holanda) no momento da finalização.

A partida esfriou após o lance alemão esfriou, até que Robben (Holanda) recebeu de Afellay, aos 31 minutos e driblou o goleiro alemão Neuer, chutando para fora. Já no momento final da primeira etapa, a equipe alemã surpreendeu e por pouco não abriu o placar em boa jogada de Réus, que chutou de fora da área e acertou uma bomba no travessão, que foi pra fora em seguida.

No segundo tempo do jogo, as duas equipes, mesmo após várias mudanças feitas pelos técnicos, não conseguiram mudar a cara do jogo. Ao término do jogo, o tom de melancolia prevaleceu sobre o resultado zerado.

Por Renato Benevenuto


Na noite dessa quarta-feira, a Seleção Brasileira entrou em campo para jogar sua partida de número mil, contra a seleção da Colômbia, que atualmente ocupa a terceira colocação nas Eliminatórias Sul-americanas para a Copa do Mundo de 2014.

Como era esperado pelos atletas e comissão técnica da seleção brasileira, a Colômbia pressionou e deu espaços também. A partida terminou com o empate de 1×1, que de qualquer forma manteve o bom momento da seleção canarinho.

A seleção do Brasil iniciou a partida com bom toque de bola e foi pra cima da seleção colombiana. O adversário, porém, usou o entrosamento a seu favor, dando trabalho na saída para os contra-ataques. E foi de um contra-ataque que saiu o gol da Colômbia, aos 43 minutos do primeiro tempo, com bela enfiada de Rodriguez para Cuadrado, que bateu cruzado, sem dar chances de defesa a Diego Alves, goleiro do Brasil. 

Na segunda etapa, o time brasileiro voltou para o jogo com vontade de empatar e logo partiu pra cima do adversário. E aos 18 minutos conseguiu chegar ao gol de igualdade. Neymar pegou a bola, driblou dois marcadores colombianos e bateu colocado, deixando a seleção brasileira viva no jogo.

Após o gol de empate, o Brasil continuou apertando a seleção colombiana e conseguiu um pênalti aos 33 minutos. Neymar pegou a bola e foi para a cobrança. Aos 35 minutos, o craque brasileiro tomou distância, correu em direção da bola e… isolou a bola. 

Foi o último lance de perigo da partida, que terminou no empate. 

O próximo jogo da seleção brasileira é na quarta-feira, contra a Argentina. Para esse confronto, só poderão ser convocados jogadores que atuam em ambos os países.

Por Renato Benevenuto


A noite desta quarta-feira terá um grande evento. Um dos maiores clássicos mundiais entre seleções está marcado para às 22h. Brasil e Argentina entram em campo para se enfrentarem no "Superclássico das Américas", ostentando uma rivalidade histórica e incomparável.

Podendo utilizar apenas jogadores que atuam em algum desses dois países, o Brasil é franco favorito para a partida. Isso porque várias estrelas da seleção principal continuam a jogar por aqui.

Dedé, Paulinho, Lucas, Damião e Neymar são grandes exemplos disso. Esse último, inclusive, é o principal jogador em atividade no país. Além disso, outros novos jogadores convocados vêm em boa fase e podem brilhar na seleção, como por exemplo os meias Bernard e Wellington Nem. Luís Fabiano, veterano de seleção, é outro que pode jogar esta partida. O artilheiro foi convocado após um tempo afastado da seleção e espera poder formar uma boa dupla com Neymar.

Já a Argentina, com certeza sentirá falta de suas estrelas. Jogadores como Dí Maria, Higuaín, Aguero e Mascherano, não jogarão por atuarem fora. Mas, sem dúvidas, a maior ausência sentida será de Messi.

Melhor jogador do mundo, o argentino atua na Europa e, assim como os já citados, não pode ser convocado. Para o clássico, o treinador Alejandro Sabella convocou 4 argentinos bem conhecidos do torcedor brasileiro: Guinazu, Montillo, Martínez e Barcos, que podem ser ameaças para o time de Mano Menezes.

Com a expectativa de casa cheia, o Serra Dourada será o palco desse grande duelo, que promete dar alegrias ao torcedor brasileiro. 

Por Augusto Cesar





CONTINUE NAVEGANDO: