Prefeitura Belo Horizonte quer reduzir recursos da educação para Copa do mundo



Os problemas ocasionados pela vinda da Copa do Mundo de 2014 ao Brasil começam a surgir e a notícia preocupante da vez vem de Minas Gerais, pois nesta sexta-feira, dia 14 de dezembro de 2012, o prefeito de Belo Horizonte Márcio Lacerda entrou com uma ação cautelar no STF (Supremo Tribunal Federal) para diminuir o orçamento da educação e destinar este recurso para as obras do evento esportivo.

Com isso, o prefeito solicita a redução do valor de 30% do orçamento municipal para a educação e pede o cumprimento da Constituição Federal que exige apenas 25%.



Se o STF aprovar a ação cautelar de Belo Horizonte, a área da educação – valorizada pela presidente com os royalties do petróleo – terá cerca de 500 milhões de reais a menos para o ano de 2013.

Fonte: Valor Online

Por Ana Camila Neves Morais





1 comentário em “Prefeitura Belo Horizonte quer reduzir recursos da educação para Copa do mundo

Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *