Conquistas do Cruzeiro em 2014



  

A final da Copa do Brasil foi merecidamente conquistada pelo Atlético Mineiro, que fez uma campanha incrível do começo ao fim, passando por poucos sustos e aplicando uma goleada histórica no até então atual campeão Flamengo.

O Cruzeiro perdeu sim os dois jogos e viu o Galo dominar o jogo na quarta-feira, onde o placar por 1×0 ficou de bom tamanho para time do Atlético-MG.

O Cruzeiro ganhou o Campeonato Mineiro e o Brasileirão desta temporada. Levantar o caneco do Campeonato Brasileiro por duas vezes seguidas não é tarefa fácil, precisa de uma equipe muito bem estruturada, porque são 38 jogos, onde o vencedor será conhecido por sua regularidade, ou, menos oscilações, como foi o caso do Cruzeiro, o vencedor mais que merecido.

O Cruzeiro foi preparado para vencer o Campeonato Brasileiro e o fruto dessa preparação, além de se sagrar campeão, foi deixar o time tão entrosado que conseguiu também chegar à final da Copa do Brasil. Mas o desgaste da equipe deve ser levado em conta também. São muitas partidas e o Cruzeiro sempre jogou em alto nível, o que com certeza provoca um desgaste muito grande nos jogadores. O Cruzeiro jogou as duas partidas que antecederam as finais da Copa do Brasil no domingo, enquanto que o Atlético no sábado. Não que isso seja a desculpa plausível pelas duas derrotas, mas os jogadores ainda estavam cansados e focados no título do Campeonato Brasileiro. Mas o Cruzeiro jogou bem as duas partidas e mostrou porque é hoje o melhor time do Brasil. Um time aguerrido e unido, com uma preparação acima de qualquer outra equipe nacional.

Com certeza, o Atlético Mineiro seja talvez hoje a única equipe a fazer frente com o Cruzeiro. Ao analisar os jogos, vemos um Atlético articulado e junto com a equipe da Raposa, farão um incrível Campeonato Mineiro, que deve ficar por conta das duas equipes a decisão.





Parabéns ao Cruzeiro, por tudo que realizou em 2014!

Por Luciana Viturino

Cruzeiro campe?o mineiro 2014

Cruzeiro campe?o brasileiro 2014

Fotos: Divulgação



Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *