Eliminatórias para a Copa do Mundo 2014 – Má fase da Seleção Paraguaia



A campanha do Paraguai nas eliminatórias para a Copa do Mundo de 2014 não lembra, nem de longe, os feitos do país mais recentes, quando disputou os últimos quatro mundiais. Na atualidade a seleção é a última colocada dos países da América do Sul, de um total de 9.

Só durante as eliminatórias, o país demitiu o treinador três vezes; primeiro foi Gerardo Martino, depois Francisco Arce, e por último Gerardo Pelusso, que estava no comando desde julho de 2012, mas não resistiu ao revés contra o Chile, na última sexta-feira, por 2 a 1.



Apenas quatro seleções da América do Sul garantem vaga diretamente na próxima edição da Copa do Mundo, a ser disputada no Brasil, e quem ficar em quinto lugar disputa uma repescagem; atualmente as cinco primeiras seleções são as seguintes: Argentina, Equador, Colômbia, Chile e Venezuela.

Não é difícil explicar a má fase, e o que mais vem pesando é a reformulação do time, já que grandes jogadores envelheceram e não mais atuam com a camisa da seleção, e os jovens não tiveram muito tempo de se preparar, além da falta de entrosamento.

Por Vinicius Cunha





Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *