Paolo Guerrero está livre para assinar pré-contrato com outro time



  

Mesmo sendo ainda uma das principais estrelas do Corinthians, Paolo Guerrero tem a partir desta quinta-feira (15) a chance de assinar algum pré-contrato com qualquer outro time do Brasil e do mundo. Segundo uma regra da Fifa, o jogador pode fechar algum acerto com outro Clube seis meses antes do fim do atual contrato.

O documento que firma permanência de Guerrero com o Timão vai até 15 de julho, ou seja, a partir de hoje o peruano pode negociar com outros clubes. Contudo, isso não quer dizer que o time paulista não tenha interesse mais no jogador. Desde o ano passado o clube tenta uma renovação de seu contrato, só que o camisa 9 está pedindo além das possibilidades que se pode pagar. O peruano quer US$ 6 milhões, o que gira em torno de R$ 18 milhões de luvas para assinar o novo vínculo. O Corinthians afirma que está disposto em pagar até US$ 4 milhões, o que seria em média R$ 12 milhões. O restante que o atleta quer seria dado com exploração de marketing. Porém, nada ainda foi acertado. Novas conversas devem acontecer nas próximas semanas.

Mesmo afirmando várias vezes que tem o interesse em ficar no Timão e que se recusa a vestir a camisa de qualquer outro time brasileiro, o futuro de Guerrero continua incerto. E a situação fica um pouco delicada quando nos bastidores a notícia é de que o rival Palmeiras tem interesse em contratar o peruano. Também no ano de 2014 Guerrero recebeu propostas para atuar no West Ham da Inglaterra e em um clube chinês, mas ele recusou as recompensas.

Além de Guerrero, o atacante Emerson Sheik também vai poder negociar com outros clubes a partir de 31 de janeiro deste ano. O jogador estava emprestado para o Botafogo na temporada passada e agora está de volta ao Timão. Ele tem vínculo até o dia 31 de julho de 2015.





Por Carolina Costa

Paolo Guerrero

Foto: Divulgação



Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *