Seleção de base – Projeto para selecionar jovens jogadores



  

Mesmo com pouco tempo sob o comando das seleções brasileiras de base, Gallo inovou e quer contar com o apoio de 15 ou mais auxiliares.

Oficialmente são dois, porém o treinador espera o auxílio dos comandantes de clubes para poder convocar os jogadores para o selecionado de base.

De acordo com Gallo, serão os treinadores das equipes brasileiras que indicarão a convocação ou não de determinado jogador, porém, são necessários vínculos entres os técnicos, e justamente por isto é que Gallo tem feito visitas aos clubes do país, como Corinthians, São Paulo, Cruzeiro, Atlético-PR, entre outros.





Um dos principais objetivos do treinador é fazer com que as equipes de base joguem na mesma tática do time de Felipão, para os jogadores irem se acostumando e não desapontarem em caso de uma convocação para a seleção principal.

Desejamos que o projeto dê certo e que o Brasil possa ver em campo grandes e talentosos jogadores, pois a fase atual não é boa nem para os "adultos", muito menos para os "aspirantes", haja vista a má campanha feita no Sul-Americano sub-20, onde a seleção foi eliminada na primeira fase.

Por Vinicius Cunha



1 comentário em “Seleção de base – Projeto para selecionar jovens jogadores

Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *