Projeto de Lei pode barrar Games com Conteúdo Ofensivo



  

O projeto que tenta criminalizar a fabricação, importação ou distribuição de jogos que contenham conteúdos ofensivos, obteve mais um passo para sua aprovação. Criado pelo deputado do PMDB de Roraima, Valdir Raupp, o projeto teve a “benção” de Serys Slhessarenko, que é senadora do Partido dos Trabalhadores do Mato Grosso.  

No relatório emitido pela senadora Serys, que trabalha na Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania, consta voto pela aprovação do tal projeto, o qual agora seguirá para a Comissão e Constituição e Justiça, onde acontecerá nova votação.  Sendo aprovado, ocorrerá uma alteração na lei 7716/89, ou seja, os conteúdos ofensivos veiculados em games serão considerados semelhantes ao artigo 20 desta lei, que trata do crime de preconceito.  Caso haja infração, a pena seria de um até três anos de reclusão.





Tal fato pode causar severas consequências no mercado nacional de games. Pelo menos é o que pensam os proprietários de lojas e até a Associação Brasileira de Jogos Eletrônicos, a Abragames.  E você qual a sua opinião? Concorda com o projeto?

Por Oscar Ariel



Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *