Rumores sobre a ida do jogador Malcom do Corinthians para um time europeu



  

Na iminência de renovar o contrato com Guerrero, ídolo da torcida corintiana, o Timão vive outro dilema para 2015: o receio de perder o jovem atacante Malcom, do qual o clube tem apenas 30% dos direitos econômicos da joia oriunda da base do alvinegro; em matéria recente, o periódico inglês "The Guardian" publicou que Malcom está entre as 40 principais promessas do futebol mundial.

Perguntados, diretores do Corinthians não quiseram falar a respeito da possibilidade de perder Malcom para clubes do exterior, no entanto a possibilidade existe, principalmente pelo fato de 35% dos valores econômicos do jogador pertencerem a Fernando Garcia, irmão de Paulo Garcia, candidato à presidente do Timão. Caso a chapa desse candidato vença, Malcom corre o risco de ser vendido; o motivo seria evitar conflitos éticos, já que o atacante poderia se tornar em "o menino/pupilo do irmão do presidente".

Com contrato até o fim do primeiro semestre de 2016, Malcom se tornou titular do time corintiano após a saída de Romarinho para o futebol asiático; para completar, as outras opções, Romero, Luciano e Gustavo Tocantins, não agradaram o técnico Mano Menezes, que não hesitou em dar ao garoto da base, Malcom, a vaga de titular.

Além da situação política que envolve Malcom, a diretoria do Timão tem outra razão para temer a saída do jogador: recentemente, um jornalista da Escócia publicou nas redes sociais uma suposta conversa com a namorada de Malcom, a qual teria dito que uma transferência com um time inglês já estava fechada, e que após o Natal o jovem já partiria para a Europa.

Dos cinco jogadores que Mano Menezes subiu dos juniores para o profissional no início do ano, mais precisamente após a disputa da Copa São Paulo de Futebol Júnior, Malcom foi aquele que mais teve oportunidades com o treinador corintiano, já que o zagueiro Pedro Henrique e o lateral Guilherme Arana têm apenas completado o banco de reservas, e o volante Fabiano e o meia Zé Paulo foram emprestados.





Por Vinicius Cunha

Corinthians

Malcom do Corinthians

Fotos: Divulgação



Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *