Grêmio – Torcida danifica Arena



  

Nesta última terça-feira, 05/03, o Grêmio venceu o Caracas por 4 a 1, no estádio Grêmio Arena, assumindo a liderança da chave 8 da competição, porém, nem tudo são flores para o tricolor gaúcho.

Sua apaixonada torcida, durante comemorações dos gols marcados, acabou se extrapolando e veio a danificar o patrimônio do clube, mais precisamente 15 assentos.

Em jogo realizado pela Pré-Libertadores, em janeiro deste ano, contra a LDU, a torcida também exagerou nas comemorações e um incidente com vítimas não fatais acabou acontecendo (devido a comemoração do tipo "avalanche").

Na época, a Conmembol advertiu o clube sulista, caso ocorresse situação similar, poderia haver punições, mas o comportamento se repetiu e agora a diretoria teme "represálias" por parte da Confederação.





Nesta Libertadores, alguns clubes já foram punidos: o Corinthians, devido ao comprtamento de sua torcida na Bolívia, em que um adolescente boliviano veio a óbito, vítima de um sinalizador; e também o Vélez da Argentina, por cenas de violência que a torcida  hermana provocou em jogo realizado no Uruguai, contra o Peñarol. O clube brasileiro com punição cautelar de sessenta dias sem apoio da torcida em jogos sulamericanos; o argentino com a punição de um jogo com portões fechados e multa.

Oxalá as punições supracitadas surtam efeitos e nos estádios desapareçam cenas de vandalismo.

Por Vinicius Cunha



Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *