Palmeiras – Jogadores são agredidos no Aeroporto de Buenos Aires



  

O clima no Palmeiras piora a cada dia.

Rebaixado no Campeonato Brasileiro no ano passado, com campanha apenas mediana no Campeonato Paulista e em situação preocupante na Copa Bridgestone Libertadores, a equipe alviverde viveu uma noite de horror no embarque da equipe de Buenos Aires – onde  perdeu para o Tigre, por 1 a 0, na noite de quarta-feira – para São Paulo. Torcedores cobraram mudanças, agrediram os jogadores e o goleiro Fernando Prass acabou ferido.

O principal alvo dos torcedores era o meia Valdivia, cujo futebol vem sendo muito criticado. Wesley também sofreu com os protestos. Os seguranças do clube não conseguiram controlar a confusão. No meio dos protestos, objetos foram lançados nos jogadores e comissão técnica e Prass levaram a pior. Sangrando após ser atingido por pedaços de vidro, o goleiro teve de receber atendimento no posto médico do aeroporto.





É nesse clima que o Palmeiras, de volta ao Brasil, terá de focar na próxima rodada do Campeonato Paulista.

O Alviverde enfrenta o São Paulo, domingo, às 16h,  no Morumbi, em busca da vitória para evitar que a hostilidade aumente ainda mais.

Por Julio Abreu



Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *